Androgel (testosterona em gel): para que serve e como usar

abril 2022

O AndroGel é um remédio indicado para terapia de reposição de testosterona em homens com hipogonadismo, uma condição que se caracteriza pela pouca ou nenhuma produção de testosterona. 

Desta forma, a testosterona em gel age repondo ou complementando os níveis de testosterona no corpo masculino, atenuando os sintomas como perda de massa muscular, aumento da gordura corporal, disfunção erétil e baixo desejo sexual, por exemplo.  

O AndroGel pode ser encontrado em farmácias ou drogarias, na forma gel em envelopes, vendido mediante apresentação de receita médica e deve ser usado somente com indicação do médico, com doses individualizadas e pelo tempo de tratamento estabelecido pelo médico.

Para que serve

O AndroGel é indicado para aumentar os níveis de testosterona em homens, quando indicado pelo médico, que sofram de hipogonadismo masculino. O hipogonadismo masculino manifesta-se através de sintomas como impotência, perda do desejo sexual, fadiga e depressão. 

O hipogonadismo masculino pode ocorrer quando há remoção dos testículos, torção dos testículos, quimioterapia na região genital, na síndrome de Klinefelter, deficiência do hormônio luteinizante, tumores hormonais, trauma ou radioterapia e quando a taxa de testosterona no sangue é baixa mas as gonadotrofinas está normal ou baixa. Veja outras causas do hipogonadismo masculino

Como usar

O AndroGel é um remédio de uso exclusivamente tópico, e deve ser usado sobre a pele intacta, sem feridas, 1 vez ao dia, sempre no mesmo horário, de preferência pela manhã, aplicando uma camada fina sobre a pele do braço, ombro ou barriga, espalhando suavemente.

As recomendações para aplicar o AndroGel são:

  1. Lavar a região da pele em que será feita a aplicação da testosterona em gel, com água e sabonete suave;
  2. Secar bem a pele, com uma toalha limpa e seca, para que a pele possa absorver o gel;
  3. Abrir o envelope do AndroGel imediatamente antes do uso;
  4. Aplicar todo o conteúdo do envelope, formando uma camada do AndroGel sobre a pele, sem esfregar;
  5. Deixar o gel secar naturalmente por pelo menos 3 a 5 minutos antes de se vestir, e deixar atuar durante todo o dia;
  6. Lavar as mãos com água e sabão após a aplicação;
  7. Manter coberta a região da pele onde foi aplicada a testosterona em gel, até lavar a área ou tomar banho.

O AndroGel não deve ser aplicado sobre os testículos ou pênis, pois pode causar irritação. Além disso, é recomendado esperar pelo menos 6 horas após a sua aplicação para tomar banho ou entrar na piscina ou no mar. 

A testosterona em gel é inflamável, pois contém álcool na sua composição. Desta forma, deve-se evitar seu uso perto do fogo, além de, no caso de fumantes, evitar fumar até que o gel esteja completamente seco.

As doses do AndroGel podem ser alteradas pelo médico, de acordo com os níveis de testosterona no corpo, devendo seu uso ser feito sempre com orientação médica.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer durante o tratamento com AndroGel são reação no local da aplicação, como vermelhidão, coceira, sensação de queimação, endurecimento da pele, acne ou pele seca. 

Outros efeitos colaterais comuns do AndroGel incluem dor de cabeça, mudanças de humor, náusea, vômito, diarréia, doenças da próstata, crescimento e dor das mamas, tonturas, sensação de formigamento, inchaço nas pernas, queda de cabelo, pressão alta, aumento dos glóbulos vermelhos no sangue e redução dos níveis do colesterol HDL.

O AndroGel pode também causar efeitos colaterais graves, sendo recomendado entrar em contato com o médico responsável pelo tratamento caso surjam sintomas como aumento da frequência urinária, perda do controle da bexiga, dor ou dificuldade ao urinar, ereção dolorosa ou ganho de peso rápido.

Além disso, deve-se interromper o tratamento e procurar ajuda médica imediatamente ou o pronto socorro mais próximo se surjam sintomas como urina escura, fezes claras, pele ou olhos amarelados, falta de ar, dor ou sensação pressão no peito, dor no peito que se espalha para o ombro ou mandíbula, tosse súbita, chiado no peito, respiração rápida, dificuldade respiratória, dor, inchaço ou vermelhidão em uma ou nas duas pernas.

Quem não deve usar

O AndroGel não deve ser usado por homens com menos 18 anos, ou por adultos que tenham câncer de próstata suspeito ou confirmado, câncer de mama masculino, ou alergia à substância ativa ou a qualquer outro componente do gel.

Além disso, o AndroGel não deve ser usado para o tratamento da infertilidade masculina ou impotência.

O AndroGel também não deve ser usado por mulheres, grávidas e lactantes. Desta forma, é importante que a mulher evite o contato com a pele do homem onde foi aplicada a testosterona em gel. No caso de ocorrer o contato acidental, deve-se lavar a pele imediatamente com água e sabonete.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em abril de 2022.

Bibliografia

  • ROSS, Anna; BHASIN, Shalender. Hypogonadism: Its Prevalence and Diagnosis. Urol Clin North Am. 43. 2; 163-76, 2016
  • BESINS HEALTHCARE BRASIL. AndroGel (testosterona) Gel 50 mg. 2018. Disponível em: <http://www.besins-healthcare.com.br/besins/pdf/bula_androgel.pdf>. Acesso em 07 abr 2022
Mostrar bibliografia completa
  • DRUGS.COM. AndroGel. 2021. Disponível em: <https://www.drugs.com/androgel.html>. Acesso em 07 abr 2022
  • KHERA, M. Testosterone Therapies. Urol Clin North Am. 43. 2; 185-93, 2016
  • TSAMETIS, C. P. ISIDORI, A. M. Testosterone replacement therapy: For whom, when and how?. Metabolism. 86. 69-78, 2018
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.

Tuasaude no Youtube

  • Alimentos para aumentar a TESTOSTERONA · com receita

    12:17 | 722892 visualizações
  • A melhor receita para AUMENTAR A TESTOSTERONA

    05:30 | 124359 visualizações