Clorexidina: para que serve e como usar

A clorexidina, também chamada de digluconato de clorexidina ou gluconato de clorexidina, é um remédio com ação antimicrobiana, eficaz no controle da proliferação de bactérias na pele ou nas mucosas, sendo muito utilizado como antisséptico na desinfecção das mãos e da pele para cirurgia ou na prevenção de infecções de feridas da pele, por exemplo.

Este remédio, em dosagens elevadas causa coagulação das proteínas das bactérias, e em doses mais baixas, leva a uma ruptura da membrana das células das bactérias, resultando na morte bacteriana.

A clorexidina pode ser encontrada em farmácias, drogarias ou lojas de produtos hospitalares, em diversas formulações e diluições, na forma de solução aquosa ou alcoólica, spray e também como clorexidina degermante ou enxaguante bucal, e deve ser usada com indicação médica.

Clorexidina: para que serve e como usar

Para que serve

A clorexidina pode ser utilizada nas seguintes situações:

  • Limpeza da pele do recém-nascido e do cordão umbilical, para evitar infecções;
  • Lavagem vaginal materna em obstetrícia;
  • Desinfecção das mãos e preparo da pele para cirurgia ou procedimentos médicos invasivos;
  • Limpeza e desinfecção de feridas e queimaduras;
  • Lavagem oral na doença periodontal e na desinfecção da boca para prevenir a pneumonia associada à ventilação mecânica;
  • Preparação de diluições para a limpeza de pele.

É importante que a pessoa saiba que a diluição do produto deve ser recomendado pelo médico ou dentista de acordo com a condição a ser tratada.

Como usar

A clorexidina deve ser usada somente sobre a pele ou mucosas, conforme orientado pelo médico.

1. Clorexidina degermante

A clorexidina degermante pode ser usada para limpeza e desinfecção das mãos em hospitais, pelo médico e outros profissionais de saúde, e para limpeza da pele do paciente antes da realização de cirurgias. 

Para usar a clorexidina degermante, deve-se colocar o produto, espalhando suavemente sobre a pele das mãos e antebraços, massageando por 3 minutos e enxaguar com água em seguida.

A clorexidina degermante pode ser encontrada na forma de solução alcoólica ou aquosa, ou sabonete líquido contendo de 0,5 a 4% de digluconato de clorexidina e pode ser encontrada com os nomes Rio Hands Scrub 1% ou Riohex 2%, por exemplo.

2. Clorexidina spray

A clorexidina spray é indicada para limpeza e desinfecção de pequenas feridas na pele, e pode ser aplicada de 2 a 3 vezes por dia.

Para aplicar a clorexidina spray, deve-se posicionar o frasco a uma distância de cerca de 5 a 10 cm da ferida, e pressionar a válvula do spray de 2 a 3 vezes ou conforme o tamanho do ferimento.

A clorexidina spray contém 10 mg de digluconato de clorexidina para cada mL da solução, ou seja, 1% de clorexidina, e pode ser encontrada com os nomes comerciais Merthiolate, Ferisept, Neba-Sept ou Assepmed, por exemplo.

3. Clorexidina solução 

A clorexidina solução deve ser usada sobre a pele com ferida, espalhando uma quantidade suficiente na área afetada, de 3 a 4 vezes por dia. Pode-se cobrir a área afetada com gaze ou outros curativos, conforme orientado pelo médico. Veja como fazer curativo de feridas

Para aplicar a solução de clorexidina deve-se utilizar uma compressa gaze, cotonete ou algodão limpos e secos, jogando fora após o uso, ou o aplicador fornecido no produto. Deve-se evitar tocar na ponta do frasco e não se deve diluir a clorexidina em água ou outro líquido. 

A clorexidina solução pode ser encontrada com os nomes comerciais Merthiolate, Asseptcare ou Kuramed sept, por exemplo, contendo 10 mg de digluconato de clorexidina para cada mL da solução.

4. Clorexidina enxaguante bucal

A clorexidina enxaguante bucal, utilizada na odontologia, deve ser usada na forma de bochechos por 30 segundos, utilizando 15 mL do enxaguante, que corresponde a uma tampa cheia, 2 vezes por dia, de manhã e à noite, após utilizar o fio dental e escovar os dentes. Cuspir a solução em seguida. É importante não enxaguar a boca com água após o uso da clorexidina enxaguante bucal para não diminuir a sua eficácia.

O enxaguante bucal contendo clorexidina ajuda a eliminar as bactérias que causam inflamação na gengiva, além de reduzir a formação de placa bacteriana e melhorar o mau hálito. Confira outras formas de tratamento da inflamação na gengiva

A clorexidina enxaguante bucal pode ser encontrada com o nome comercial Periogard para uso diário por até 6 meses contendo gluconato de clorexidina 0,06%, ou Periogard sem álcool contendo gluconato de clorexidina a 0,12% para uso durante 21 dias, conforme orientação do dentista.

Possíveis efeitos colaterais

Embora seja bem tolerada, a clorexidina pode causar efeitos colaterais como formação de bolhas ou descamação na pele, vermelhidão, sensação de queimação intensa, coceira ou inchaço no local da aplicação.

Além disso, o enxaguante bucal de clorexidina, pode causar irritação na boca, manchas na superfície dos dentes, deixar um gosto metálico na boca, sensação de queimação, perda de paladar, descamação da mucosa e reações alérgicas. Por este motivo, o uso prolongado deve ser evitado, devendo-se seguir as recomendações do dentista.

Embora seja raro, a clorexidina também pode causar reações alérgicas graves que necessitam de atendimento médico imediato. Por isso, deve-se interromper o tratamento e procurar o pronto socorro mais próximo ao apresentar sintomas como dificuldade para respirar ou respiração ofegante, suor frio, tontura severa, sensação de garganta fechada, inchaço na boca, língua ou rosto, ou coceira intensa. Saiba identificar os sintomas de reação alérgica grave.

Quem não deve usar

A clorexidina não deve ser usada por mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas que tenham alergia à clorexidina ou qualquer outro componente das fórmulas.

Além disso, a clorexidina não deve ser usada nos olhos ou ouvidos, devendo-se ter cuidado ao utilizar na região próxima aos olhos ou ouvidos. Em caso de contato acidental com os olhos ou ouvidos, deve-se lavar abundantemente com água.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • KLUK, Edelaine et. al.. UMA ABORDAGEM SOBRE A CLOREXIDINA: AÇÃO ANTIMICROBIANA E MODOS DE APLICAÇÃO.. REVISTA GESTÃO & SAÚDE . Vol.14. 1.ed; 7-13, 2016
  • KARPINSKI, T. M.; SZKARADKIEWICZ, A. K. Chlorhexidine--pharmaco-biological activity and application. Eur Rev Med Pharmacol Sci. 19. 7; 1321-6, 2015
  • AFONSO, E.; BLOT, K.; BLOT, S. Prevention of hospital-acquired bloodstream infections through chlorhexidine gluconate-impregnated washcloth bathing in intensive care units: a systematic review and meta-analysis of randomised crossover trials. Euro Surveill. 21. 46; 30400, 2016
  • KLUK, Edelaine; et. al. Uma abordagem sobre a clorexidina: ação antimicrobiana e modos de aplicação. Revista Gestão & Saúde. 14. 1; 7-13, 2016
  • DA COSTA, L. F. N. P.; et al. Chlorhexidine mouthwash as an adjunct to mechanical therapy in chronic periodontitis: A meta-analysis. J Am Dent Assoc. 148. 5; 308-318, 2017
  • CHIEWCHALERMSRI, C.; et al. Chlorhexidine Allergy: Current Challenges and Future Prospects. J Asthma Allergy. 13. 127-133, 2020
  • PRIVITERA, G. P.; et al. Skin antisepsis with chlorhexidine versus iodine for the prevention of surgical site infection: A systematic review and meta-analysis. Am J Infect Control. 45. 2; 180-189, 2017
  • KUSARI, A.; et al. Evidence-based skin care in preterm infants. Pediatr Dermatol. 36. 1; 16-23, 2019
  • JOLIVET, S.; LUCET, J. C. Surgical field and skin preparation. Orthop Traumatol Surg Res. 105. 1S; S1-S6, 2019
  • AMORAS, Luciana da Silva. Uso da clorexidina na medicina: revisão de literatura. Monografia de Especialização em Endodontia, 2013. Universidade Federal de Campinas - Faculdade de Odontologia de Piracicaba.
  • COSMED INDUSTRIA DE COSMÉTICOS E MEDICAMENTOS LTDA. Merthiolate (digliconato de clorexidina) solução spray 10 mg/mL. 2016. Disponível em: <https://docs.google.com/gview?url=https://uploads.consultaremedios.com.br/drug_leaflet/Bula-Merthiolate-Paciente-Consulta-Remedios.pdf?1599162377&embedded=true>. Acesso em 31 Ago 2021
  • CHLORHEXIDINE WORKING GROUP. Produtos de Clorexidina e a sua Utilização nos Cuidados de Saúde. 2015. Disponível em: <https://www.healthynewbornnetwork.org/hnn-content/uploads/CWG-Chlorhexidine-Applications-PT_Aug_2015-2015-08-20.pdf>. Acesso em 31 Ago 2021
Mais sobre este assunto: