Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Diferenças entre colágeno tipo 1 e tipo 2

O colágeno é uma proteína que pode ser encontrada na pele, tecidos e ossos e é responsável por dar estrutura, firmeza e elasticidade à pele. Além disso, também é muito importante para manter a integridade dos músculos, dos ligamentos, dos tendões e das articulações.O colágeno também pode ser encontrado em alimentos como carne e gelatina ou suplementos alimentares em cápsulas ou sachês. Na indústria cosmética, o colágeno pode ser também utilizado em cremes hidratantes para atenuar o envelhecimento da pele.

Os suplementos de colágeno podem ser tomados em duas formas diferentes, na forma de colágeno tipo 1 e colágeno tipo 2. Ambos os tipos têm diferentes formas e doses de ser tomados e diferentes finalidades, sendo, por isso, considerados suplementos diferentes.

Diferenças entre colágeno tipo 1 e tipo 2

Para que serve o colágeno tipo 1

O colágeno tipo 1, ou colágeno hidrolisado, é uma proteína extraída do osso e da cartilagem de animais, como bois e frangos, resultando da quebra de moléculas de proteína em partículas menores. Este tipo de colágeno, devido às suas dimensões, é melhor absorvido no intestino e é usado para:

  • Melhorar a firmeza da pele;
  • Fortalecer as articulações; 
  • Fortalecer as unhas e o cabelo; 
  • Melhorar o tratamento da osteoporose;
  • Melhorar a pressão arterial;
  • Prevenir úlceras gástricas.

A dose recomendada é de cerca de 10 g por dia, e deve ser tomado com as refeições, idealmente associado à vitamina C, já que esta vitamina potencializa os efeitos do colágeno no organismo. Assim, é aconselhado tomar o colágeno juntamente com uma fonte de vitamina C, como suco de limão ou laranja por exemplo, de forma a melhorar a sua eficácia. Alguns suplementos de colágeno já incluem vitamina C na sua constituição, como por exemplo o colágeno hidrolisado da Sanavita ou Cartigen C. 

Pode-se também fazer uma alimentação rica em colágeno, ingerindo alimentos como carnes vermelhas, brancas ou gelatina, por exemplo. Veja mais alimentos ricos em colágeno.

Para que serve o colágeno tipo 2

O colágeno tipo 2, ou colágeno não desnaturado, é o componente maioritário presente na cartilagens. É fabricado a partir de um processo não enzimático, em temperaturas mais baixas de forma a não hidrolisar a molécula, garantindo-se assim a integridade da proteína, ao contrário do que acontece no colágenoo tipo 1.

Este tipo de colágeno é indicado quando em doenças como:

  • Osteoartrite de origem autoimune;
  • Artrite reumatóide.

Nestas doenças, o próprio organismo reconhece o colágeno que está nas articulações como uma proteína estranha e produz enzimas que destroem a cartilagem, e como consequência, surgem os sintomas destas doenças. Saiba mais sobre como identificar estas doenças.

Assim, uma das forma de ajudar o corpo a repôr o colágeno perdido nas cartilagens e aliviar os sintomas, é o uso de colágeno tipo 2, que evita a destruição das cartilagens pelo sistema imune, reduzindo a inflamação em casos de osteoartrite e reumatismo e melhorando a saúde das articulações.

Este tipo de colágeno é  tomado numa dose menor que o colágeno tipo 1, de aproximadamente 40 mg, uma vez por dia, idealmente em jejum.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...