Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como dar banho em pessoa acamada

​Esta técnica para dar banho em alguém acamado, com sequelas de AVC, esclerose múltipla ou após uma cirurgia complexa, por exemplo, ajuda a diminuir o esforço e o trabalho feito pelo cuidador, assim como a aumentar o conforto do paciente.

O banho deve ser dado pelo menos a cada 2 dias, mas o ideal consiste em manter o banho com a mesma frequência com que o paciente tomava banho antes de ficar acamado.

Como dar banho em pessoa acamada

10 passos para dar banho na cama

Para dar banho na cama em casa, sem utilizar um colchão à prova de água, é possível colocar um saco plástico grande aberto embaixo do lençol da cama para não molhar o colchão. Depois deve-se seguir estes passos:

  1. Arraste o paciente, com cuidado, para mais perto de você, retire o travesseiro e mantenha um lençol por cima do paciente para evitar gripes e resfriados;
  2. Comece o banho pelo rosto, lavando os olhos do paciente com uma gaze molhada ou um pano limpo umedecido, sem sabonete, começando do canto interno do olho para fora;
  3. Lave o rosto e as orelhas com uma esponja úmida, evitando que a água vá para os olhos ou entre nos ouvidos e, depois, seque o rosto com uma toalha macia;
  4. Coloque o sabonete líquido na água, destape os braços e a barriga do paciente e, utilizando a espoja molhada em água e sabão, lave os braços, começando pelas mãos em direção às axilas, e depois continue lavando o peito e a barriga;
  5. Seque o paciente com a toalha e depois coloque o lençol por cima, deixando, desta vez, as pernas descobertas;
  6. Lave as pernas com a esponja molhada com água e sabão, desde os pés até às coxas e seque bem com a toalha, tendo especial atenção para secar entre os dedos dos pés para não ficar com micose;
  7. Lave a região íntima do paciente, iniciando pela frente e passando para trás. Para lavar a região íntima atrás, uma dica é virar o paciente de lado, aproveitando para dobrar o lençol molhado das costas do paciente e colocar um seco;
  8. Seque bem a região íntima do paciente e, ainda com o paciente deitado de lado, lave as costas com a outra esponja umedecida e limpa para não contaminar as costas com restos de fezes urina;
  9. Para terminar o banho, deite o paciente sobre o lençol seco e retire o resto do lençol molhado, esticando o resto do lençol seco sobre toda a cama;
  10. Retire o lençol que estava por cima do paciente e vista-o.

Caso tenha utilizado um plástico embaixo do lençol da cama para não molhar o colchão, retire-o ao mesmo tempo e da mesma forma que vai tirando o lençol molhado da água do banho.

Além do banho, escovar os dentes também é importante, veja os cuidados que deve ter no vídeo:

No dia em que se dá o banho no paciente, para economizar tempo e trabalho, aproveite para lavar o cabelo. Veja esta técnica simples em: Como lavar o cabelo de uma pessoa acamada.

Material necessário para dar banho na cama

O material que deve ser separado antes do banho inclui:

  • 1 Bacia média com água morna (aproximadamente 3 L de água);
  • 2 gazes limpas para os olhos;
  • 2 esponjas macias, uma é utilizada apenas para o genital e ânus;
  • 1 toalha de banho grande;
  • 1 colher de sopa de sabonete líquido, aproximadamente, adequado à pele do paciente para diluir na água;
  • Lençóis limpos e secos;
  • Roupa limpa para vestir depois do banho.

Uma alternativa interessante para facilitar a hora do banho é utilizar uma cama especial para banho, como a maca de higienização da marca Confort Care, por exemplo, que pode ser comprada em uma loja de equipamentos medico-hospitalares pelo preço médio de 15 mil reais.

Cuidados após dar banho na cama

No caso de pacientes que possuam curativos, é importante evitar molhar o curativo para não infeccionar a ferida, porém, caso isso aconteça, deve-se refazer o curativo.

Após dar banho na cama ao paciente, é importante passar creme hidratante no corpo e colocar desodorantes nas axilas para evitar o mau cheiro, aumentar o conforto do paciente e evitar problemas de pele, como pele seca, escaras ou infecções de fungos, por exemplo.

Veja outros cuidados importantes que deve ter com uma pessoa acamada:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...