Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Anfotericina B

Anfotericina B é um medicamento antifúngico conhecido comercialmente como Fungizon.

Esse medicamento é de uso injetável que age impedindo o mecanismo de ação dos fungos, uma vez que altera a permeabilidade de sua membrana, diminuindo assim a probabilidade de complicação nas doenças como a leishmaniose e a candidíase.

A Anfotericina B pode ser o único medicamento eficaz utilizado no tratamento de doenças fúngicas fatais.

Indicações da Anfotericina B

Leishmaniose; meningite criptocócica; aspergilose; blastomicose; candidíase; criptococose; endorecatite por fungo; histoplasmose; mucormicose; esporotricose; infecção urinária por fungos.

Efeitos colaterais da Anfotericina B

Alterações do sangue; dor de cabeça; febre; calafrios; náusea; problemas renais; vômito.

Contraindicações da Anfotericina B

Gravidez risco B; mulheres em fase de lactação; Hipersensibilidade ao produto.

Modo de uso da Anfotericina B

Uso Injetável

 Adultos e Adolescentes

  •  A quantidade de Anfotericina B administrada depende da tolerância ao produto e da gravidade da infecção fúngica. É recomendável a administração de uma dose teste de 1 mg em 20 ml de solução de glicose por via intravenosa durante 30 minutos, esse procedimento deve ser realizado para observar qualquer reação adversa do paciente. O tratamento normalmente é iniciado com a administração diária de 0,25 mg por peso corporal do paciente, administrado em um período entre 2 e 6 horas.

Atenção: A dose máxima administrada por um adulto deve ser 50 mg.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...