O que você precisa saber?

6 doenças que podem ser causadas pela Obesidade e como se proteger

A obesidade ocorre quando a pessoa possui IMC igual ou superior a 35 kg/m² e é uma doença que contribui para o desenvolvimento de outros problemas, como diabetes, problemas respiratórios e ataques cardíacos. Para se proteger é preciso travar as suas causas que envolvem um estilo de vida sedentário e a má alimentação.

As consequências da obesidade na infância e na adolescência são ainda mais graves, pois a criança ou o adolescente encontram-se em fase de crescimento, podendo afetar o desenvolvimento e diminuir os anos de vida. Para saber se está em risco de desenvolver estas doenças insira seus dados:

Erro
anos
Erro
m
Erro
kg
Erro
Erro

As doenças que podem ser causadas pela obesidade são:

1. Doenças cardiovasculares

O excesso de gordura acumulada nas artérias pode levar ao aparecimento de hipertensão arterial, insuficiência cardíaca e ataque cardíaco. Além disso, pode contribuir para o aumento dos triglicerídeos e do colesterol e para o desenvolvimento ou agravamento de varizes nas pernas.

2. Diabetes e gota

O excesso de peso contribui para um maior risco de desenvolver diabetes mellitus tipo 2 e gota.

3. Problemas respiratórios

Geralmente o paciente obeso devido à grande quantidade de gordura tem dificuldade em respirar e fica cansado facilmente e, pode apresentar apneia de sono.

4. Complicações no aparelho urinário e reprodutor

A mulher obesa pode ter amenorreia, que é a ausência da menstruação, produção excessiva de pelos no queixo, costas e barriga e até mau funcionamento dos rins. No homem é comum o surgimento de incontinência urinária de esforço e infertilidade.

5. Desgaste dos ossos e articulações

O excesso de peso pode levar ao desgaste precoce das articulações da coluna, dos joelhos e tornozelos, havendo maior risco de desenvolver hérnias e maior chance de quedas e fraturas.

6. Surgimento de câncer

A má alimentação leva ao aumento do risco de desenvolver, no homem, câncer colo-retal e câncer da próstata e, na mulher, câncer de mama, do endométrio, do ovário e das vias biliares.

Os indivíduos com obesidade mórbida, que é quando tem IMC igual ou superior a 40, têm ainda maior risco de desenvolver estes problemas de saúde e por em risco a vida.

Complicações da obesidadeComplicações da obesidade

Consequências psicológicas e sociais da obesidade

Devido ao excesso de peso, a pessoa obesa tem tendência a isolar-se dos colegas e amigos pois tem baixa auto-estima, permanecendo muito tempo em casa sem conviver com familiares.

Além disso, por vezes, a pessoa com obesidade sofre de discriminação na rua e no trabalho por parte dos outros indivíduos, tendo maior dificuldade em arranjar um emprego, por exemplo.

Em casos mais graves, a pessoa com obesidade pode sofrer de depressão e pode ter que tomar remédios para ajudar a diminuir o peso e a curar a depressão.

Como se proteger das complicações da obesidade

A melhor forma de se proteger das complicações da obesidade é perder peso. O emagrecimento deve ser feito de forma gradual para que não ocorram alterações na saúde devido à falta de nutrientes, devendo ser sempre acompanhado por um nutricionista.

Praticar atividade física pelo menos 3 vezes por semana também é essencial para ajudar na perda de peso e para prevenir doenças cardiovasculares. Pequenas caminhadas de meia hora ou exercícios como bicicleta e hidroginástica já trazem benefícios para a saúde e ajudam a prevenir as doenças ligadas à obesidade.

Além disso, é essencial o acompanhamento com o cardiologista e o clínico geral, para que as alterações no organismo sejam acompanhadas e as doenças sejam detectadas ainda no início, aumentando as chances de sucesso do tratamento.

Saiba como é feito o Tratamento para Obesidade para perder peso e evitar complicações de saúde.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...