Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é bronquiectasia pulmonar e como é feito o tratamento

A bronquiectasia pulmonar é uma doença caracterizada pela dilatação permanente dos brônquios, que pode ser causada por infecções bacterianas recorrentes ou devido à obstrução dos brônquios. Essa doença não tem cura e normalmente está associada a outras condições, como fibrose cística, enfisema pulmonar e síndrome dos cílios imóveis, também conhecida por Síndrome de Kartagener. Saiba mais sobre essa síndrome.

O tratamento da bronquiectasia é feito com o uso de medicamentos para diminuir os sintomas e evitar a progressão da doença e fisioterapia respiratória para facilitar a respiração.

O que é bronquiectasia pulmonar e como é feito o tratamento

Como é feito o tratamento

O tratamento para a bronquiectasia é feito com o objetivo de melhorar os sintomas e impedir a progressão da doença, já que essa condição não tem cura. Assim, pode ser recomendado pelo médico o uso de antibióticos, com o objetivo de tratar infecções, mucolíticos, para facilitar a liberação de muco, ou broncodilatadores, para facilitar a respiração. 

Além disso, a fisioterapia respiratória é muito importante para melhora da pessoa, pois através da fisioterapia é possível retirar o muco dos pulmões e aumentar a troca gasosa, facilitando a respiração. Entenda como funciona a fisioterapia respiratória.

Em casos mais graves, pode ser necessário realizar cirurgia para retirar parte do pulmão.

Sintomas da Bronquiectasia Pulmonar

A bronquiectasia pulmonar pode ser caracterizada pelos seguintes sintomas:

  • Tosse persistente e com catarro;
  • Falta de ar;
  • Perda do apetite;
  • Mal estar geral;
  • Pode haver tosse com sangue;
  • Dor no peito;
  • Dificuldade para respirar;
  • Mal hálito;
  • Fadiga.

Para diagnosticar a bronquiectasia, o médico avalia os sintomas e solicita exames laboratoriais, como a análise do escarro, para identificar uma possível infecção, e exames de imagem, como tomografia computadorizada e raio-X, em que são observadas as características dos brônquios, que normalmente apresentam-se aumentados nessa condição. 

Além disso, o médico poderá solicitar uma espirometria, que avalia o funcionamento do pulmão a partir da medição da quantidade de ar que entra e que sai do pulmão, e uma broncoscopia, que é um exame de imagem que permite visualizar as vias respiratórias, incluindo laringe e traqueia. Entenda para que serve e como é feita a broncoscopia.

Principais causas

A bronquiectasia pulmonar pode ser causada por diversas situações, como por exemplo:

Caso a causa não seja identificada e o tratamento iniciado, a bronquiectasia pode causar várias complicações, como pro exemplo insuficiência respiratória e colapso (ou atelectasia) pulmonar, por exemplo, que é uma complicação respiratória caracterizada pelo colapso dos alvéolos pulmonares que impede a passagem suficiente de ar. Saiba mais sobre a atelectasia pulmonar.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar