Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Colesterol alto na gravidez

Ter colesterol alto na gravidez é uma situação normal, pois nesta fase é esperado um aumento de cerca de 60% do colesterol total. Os níveis de colesterol começam a subir nas 16 semanas de gestação e por volta das 30 semanas, ele pode ficar 50 ou 60% mais altos que antes da gravidez.

Mas se a grávida já tinha os níveis de colesterol altos antes de engravidar, ela deverá ter um cuidado extra com a sua alimentação adotando uma dieta especial, comendo mais alimentos ricos em fibras e em vitamina C, como morangos, laranja e acerola, evitando todo tipo de gordura.

Colesterol alto na gravidez

Esse controle é muito importante porque o colesterol muito alto na gravidez pode ser prejudicial ao bebê, que pode acumular fios de gordura dentro de seus pequeninos vasos sanguíneos, que podem favorecer a instalação de uma doença cardíaca ainda na infância, e aumentando consideravelmente seu risco de sofrer com problemas de peso e infarto na vida adulta.

Como baixar o colesterol alto na gravidez

Para baixar o colesterol alto na gravidez é recomendado fazer algum tipo de atividade física diariamente e seguir uma dieta para o colesterol. Nesta dieta deve-se evitar alimentos processados, industrializados ou gordurosos, dando preferência ao consumo de frutas, cerca de 3 ao dia, legumes 2 vezes ao dia, e cereais integrais, sempre que possível.

Durante a gravidez, o uso de remédios para o colesterol está contraindicado pelos riscos que representam para o bebê. Mas existem diversos remédios caseiros preparados à base de frutas e plantas medicinais que ajudam a baixar o colesterol. Alguns exemplos são o suco de uva para diminuir o colestrol e o suco de cenoura para colesterol alto.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...