O que você precisa saber?

Inchaço nas Pernas - Causas e Tratamentos

O inchaço nas pernas é uma retenção de líquidos geralmente causada pela má circulação sanguínea que afeta, principalmente, os idosos e as mulheres grávidas. Ela pode ser causada por situações como alterações hormonais, sedentarismo, doença renal ou doença cardíaca e nem sempre é grave, mas deve-se estar atento a este sinal, pois, quando é constante, pode necessitar de tratamento médico.

As pernas inchadas e vermelhas ou "vazando" água são mais comuns em idosos com problemas circulatórios e quando isso acontece ele deve ser avaliado pelo médico para que seja definido o tratamento. Em alguns casos, compressas de água morna podem aliviar a área vermelha e inchada. Em outros, pode ser indicado até mesmo o uso de antibiótico, por se tratar de uma infecção conhecida como Erisipela. 

Inchaço nas Pernas - Causas e Tratamentos

O acúmulo de líquidos no corpo pode ser causado por uma circulação sanguínea deficiente e, quando isto não é devidamente tratado, a pele, por ficar mais frágil, pode ser acometida por inflamação e até mesmo infecção. Por isso, procure sempre um médico clínico geral ou vascular para a avaliação do inchaço.

Porque as pernas ficam inchadas depois do parto?

Ficar com as pernas inchadas após o parto é normal e isto se deve ao extravasamento de líquido dos vasos sanguíneos para a camada mais superficial da pele. Este inchaço das pernas dura de 7 a 10 dias e pode ser amenizado se a mulher caminhar mais, beber bastante água ou tomar algum suco diurético, por exemplo.

Além disso, é recomendado que a recente mãe fique sentada com as pernas mais elevadas que o corpo para que o inchaço vá diminuindo aos poucos. Colocar travesseiros ou almofadas por baixo do calcanhar quando está deitada também é uma boa opção para desinchar as pernas naturalmente. 

Como combater o inchaço nas pernas

Ficar com as pernas inchadas pode indicar que a pessoa tem que se movimentar mais e tem que melhorar sua alimentação, evitando o sal e os alimentos ricos em sódio, como os industrializados. Esse mal atinge principalmente os sedentários e, para combatê-lo, uma boa dica é comer alimentos que tenham ação diurética, como a melancia, o melão e o pepino. Saiba mais alimentos diuréticos.

Apesar de não parecer, quanto mais água consumir, melhor. Seja ela natural, nos sucos ou nos chás, o importante é manter o organismo devidamente hidratado. Saiba mais no vídeo a seguir:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...