Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Pneumonite: o que é, tipos, sintomas e como é feito o tratamento

A pneumonite por hipersensibilidade corresponde à inflamação dos pulmões devido a reações alérgicas causadas por microrganismos, poeira ou agentes químicos, o que leva à tosse, dificuldade para respirar e febre.

A pneumonite pode ser classificada de acordo com a sua causa em vários tipos, como por exemplo:

  1. Pneumonite química, cuja causa é a inalação de poeira, substâncias tóxicas ou contaminadas e agentes químicos utilizados na produção de borracha sintética e materiais de embalagem, por exemplo;
  2. Pneumonite infecciosa, que é causada por microrganismos, como fungos devido à inalação de mofo, ou de bactérias e protozoários;
  3. Pneumonite lúpica, que acontece devido a doenças auto-imunes, sendo esse tipo mais raro;
  4. Pneumonite intersticial, que também recebe o nome de Síndrome de Hamman-Rich, que é uma doença rara de causa desconhecida e que pode levar à falência respiratória.

Além disso, a pneumonite pode ser causada pela inalação do ar contaminado com partículas de feno mofado, ar condicionado sujo, resíduos da cana de açúcar, cortiça mofada, cevada ou malte mofado, mofo de queijo, farelo de trigo infectado e grãos de café contaminados, por exemplo.

Pneumonite: o que é, tipos, sintomas e como é feito o tratamento

Principais sintomas

Os principais sintomas da inflamação dos pulmões são:

  • Tosse;
  • Falta de ar;
  • Febre;
  • Perda de peso sem causa aparente;
  • Dificuldade respiratória;
  • Aumento da frequência respiratória, conhecida como taquipneia.

O diagnóstico da pneumonite é feito por meio de uma avaliação clínica, além do resultado de alguns exames, como por exemplo raio-X de pulmão, exames laboratoriais que avaliam a função pulmonar e a dosagem de alguns anticorpos no sangue. Além disso, a biópsia pulmonar e a broncoscopia podem ser solicitados pelo médico para esclarecimento de dúvidas e conclusão do diagnóstico. Saiba para que serve e como é feita a broncoscopia.

Como tratar

O tratamento da pneumonite tem como objetivo diminuir a exposição da pessoa aos agentes causadores da doença, sendo indicado o afastamento do trabalho em alguns casos. No caso de pneumonite infecciosa, pode ser indicado o uso de antibióticos, antifúngicos ou antiparasitários de acordo com o agente infeccioso isolado.

Em alguns casos a doença sofre uma remissão dentro de horas, após afastar-se dos agentes causadores, embora a cura só venha após algumas semanas. É comum que, mesmo após a cura da doença, o paciente sinta falta de ar ao realizar esforços físicos, devido a fibrose pulmonar que pode se instalar.

Nos casos mais graves, pode ser necessário que o indivíduo fique internado num hospital para receber oxigênio e medicamentos que controlem a reação alérgica.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...