Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Saiba o que significa Hormônio ACTH alto ou baixo

O hormônio adrenocorticotrófico, também conhecido como corticotrofina e pela sigla ACTH é produzido pela hipófise e serve especialmente para avaliar problemas relacionados às glândulas pituitária e suprarrenais. Dessa forma, a dosagem de ACTH é útil para identificar situações como a Síndrome de Cushing, Doença de Addison, Síndrome de secreção ectópica, Câncer de Pulmão e de tireoide e Insuficiência da glândula adrenal, por exemplo.

O exame de ACTH normalmente é solicitado pelo médico juntamente com a dosagem do cortisol para que se possa avaliar a relação entre esses dois hormônios, já que o ACTH estimula a produção de cortisol. O valor normal de ACTH no sangue é de até 46 pg/mL, podendo variar de acordo com o laboratório em que o exame é realizado e hora da coleta, já que os níveis desse hormônio variam ao longo do dia, sendo recomendada a coleta pela manhã.

O preço do exame ACTH varia entre R$38 e R$50,00 dependendo do laboratório, no entanto, é disponibilizado pelo SUS.

Saiba o que significa Hormônio ACTH alto ou baixo

Possíveis alterações do ACTH

O ACTH é secretado aos poucos durante o dia, tendo níveis mais altos às 6 e 8h e níveis mais baixos às 21 e 22h. A produção desse hormônio aumenta principalmente em situações de estresse, o que estimula a produção de liberação de cortisol, que é responsável por controlar o estresse, ansiedade e inflamações. Saiba mais sobre o cortisol e para que serve.

As possíveis alterações do ACTH podem ser:

ACTH alto

  • Síndrome de Cushing, que pode levar ao aumento da produção de ACTH pela hipófise;
  • Insuficiência adrenal primária;
  • Síndrome adrenogenital com produção diminuída de cortisol;
  • Uso de anfetaminas, insulina, levodopa, metoclopramida e mifepristona.

Concentrações muito elevadas de ACTH no sangue podem aumentar a quebra de lipídios, aumentando a concentração de ácidos graxos e glicerol no sangue, estimular a secreção de insulina e aumentar a produção do hormônio do crescimento, o GH. Entenda o que é e para que serve o GH.

ACTH baixo

  • Hipopituitarismo;
  • Insuficiência pituitária de ACTH - adrenal secundária;
  • Uso de corticosteróides, estrogênios, espironolactona, anfetaminas, álcool, lítio, gravidez, fase do ciclo menstrual, atividade física.

O exame é solicitado pelo médico quando a pessoa apresenta sintomas relacionados ao aumento ou diminuição de cortisol na corrente sanguínea. Sinais que podem indicar cortisol alto são excesso de peso, pele fina e fragilizada, estrias avermelhadas na barriga, acne, aumento de pelos no corpo e os sinais que podem indicar cortisol baixo são fraqueza, cansaço, perda de peso, escurecimento da pele e perda do apetite. 

Recomendações para o exame

Para realizar o exame é indicado que a pessoa faça um jejum de pelo menos 8 horas ou de acordo com a orientação médica e que a coleta seja feita pela manhã, de preferência 2 horas após a pessoa acordar.

Além disso também é importante não realizar atividade física no próprio dia do exame e nem no dia anterior e diminuir o consumo de carboidratos como pão, arroz, batata e macarrão 48 horas antes do exame, já que este hormônio atua na regulação de proteínas, glicose e do metabolismo de lipídios.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...