Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve a lâmpada de Wood

A lâmpada de Wood, também chamada de luz de Wood ou LW, é um aparelho diagnóstico muito utilizado na dermatologia e na estética com o objetivo de verificar a presença de lesões de pele e suas características de extensão de acordo com a fluorescência observada quando a lesão analisada é exposta à luz UV de baixo comprimento de onda.

A análise da lesão na luz de Wood deve ser feita em ambiente escuro e sem luz visível para que o diagnóstico seja o mais correto possível e, assim, o dermatologista possa indicar a melhor opção de tratamento. 

Para que serve a lâmpada de Wood

Para que serve

A lâmpada de Wood é utilizada para determinar o grau e a extensão da lesão dermatológica, auxiliando o diagnóstico e a definição do tratamento. Assim, a LW pode ser utilizada para:

  • Diagnóstico diferencial de dermatoses infecciosas, que podem ser causadas por fungos ou bactérias;
  • Lesões hipo ou hipercrômicas, com o vitiligo e o melasma, por exemplo;
  • Porfiria, que é uma doença caracterizada pelo acúmulo de substâncias no organismo que são precursoras da porfirina, o que pode ser detectado na urina, além da avaliação das lesões de pele;
  • Presença de oleosidade ou ressecamento da pele, podendo a LW ser utilizada antes de procedimentos estéticos, pois permite que o profissional verifique as características da pele e determine o procedimento estético mais adequado para aquele tipo de pele.

De acordo com a cor de luminescência, é possível identificar e diferenciar as lesões dermatológicas. No caso das dermatoses infecciosas, a fluorescência representa o agente infeccioso, mas no caso da porfiria, a fluorescência acontece em função das substâncias presentes na urina.

No caso dos distúrbios de pigmentação, a lâmpada de Wood é utilizada não só para avaliar os limites e características da lesão, mas também verificar a presença de lesões subclínicas que não foram identificadas no exame dermatológico convencional, apenas por fluorescência.

Apesar do uso da lâmpada de Wood ser muito eficaz no diagnóstico e acompanhamento da evolução das lesões, o seu uso não dispensa o exame dermatológico convencional. Entenda como é feito o exame dermatológico.

Como funciona

A lâmpada de Wood é um equipamento pequeno e barato que permite identificar diversas lesões dermatológicas de acordo com o padrão de fluorescência observado quando a lesão é iluminada em um comprimento de onda baixo. A luz UV é emitida em um comprimento de onda de 340 a 450 nm por um arco de mercúrio e é filtrada por uma chapa de vidro composto de silicato de bário e 9% de óxido de níquel.

Para que o diagnóstico seja o mais correto, é preciso que a avaliação da lesão pela lâmpada de Wood seja feita a 15 cm da lesão, em um ambiente escuro e sem luz visível, de modo que apenas a fluorescência da lesão seja percebida. O padrão de fluorescência das lesões dermatológicas mais frequentes são:

DoençaFluorescência
TineaAzul-esverdeado ou azul claro, dependendo da espécie causadora da doença;
Pitiríase versicolor                  Amarelo-prateado
EritrasmaVermelho-alaranjado
AcneVerde ou laranja-avermelhado
VitiligoAzul brilhante
MelasmaMarrom-escuro
Esclerose tuberosaBranco
PorfiriaUrina vermelha-alaranjada
Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar