Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como fazer a criança prestar atenção

Jogos de memória, quebra-cabeça, jogo dos erros e xadrez são opções de atividades que podem melhorar a capacidade de concentração e atenção de crianças. A maioria das crianças normalmente, em alguma fase do seu desenvolvimento, pode apresentar dificuldade para focar em determinadas atividades, o que pode até mesmo interferir no seu desenvolvimento na escola. Assim, é importante estimular a concentração da criança desde cedo por meio de brincadeiras, por exemplo.

A falta de atenção pode acontecer principalmente quando a criança se encontra cansada ou esteve muito tempo a frente da televisão ou computador, sendo expostas a diversos estímulos. Assim, além das brincadeiras, é importante que a criança tenha as horas de sono adequadas para a sua idade, bem como ter uma alimentação equilibrada e não ter tantas distrações em casa.

Como fazer a criança prestar atenção

1. Quebra-cabeça

Os quebra-cabeças estimulam a criança a buscar soluções lógicas e a procurar detalhes que possam complementar as peças. Assim, a criança precisa prestar atenção nos pequenos detalhes presentes em cada peça para que possa formar o quebra-cabeça.

2. Labirintos e liga-pontos

O jogo dos labirintos estimula a criança a buscar uma saída de maneira lógica, estimulando não só o raciocínio, mas também a concentração. Os jogos de liga-pontos também estimulam a concentração da mesma maneira, pois é necessário que a criança tenha foco para que consiga ligar os pontos corretamente e, assim, formar a imagem.

Há um método conhecido como método de Guillour, que tem como objetivo estimular a realização de atividades com linhas e traços em que a criança faz a atividade olhando a imagem de um espelho, isso faz com que a criança precise ter mais concentração para desempenhar a atividade, além estimular a inteligência espacial.

3. Jogo dos erros

Os jogos dos erros fazem com que a criança preste atenção em duas ou mais imagens e procure por diferenças, isso faz com que a criança tenha mais foco e mais concentração. É interessante que o jogo seja feito pelo menos 2 vezes por dia para que a atenção e concentração aos detalhes e diferenças seja estimulado de forma mais eficaz.

4. Jogos de memória

Os jogos de memória são ótimos para estimular a concentração da criança, pois é necessário que a criança esteja atenta às imagens para que saiba onde estão as imagens, números ou cores iguais.

Esse jogo é interessante pois além de estimular a atenção e concentração da criança, permite que a criança desenvolva habilidades sociais quando o jogo acontece entre duas ou mais crianças.

Como fazer a criança prestar atenção

5. Brincadeira de ordenar as coisas

Esse tipo de brincadeira é interessante porque faz com que a criança precise prestar atenção na ordem para que depois reproduza. Essa brincadeira pode ser feita misturando objetos e depois estimulando a criança a colocar na ordem original.

Além disso, pode-se fazer a brincadeira do "Fui à lua e levei...", em que a criança deve dizer um objeto e a cada vez que falar "Fui à lua" dizer o objeto que já tinha dito e algum outro. Por exemplo: "Fui à lua e levei uma bola", em seguida deve-se dizer "Fui à lua e levei uma bola e um carro", e assim por diante. Isso estimula a memória da criança e faz com que preste atenção no que já foi dito.

6. Xadrez

O jogo de xadrez exige muito raciocínio e concentração, sendo, por tanto, uma opção de atividade para aumentar a atenção da criança. Além disso, o xadrez promove o desenvolvimento cerebral e a memória, estimula a criatividade e a capacidade de resolver problemas.

O que fazer para a criança prestar atenção nos pais

Ensinar a criança a prestar atenção ao que os pais dizem nem sempre é uma tarefa fácil, mas existem certas estratégias que podem ajudar, como:

  • Sentar num lugar calmo com a criança, de frente para ela;
  • Falar calmamente para a criança e olhando-a nos olhos;
  • Dizer para a criança o que quer que ela faça em poucas palavras e de forma simples, por exemplo "Não bata a porta" em vez de "Não bata a porta porque ela pode-se estragar e os vizinhos reclamam do barulho";
  • Dar ordens específicas, por exemplo: "Não corra dentro de casa" em vez de dizer "Não faça isso", quando a vir correr;
  • Mostrar para a criança qual a consequência de ela não cumprir a ordem, se for imposto um "castigo", este deve ser de curta duração e possível de cumprir - "se continuar a correr, vai ficar sentado por 5 minutos, sem falar com ninguém". Não se deve prometer às crianças e não cumprir, mesmo que seja um "castigo";
  • Elogiar a criança sempre que ela cumprir alguma ordem.

De acordo com a idade da criança, os pais devem adaptar as ordens que querem que a criança cumpra.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar