Barulho na barriga: o que pode ser e o que fazer

Revisão médica: Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
junho 2022

Os barulhos na barriga são normais principalmente após uma refeição, pois os paredes do intestino contraem para facilitar a passagem do alimento e favorecer a digestão. Além disso, os barulhos também são comuns em caso de gases ou quando a pessoa está com fome, já que nesse caso, acontece a contração contração do intestino e do estômago, resultando nos barulhos.

No entanto, quando os barulhos são acompanhados por outros sintomas como dor e aumento do abdômen, febre, mal estar geral, náuseas, vômitos, diarreia ou prisão de ventre e perda de peso sem causa aparente, pode ser indicativo de infecção, inflamação ou obstrução intestinal.

Por isso, caso os barulhos na barriga sejam frequentes e acompanhados por outros sinais e sintomas, é importante que o gastroenterologista ou clínico geral seja consultado para que seja feito o diagnóstico e indicado o tratamento mais adequado.

As principais causas de barulhos na barriga são:

1. Fome

A fome é uma das principais causas do barulho na barriga, isso porque quando sentimos fome há aumento da concentração de algumas substâncias no cérebro que garantem a sensação de fome e que envia sinais ao intestino e ao estômago, induzindo a contração desses órgãos e levando ao surgimento dos barulhos.

O que fazer: Quando a fome é a causa dos barulhos na barriga, o melhor a se fazer é se alimentar, dando preferência a alimentos saudáveis e ricos em fibras para favorecer o movimento intestinal e a digestão.

2. Gases

A presença de maior quantidade de gases em relação à quantidade de líquido que passa pelo sistema digestivo também leva ao surgimento dos barulhos.

O que fazer: Nesses casos é importante ter uma alimentação pobre em alimentos que causam gases, como o feijão e o repolho, por exemplo, pois fermentam muito durante o processo digestivo e aumentam a quantidade de gases produzidos no organismo, o que resulta nos barulhos.

Veja no vídeo a seguir o que fazer para acabar com o gases:

3. Infecções e inflamações gastrointestinais

Os barulhos também podem acontecer devido a infecções e a inflamações intestinais, principalmente no caso da doença de Crohn. Nesses casos, além do borborigmo, costumam surgir outros sintomas, como dor e desconforto abdominal, mal estar, vômitos, náuseas e diarreia.

O que fazer: Assim que surgirem esses sintomas é importante ir ao pronto-socorro ou ao hospital para que seja evitada a desidratação, deficiências nutricionais ou outras complicações. Além disso, é importante repousar, ter uma alimentação saudável e fazer o uso de medicamentos apenas se for indicado pelo médico.

4. Obstrução intestinal

A obstrução intestinal também pode levar ao surgimento de barulhos na barriga, isso porque devido à dificuldade de passagem de líquidos e gases pelo trato intestinal o próprio intestino aumenta a quantidade de movimentos peristálticos para facilitar a passagem desses líquidos e gases, levando também ao aumento dos barulhos.

A obstrução intestinal pode ter diversas causas, como presença de vermes, endometriose intestinal, doenças inflamatórias e presença de hérnias, por exemplo, havendo não só os barulhos na barriga mas também outros sintomas, como dor abdominal, cólica muito forte, diminuição do apetite e náuseas, por exemplo. Saiba mais sobre a obstrução intestinal.

O que fazer: O tratamento para obstrução intestinal varia de acordo com a causa, sendo importante que seja feito no hospital para evitar o surgimento de complicações.

5. Hérnia

A hérnia é uma situação caracterizada pela saída de uma parte do intestino para fora do corpo, podendo resultar em obstrução intestinal e, consequentemente, nos barulhos da barriga. Além disso, podem surgir outros sintomas, como dor, inchaço, vermelhidão local, náuseas e vômitos.

O que fazer: É recomendado que a pessoa vá imediatamente a um médico cirurgião para que a gravidade da hérnia seja avaliada e seja considerada a realização de cirurgia para evitar complicações, como o estrangulamento de algum órgão da região abdominal, o que leva à diminuição da circulação do sangue para o local e, consequentemente, necrose. Veja como deve ser feito o tratamento para hérnia abdominal.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em junho de 2022. Revisão médica por Dr.ª Clarisse Bezerra - Médica de Saúde Familiar, em janeiro de 2020.

Bibliografia

  • AHIMA, Rexford S.; ANTWI, Daniel A. Brain regulation of appetite and satiety. Endocrinol Metab Clin North Am. Vol 37. 4 ed; 811–823, 2008
  • INTERNATIONAL FOUNDATION FOR GASTROINTESTINAL DISORDERS. A Noisy Tummy: What Does it Mean?. Disponível em: <https://www.iffgd.org/symptoms-causes/abdominal-noises.html>. Acesso em 28 jan 2020
Revisão médica:
Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
Formada em Medicina pelo Centro Universitário Christus e especialista em Saúde da Família pela Universidade Estácio de Sá. Registro CRM-CE nº 16976.

Tuasaude no Youtube

  • Como eliminar os gases intestinais

    04:22 | 5539383 visualizações