Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Eritema infeccioso

O eritema infeccioso é uma doença viral, benigna e muito contagiosa que afeta principalmente as crianças e os adolescentes. Ela é conhecida popularmente com o nome de 5ª doença ou 5ª moléstia e é causada pelo parvovírus humano B19.

Transmissão do eritema infeccioso

A transmissão do eritema infeccioso se dá através do contato com as secreções do indivíduo contaminado, especialmente durante a primavera.

A infecção também pode ocorrer durante a gravidez trazendo danos ao feto e, por isso, a grávida deverá ser observada por um médico.

Sintomas de eritema infeccioso

O sintomas do eritema infeccioso são:

  • vermelhidão nos braços, tronco, coxas e nádega;
  • febre,
  • mal-estar,
  • dores de cabeça e articulares,
  • bochechas vermelhas.

O diagnóstico da doença é feito pela aparência da pele do paciente e pelo resultado do exame de sangue.

Tratamento para eritema infeccioso

O tratamento tem o objetivo de aliviar os sintomas e é feito com a ingestão de analgésicos, anti-térmicos e anti-histamínicos. A criança deverá ficar de repouso em casa nos primeiros 3 dias e após este período poderá voltar as suas atividade normais, mesmo que as pintinhas na pele ainda não tenham desaparecido completamente.

A exposição à luz do sol faz com que a reação reapareça.

Prevenção do eritema infeccioso

Não há vacina para prevenir o eritema infeccioso e, por isso, para prevenir a doença é importante lavar bem as mãos, não colocar as mãos na boca e evitar as secreções diretas de outras pessoas.

Link útil:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...