Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é a ateromatose aórtica, sintomas e como tratar

Maio 2020

A ateromatose aórtica, também conhecida como doença ateromatosa da aorta, acontece quando há acúmulo de gordura e cálcio na parede da artéria aorta, interferindo no fluxo sanguíneo e de oxigênio para o organismo. Isso porque a artéria aorta é o principal vaso sanguíneo do corpo, sendo responsável por garantir a chegada de sangue para vários órgãos e tecidos.

Assim, como consequência da deposição de gordura e outros elementos na aorta, acontece uma obstrução e dificuldade para a passagem de sangue, aumentando o risco da formação de coágulos e da pessoa ter um infarto ou AVC, por exemplo.

Essa doença acontece principalmente em homens com mais de 50 anos e mulheres após a menopausa, e o tratamento varia de acordo com a gravidade da ateromatose, podendo o cardiologista indicar a realização de cirurgia para desobstruir a artéria e restaurar o fluxo de sangue para o corpo.

O que é a ateromatose aórtica, sintomas e como tratar

Sintomas de ateromatose aórtica

A ateromatose da aorta é um processo lento e progressivo que normalmente não leva ao surgimento de sinais ou sintomas, sendo descoberta apenas durante exames de rotina de sangue e de imagem. No entanto, quando a artéria encontra-se bastante obstruída, é possível que surjam alguns sintomas como:

  • Dor no peito;
  • Difiuldade para respirar;
  • Confusão mental;
  • Fraqueza;
  • Alteração do ritmo e frequência cardíaca.

É importante que a pessoa consulte o cardiologista assim que começar a apresentar sintomas de ateromatose aórtica, principalmente se estiver no grupo de risco para o desenvolvimento da doença. Assim, o médico poderá indicar a realização de exames de sangue, eletrocardiograma, ultrassonografia, exame Doppler e arteriografia para que seja feito o diagnóstico e possa ser iniciado o tratamento em seguida.

Quem tem mais risco

Os fatores de risco que favorecem o desenvolvimento da ateromatose da aorta são os mesmos relacionados à aterosclerose. Assim, pessoas que possuem histórico na família, que têm pressão, colesterol ou triglicerídeos altos, diabetes, possuem mais de 50 anos e não praticam atividade física, têm mais risco de desenvolver a ateromatose da aorta.

É importante lembrar que normalmente essa doença começa a se desenvolver em adultos jovens e vai piorando ao longo do tempo e, apesar de ser mais frequente em adultos, também pode surgir em crianças com histórico familiar de colesterol alto e com excesso de peso.

Como é feito o tratamento

O tratamento para a ateromatose aórtica deve ser indicado pelo cardiologista de acordo com a condição geral de saúde da pessoa e grau de comprometimento do fluxo sanguíneo. Assim, pode ser indicado pelo médico o uso de medicamentos que ajudam no controle do colesterol e da pressão, além da mudança nos hábitos alimentares. Além disso, no caso da pessoa ter excesso de peso, pode ser indicada a a perda de peso com o objetivo de prevenir o risco de complicações, como trombose e infarto.

Nos casos mais graves, pode ser necessária a realização de cirurgia para retirar as placas de gordura da artéria ou fazer a ponte de safena, melhorando a circulação sanguínea e promovendo a saúde da pessoa. Entenda como é feito o tratamento.

Bibliografia >

  • ARAUJO, Carlos Alberto L.; NUNES, Colandy G. O.; JUNIOR, Luiz R. Ateroma de Aorta e Embolia. Revista Brasileira de Ecocardiografia. 3 ed; 2003
  • ATIK, Fernando A. Risk factors of atheromatous aorta in cardiovascular surgery. Rev Bras Cir Cardiovasc. Vol 29. 4 ed; 487-493, 2014
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem