Acetato de ciproterona: para que serve e como tomar

outubro 2022
  1. Para que serve
  2. Como tomar
  3. Efeitos colaterais
  4. Contra-indicações

O acetato de ciproterona é um antineoplásico e esteroide indicado para o tratamento do câncer de próstata avançado em homens nos casos em que a cirurgia não é possível de ser realizada, ou para a redução do impulso sexual, pois tem ação antiandrogênica, o que leva a uma diminuição da quantidade de testosterona no corpo. 

Além disso, quando associado ao etinilestradiol, a ciproterona pode ser indicada para mulheres para ajudar a regular os níveis de hormônios no corpo que, quando estão alterados, podem causar aumento da oleosidade da pele, pêlos no corpo ou cistos no ovários. 

O acetato de ciproterona pode ser encontrado em farmácias ou drogarias, na sua forma genérica ou com o nome comercial Androcur, para homens e mulheres, ou com os nomes comerciais Selene ou Diane 35 para mulheres, por exemplo, e deve ser usado somente com indicação médica.

Para que serve

O acetato de ciproterona é indicado para homens para o tratamento de:

Além disso, em mulheres, a ciproterona associada ao etinilestradiol é indicada para o tratamento de síndrome dos ovários policísticoshirsutismo leve, acne seborreica ou pápulo-pustulosa ou acne nódulo cística. 

Como tomar

A forma de tomar a ciproterona varia de acordo com a condição a ser tratada e a apresentação do remédio, que inclui:

1. Acetato de ciproterona 50 mg comprimidos

A ciproterona na forma de comprimidos de 50 mg deve ser tomada por via oral, com um pouco de água, após uma refeição.

A posologia da ciproterona varia de acordo com a condição a ser tratada e inclui:

  • Diminuição do impulso sexual (em homens): a dose normalmente recomendada é de 1 comprimido de 50 mg, 2 vezes ao dia. Essa dose pode ser aumentada pelo médico para 100 mg, 2 ou 3 vezes ao dia. Ao conseguir os resultados esperados é recomendado manter o tratamento com a menor dose possível de preferência 50 mg, 1 vez ao dia, conforme orientação médica;
  • Câncer de próstata avançado inoperável (em homens): a dose normalmente recomendada é de 100 mg, 2 a 3 vezes por dia, conforme orientado pelo médico.

No caso de mulheres em idade reprodutiva, o tratamento com a ciproterona deve ser iniciado no 1º dia do ciclo menstrual, ou no caso da mulher não ter menstruação, pode ser iniciado imediatamente, devendo-se considerar o primeiro dia de tratamento como o 1º dia do ciclo

A dose normalmente recomendada para mulheres é de 100 mg de ciproterona do 1º ao 10º dia do ciclo. Ao mesmo tempo, é recomendado a utilização do Diane 35, do 1º ao 21º dia do ciclo para prevenir uma gravidez e estabilizar o ciclo menstrual.  

Após 21 dias de tratamento, deve-se fazer uma pausa de 7 dias do Diane 35, durante a qual deve ocorrer sangramento semelhante à menstruação. No 8º dia, deve-se repetir o esquema de tratamento.

2. Acetato de ciproterona e etinilestradiol

O acetato de ciproterona 2 mg e etinilestradiol 0,035 mg (Diane 35 ou Selene) é indicado apenas para mulheres para o tratamento da síndrome dos ovários policísticos, hirsutismo leve, acne seborreica ou pápulo-pustulosa ou acne nódulo cística. 

Para iniciar o tratamento com acetato de ciproterona e etinilestradiol, quando nenhum outro anticoncepcional hormonal foi utilizado anteriormente, deve-se tomar o comprimido no primeiro dia da menstruação e, após terminar a cartela, deve-se fazer uma pausa de 7 dias antes de iniciar a seguinte. Saiba como tomar o Selene e o Diane 35 corretamente. 

Apesar do acetato de ciproterona e etinilestradiol ser um anticoncepcional oral, não deve ser usado exclusivamente para prevenir a gravidez, sendo indicado apenas para o tratamento dos sintomas de alterações dos hormônios andrógenos em mulheres.

O tempo de tratamento com acetato de ciproterona e etinilestradiol deve ser orientado pelo ginecologista, de acordo com a condição a ser tratada, mas geralmente varia de 3 a 12 meses.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns que podem surgir durante o tratamento com o acetato de ciproterona são dor de cabeça, dor abdominal, náuseas, diarreia, alterações de humor, depressão ou alterações no apetite sexual.

Além disso, a ciproterona pode causar intoxicação no fígado que pode ser percebido através de sintomas como mal estar geral, pele e olhos amarelados, perda do apetite, fezes escuras e urina clara. Nesses casos, deve-se interromper o tratamento imediatamente e procurar o pronto socorro mais próximo.

O uso da ciproterona por homens pode causar diminuição da produção de espermatozoides e da fertilidade, disfunção erétil ou aumento das mamas. Esses efeitos colaterais geralmente melhoram após a interrupção do tratamento.

Em mulheres também podem surgir efeitos colaterais como dor ou aumento da sensibilidade nas mamas, sangramento fora do período menstrual, diminuição ou aumento da libido, redução ou aumento do peso corporal.

Quem não deve usar

A ciproterona não deve ser usada por mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas que tenham doença no fígado, anemia falciforme, diabetes mellitus com comprometimento dos vasos sanguíneos, depressão crônica grave ou doenças debilitantes que causam cansaço ou fraqueza.

Além disso, esse remédio não deve ser tomado por pessoas com histórico atual ou anterior de trombose ou embolia pulmonar, ataque cardíaco, derrame cerebral, angina pectoris, tumor benigno no cérebro (meningioma), tumor benigno ou maligno no fígado, ou por pessoas que tenham alergia à ciproterona ou qualquer outro componente da fórmula.

A ciproterona também não deve ser usada por mulheres com histórico de herpes durante a gravidez.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em outubro de 2022.

Bibliografia

  • BAYER S.A. Diane 35 ® (etinilestradiol + acetato de ciproterona) . 2020. Disponível em: <https://www.bayer.com.br/sites/bayer_com_br/files/2021-02/Bula%20do%20Paciente.pdf>. Acesso em 10 out 2022
  • CHEN, C. S.; et al. Cyproterone acetate acts as a disruptor of the aryl hydrocarbon receptor. Sci Rep. 11. 1; 5457, 2021
Mostrar bibliografia completa
  • BITZER, J.; et al. The use of cyproterone acetate/ethinyl estradiol in hyperandrogenic skin symptoms - a review. Eur J Contracept Reprod Health Care. 22. 3; 172-182, 2017
  • EUROFARMA LABORATÓRIOS S.A. Selene® (etinilestradiol + acetato de ciproterona). 2017. Disponível em: <https://cdn.eurofarma.com.br//wp-content/uploads/2016/09/selene-bula-profissional-eurofarma.pdf>. Acesso em 10 out 2022
  • BAYER S.A. Androcur (acetato de ciproterona) comprimidos de 50 mg e 100 mg. 2018. Disponível em: <https://img.drogasil.com.br/raiadrogasil_bula/AndrocurBayer.pdf>. Acesso em 10 out 2022
  • RUAN, X.; et al. Use of cyproterone acetate/ethinylestradiol in polycystic ovary syndrome: rationale and practical aspects. Eur J Contracept Reprod Health Care. 22. 3; 183-190, 2017
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.

Tuasaude no Youtube

  • 4 Exames que detectam o CÂNCER DE PRÓSTATA

    04:40 | 126243 visualizações
  • SÍNDROME DO OVÁRIO POLICÍSTICO | O Que Comer para Tratar

    05:36 | 444766 visualizações
  • CÂNCER DE PRÓSTATA, NUNCA! Alimentação para prevenção

    03:05 | 154852 visualizações