Dieta da fruta: como fazer (com cardápio)

Atualizado em dezembro 2023

A dieta da fruta é baseada no consumo de frutas, legumes, whey protein e uma fonte de proteína magra, e que promete emagrecimento. Isso porque essa dieta é rica em fibras que melhoram o funcionamento do intestino, diminuindo a barriga, e aumentando a sensação de saciedade, controlando a ingestão de alimentos.

Esta dieta, que foi desenvolvida pelo nutricionista Jay Robb, deve ser feita por 3 dias e, segundo o criador, permite dar ao sistema digestivo uma pausa no consumo dos alimentos processados, favorecendo a desintoxicação do organismo e aumentando a queima de gordura corporal.

No entanto, ainda não existe comprovação científica sobre os benefícios da dieta da fruta para a saúde ou emagrecimento. Por isso, ao decidir fazer uma dieta, é aconselhado sempre consultar o nutricionista, para fazer uma avaliação completa elaborar um plano alimentar individualizado.

Imagem ilustrativa número 1

Como fazer

A dieta da fruta deve ser feita por apenas 3 dias seguidos, sendo recomendado ingerir de 900 a 1000 calorias por dia.

No primeiro dia da dieta, deve-se consumir somente whey protein, vegetais e gorduras saudáveis. Já no segundo dia e terceiro dia, pode-se comer as frutas e de 100 a 125 g de proteínas magras.

O consumo de proteína magra nessa dieta, ajuda a preservar os músculos, enquanto as frutas e vegetais fornecem fibras, vitaminas e minerais importantes para o funcionamento do organismo e para ajudar no controle da fome.

A dieta da fruta emagrece 9kg em 3 dias?

Acredita-se que a dieta da fruta emagrece 9 Kg em 3 dias. No entanto, o emagrecimento, que é o mesmo que perder gordura corporal, é possível somente quando se mantém uma dieta pobre em calorias por pelo menos 7 dias.

Entretanto, a dieta da fruta pode ajudar a eliminar o excesso de líquido corporal e melhorar o funcionamento do intestino, ajudando a perder peso e circunferência da cintura.

O que comer

Os alimentos permitidos na dieta da fruta são:

  • Frutas frescas e orgânicas, como mamão, morango, bacuri, melão, banana, abacaxi, maçã e abacate;
  • Vegetais frescos e orgânicos, de preferência crus, como espinafre, brócolis, cenoura, couve, chuchu, pepino e tomate;
  • Proteínas magras como carne de frango, peixe, ovo, peru e tofu;
  • Gorduras saudáveis, como abacate, azeite ou óleo de linhaça;
  • Whey protein.

O criador dessa dieta também recomenda praticar exercícios físicos, mas que devem ser de baixa intensidade, como caminhadas ou alongamentos. Além disso, é recomendado beber cerca de 12 copos de água por dia.

Além disso, também é recomendado fazer as refeições de 2 em 2 horas e somente entre às 08:00 e 16:00.

O que evitar

Os alimentos que não devem ser consumidos durante a dieta da fruta incluem:

  • Carboidratos como arroz, macarrão, farinha de trigo, pães, bolos, biscoitos e massas;
  • Doces e açúcar de todos os tipos, como chocolates, bolos e biscoitos;
  • Carnes processadas como salsicha, linguiça, mortadela, bacon, salame, presunto e peito de peru;
  • Alimentos industrializados como sucos prontos, refrigerantes, enlatados e temperos em pó ou na forma de caldo de legumes e carne;
  • Sal e alimentos ricos em sal como tempero em cubos, molho inglês, molho shoyu e comida pronta congelada;
  • Bebidas como refrigerantes, bebidas alcoólicas, café, chá preto e chá verde.

Além dos alimentos listados não se deve usar suplementos alimentares enquanto se faz a dieta da fruta.

Cardápio da dieta da fruta

A tabela a seguir traz um exemplo de cardápio de 3 dias da deita da fruta:

Refeição Dia 1 Dia 2 Dia 3
Café da manhã (08:00) Shake preparado com 20 a 40 g de whey protein e água 2 xícaras (de chá) de melão picado 1 banana média
Lanche da manhã (10:00) Shake preparado com 20 a 40 g de whey protein e água 2 xícaras (de chá) de kiwi picado 2 xícaras (de chá) de morangos
Almoço (12:00) Shake preparado com 20 a 40 g de whey protein e água 2 maçãs médias 1 pera grande
Lanche da tarde (16:00) Shake preparado com 20 a 40 g de whey protein e água 1 manga grande 2 fatias de melancia
Jantar (18:00) De 3 a 6 xícaras de salada crua com alface, cenoura, abobrinha, tomate, temperada com 1 col de sopa de azeite + 150 g de frango grelhado De 3 a 6 xícaras de salada crua com rúcula, alface, cebola, beterraba, pepino e 1/2 abacate+ 150 g de peixe assado De 3 a 6 xícaras de salada crua com pimentão, tomate, abobrinha, repolho e espinafre, temperado 

Esse cardápio é apenas um exemplo da dieta da fruta, que pode variar conforme o estado de saúde e as necessidades nutricionais de cada pessoa. Por isso, antes de iniciar qualquer dieta, é recomendado consultar um nutricionista para fazer uma avaliação completa e planejar uma dieta de forma individualizada.

Marque uma consulta com um nutricionista na região mais próxima para você:

Cuidar da sua saúde nunca foi tão fácil!

Marque uma consulta com nossos Nutricionistas e receba o cuidado personalizado que você merece.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

Foto de uma doutora e um doutor de braços cruzados esperando você para atender

Cuidados com a dieta

A dieta da fruta pode causar fome, cansaço, tontura, fraqueza ou desmaio devido ao baixo consumo de calorias. Além disso, quando feita por mais de 3 dias, essa dieta também pode causar deficiências nutricionais ou aumentar os níveis de açúcar no sangue, por exemplo.

Quem não deve fazer

Por ser muito restritiva em nutrientes e calorias, a dieta da fruta não deve ser feita por mulheres grávidas ou em período de amamentação, idosos, crianças, adolescentes ou pessoas que tenham anemia, osteoporose ou problemas no coração, rins, fígado ou vesícula biliar.

Além disso, essa dieta deve ser evitada por pessoas com compulsão alimentar, anorexia, diabetes, pré-diabetes, resistência à insulina ou síndrome dos ovários policísticos.

Como emagrecer de forma saudável

Algumas dicas que ajudam a emagrecer de forma saudável são:

  • Fazer uma reeducação alimentar, que favorece a escolhas alimentares mais saudáveis, ajudando no emagrecimento. Saiba como é a reeducação alimentar;
  • Praticar atividades físicas regularmente, como musculação, bicicleta, dança ou lutas, que aceleram o metabolismo, ajudando a emagrecer;
  • Fazer a dieta low carb, um estilo de alimentação onde se reduz a quantidade de alimentos ricos em carboidratos e gorduras, acelerando o metabolismo e favorecendo o emagrecimento;
  • Evitar alimentos ultraprocessados, como refrigerante, sorvete, refeições do tipo fast food, já que muitos desses alimentos contêm muito açúcar e gordura, aumentando as calorias da dieta e dificultando o emagrecimento.

Além disso, para emagrecer de forma saudável, é importante também dormir de 7 a 9 horas por noite. Isso porque durante o sono que acontece a produção de grelina e leptina, hormônios que regulam a fome e a saciedade.