Noripurum: para que serve, como usar e efeitos colaterais

Revisão clínica: Flávia Costa
Farmacêutica
junho 2022

O Noripurum é um remédio indicado para o tratamento de anemias causadas por deficiência de ferro, no entanto, também pode ser usado em pessoas que não têm anemia, mas que apresentam níveis baixos de ferro.

Este medicamento pode ser encontrado na forma de comprimidos mastigáveis, xarope ou gotas, tendo cada um deles uma maneira diferente de tomar e pode ser comprado em farmácias ou drogarias mediante prescrição médica. Além disso, o Noripurum também pode ser encontrado na forma de injeção, aplicada pelo enfermeiro em hospitais, sob supervisão médica.

O uso do Noripurum deve ser feito somente com indicação médica, após confirmação do diagnóstico de deficiência de ferro ou anemia ferropriva, com doses e pelo tempo de tratamento de forma individualizada. Saiba identificar os sintomas de anemia por falta de ferro.

Para que serve

O Noripurum é indicado para:

  • Deficiência nutricional de ferro, com presença de sintomas leves ou que ainda não apresenta sintomas;
  • Anemias ferroprivas causadas por subnutrição ou carências alimentares;
  • Anemias causadas pela má absorção intestinal de ferro;
  • Anemias por deficiência em ferro, durante a gravidez ou amamentação;
  • Anemias no 3º trimestre da gravidez ou no pós-parto;
  • Anemias devido a sangramento recente ou por períodos longos.
  • Anemias ferropênicas graves, que acontecem após hemorragias, partos ou cirurgias;
  • Distúrbios de absorção gastrointestinal;
  • Correção da anemia ferropênica no pré-operatório de grandes cirurgias;
  • Anemias ferroprivas que acompanham a insuficiência renal crônica.

O Noripurum contém ferro tipo III na sua composição, que é indispensável para a formação de hemoglobina, que é uma proteína que permite o transporte de oxigênio pelo sistema circulatório. Entenda melhor o que é a anemia ferropriva e suas causas.

Como usar

A forma de uso do Noripurum dependem da apresentação do remédio e incluem:

1. Noripurum comprimidos de 100 mg

Os comprimidos mastigáveis de Noripurum devem ser mastigado, durante ou imediatamente após uma refeição, podendo ser usados por crianças a partir de 1 ano de idade, adultos, grávidas ou lactantes.

A dose e a duração do tratamento variam muito em função do problema da pessoa, devendo sempre ser orientado pelo médico.

As doses normalmente recomendadas de Noripurum comprimido mastigável são:

IdadeDose diária de Noripurum comprimido mastigável

Crianças de 1 a 12 anos

1 comprimido de 100 mg, 1 vez por dia, conforme orientação do pediatra

Crianças com mais de 12 anos

1 comprimido de 100 mg, 1 a 3 vezes por dia, conforme orientação do pediatra

Grávidas

1 comprimido de 100 mg, 1 a 3 vezes por dia, conforme orientação do obstetra

Mulheres em amamentação

1 comprimido de 100 mg, 1 a 3 vezes por dia, conforme orientação médica

Adultos

1 comprimido de 100 mg, 1 a 3 vezes por dia, conforme orientação médica

Como complemento deste tratamento, pode-se fazer também uma alimentação rica em ferro. Confira a lista completa de alimentos ricos em ferro.

2. Noripurum gotas 50 mg/mL

O Noripurum gotas tem na sua composição 50mg/mL de ferro tipo III, devendo ser tomada por via oral, sendo que a dose diária pode ser ingerida de uma vez ou dividida em doses separadas, durante ou imediatamente após as refeições, podendo ser misturada com mingau, suco de frutas ou leite. As gotas não devem ser dadas diretamente na boca das crianças.

As gotas de Noripurum estão indicadas para crianças a partir do nascimento, em adultos, grávidas ou lactantes. Assim, a dose diária recomendada varia da seguinte forma:

IdadePrevenção da anemiaTratamento da anemia
Prematuros----1 a 2 gotas por kg de peso corporal, por dia
Crianças até 1 ano6 a 10 gotas por dia10 a 20 gotas por dia
Crianças de 1 a 12 anos10 a 20 gotas por dia20 a 40 gotas por dia
Crianças com mais de 12 anos20 a 40 gotas por dia40 a 120 gotas por dia
Adultos20 a 40 gotas por dia40 a 120 gotas por dia
Mulheres em amamentação20 a 40 gotas por dia40 a 120 gotas por dia
Grávidas40 gotas por dia80 a 120 gotas por dia

As doses e a duração do tratamento com Noripurum gotas varia muito em função do problema da pessoa, e deve ser feito somente com indicação médica.

4. Noripurum xarope 10 mg/mL

O xarope de Noripurum contém 10 mg de ferro III em cada mL da solução, e deve ser tomado por via oral, durante ou imediatamente após as refeições, utilizando o copo-medida fornecido na embalagem.

A dose diária pode ser tomada de uma vez ou dividida em doses separadas, conforme orientado pelo médico, e geralmente são:

Idade

Quantidade total de xarope de Noripurum por dia

Prematuros, lactentes e crianças até 1 ano de idade

2,5 a 5,0 mL do xarope por dia

Crianças de 1 a 12 anos

2,5 a 10,0 mL do xarope por dia

Crianças com mais de 12 anos

5,0 a 30,0 mL do xarope por dia

Adultos

5,0 a 30,0 mL do xarope por dia

Grávidas

5,0 a 30,0 mL do xarope por dia

Mulheres em amamentação

5,0 a 30,0 mL do xarope por dia

No caso da pessoa ter dificuldade para tomar o xarope, pode-se misturar a dose com sucos de fruta, leite ou mingau, por exemplo.

4. Noripurum injetável 100 mg/5mL

O Noripurum injetável 100 mg/5mL deve ser aplicado diretamente na veia, em hospital ou posto de saúde, administrada por um enfermeiro e sob a supervisão do médico.

A dose diária deve ser calculada individualmente pelo médico de acordo com o grau de deficiência em ferro, o peso e os valores de hemoglobina no sangue.

Possíveis efeitos colaterais

No caso dos comprimidos e das gotas, os efeitos colaterais do Noripurum são raras, mas pode ocorrer dor abdominal, prisão de ventre, diarreia, enjoo, dor de barriga, má digestão e vômito. Além disso, também podem ocorrer reações na pele como vermelhidão, urticária e coceira.

No caso do noripurum injetável, pode ocorrer com alguma frequência alteração passageira do paladar. Os efeitos colaterais mais raros são pressão arterial baixa, febre, tremores, sensação de calor, reações no local da injeção, enjoo, dor de cabeça, vertigens, aumento dos batimentos cardíacos, palpitações, falta de ar, diarreia, dor muscular e reações na pele como vermelhidão, urticária e coceira.

É também muito frequente o escurecimento das fezes em pessoas que estão a fazer tratamento com ferro.

Quem não deve usar

O Noripurum não deve ser usado em pessoas com alergia ao ferro III ou a qualquer outro componente da fórmula, que tenham doenças agudas no fígado, doenças gastrointestinais, com anemias não causadas pela deficiência em ferro ou pessoas que são incapazes de o utilizar, ou mesmo em situações de sobrecarga férrica.

Além destes casos, o Nopirum injetável também não deve ser usado no primeiro trimestre da gravidez.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em junho de 2022.

Bibliografia

  • TAKEDA PHARMA LTDA. Noripurum EV (sacarato de hidróxido férrico 100mg/5mL). 2009. Disponível em: <https://www.takeda.com/4ab345/siteassets/pt-br/home/what-we-do/produtos/noripurum-ev_vps_v2.pdf>. Acesso em 02 jun 2022
  • DELOUGHERY, T. G. Iron Deficiency Anemia. Med Clin North Am. 101. 2; 319-332, 2017
Mostrar bibliografia completa
  • MEANS, R. T. Iron Deficiency and Iron Deficiency Anemia: Implications and Impact in Pregnancy, Fetal Development, and Early Childhood Parameters. Nutrients. 12. 2; 447, 2020
  • TAKEDA PHARMA LTDA. Noripurum - Gotas, Comprimido e Xarope. 2019. Disponível em: <https://docs.google.com/gview?url=https://uploads.consultaremedios.com.br/drug_leaflet/Bula-Noripurum-Paciente-Consulta-Remedios.pdf?1580412188&embedded=true>. Acesso em 02 jun 2022
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.