Tremor essencial (TE): o que é, sintomas, causas e tratamento

Revisão médica: Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
agosto 2022

O tremor essencial (TE) é uma alteração do sistema nervoso que causa o surgimento de tremores em qualquer parte do corpo, especialmente nas mãos e braços, quando se está a tentar fazer tarefas simples como utilizar um copo, escovar os dentes ou amarrar o cadarço, por exemplo.

Geralmente, o tremor essencial não é um problema grave, pois não é provocado por nenhuma outra doença, embora possa ser muitas vezes confundido com a doença de Parkinson, devido a seus sintomas semelhantes.

O tremor essencial não tem cura, uma vez que não são conhecidas suas causas específicas, no entanto os tremores podem ser controlados com o uso de alguns remédios, receitados pelo neurologista, ou por sessões fisioterapia para fortalecer os músculos.

Principais sintomas

Os principais sintomas de tremor essencial são:

  • Tremores ao movimentar as mãos;
  • Dificuldade para realizar atividades com as mãos, como pegar num copo, apertar o cadarço ou escrever;
  • Movimentos rítmicos e involuntários da cabeça;
  • Tremor na voz.

O tremor essencial pode surgir em qualquer idade, no entanto é mais frequente em pessoas entre os 40 e 50 anos. Os primeiros sinais podem atingir apenas um dos lados do corpo mas, ao longo do tempo, é comum evoluir para os dois lados.

Apesar de não ser considerada uma condição de saúde grave, o tremor essencial por trazer consequências para a qualidade de vida, uma vez que pode interferir no convívio social ou no trabalho, por exemplo.

Diferença entre tremor essencial e Parkinson

A doença de Parkinson é uma das principais doenças neurológicas em que são verificados tremores, no entanto, diferentemente do tremor essencial, o tremor do Parkinson tende a surgir mesmo quando a pessoa está em repouso. Além disso, o Parkinson também provoca muitas outras alterações como mudança na postura, diminuição da velocidade dos movimentos e rigidez muscular, por exemplo.

Por outro lado, no tremor essencial os tremores acontecem quando a pessoa inicia o movimento, não provoca alterações no corpo e é mais comum de ser observada nas mãos, cabeça e voz.

Ainda assim, a melhor forma de garantir que o tremor não se trata da doença de Parkinson é consultar um neurologista para fazer os exames necessários e diagnosticar a doença, iniciando o tratamento adequado. Veja como identificar o Parkinson. 

Como confirmar o diagnóstico

O diagnóstico do tremor essencial é feito pelo neurologista através da análise do histórico de saúde e familiar, dos sintomas, além do exame físico e neurológico, para verificar alterações no funcionamento do sistema nervoso.

Além disso, o médico pode solicitar exames de sangue ou urina, para descartar outras condições que podem causar tremores, como hipertireoidismo, distúrbios metabólicos ou doença de Wilson, por exemplo.

Possíveis causas

A causa do tremor essencial não é totalmente conhecida, mas acredita-se que seja por uma alteração na atividade elétrica do tálamo, uma parte do cérebro responsável por coordenar os movimentos musculares do corpo.

Alguns fatores podem contribuir para o desenvolvimento do tremor essencial, como alterações genéticas, que podem ser herdadas de um dos pais com essa doença, sendo nesse caso, conhecida como tremor essencial familiar, ou ainda devido à idade, sendo mais comum após os 40 anos.

Como é feito o tratamento

O tratamento para tremor essencial deve ser orientado por um neurologista e, normalmente, só é iniciado quando os tremores impedem a realização das tarefas diárias. Os tratamentos mais utilizados incluem:

1. Uso de remédios

Os remédios normalmente indicados pelo médico para o tratamento do tremor essencial, são:

  • Anti-hipertensivos, como propranolol, que ajudam a reduzir o surgimento de tremores;
  • Antiepilépticos, como primidona, que aliviam os tremores quando os anti-hipertensivos não foram eficazes;
  • Ansiolíticos, como clonazepam, que permitem aliviar os tremores que são agravados por situações de estresse e ansiedade.

​​​​​​Além disso, pode-se fazer injeção de botox em algumas raízes nervosas, com alívio dos tremores, quando a ação das medicações e o controle do estresse não são suficientes para reduzir os sintomas.

2. Fisioterapia

A fisioterapia é recomendada para todos os casos de tremor essencial, mas especialmente para os casos mais graves, em que os tremores dificultam a realização de algumas atividades diárias, como comer, apertar o cadarço dos sapatos ou pentear o cabelo, por exemplo.

Nas sessões de fisioterapia, o terapeuta, além de fazer exercícios para fortalecer os músculos, ainda ensina e treina diferentes técnicas para realizar as atividades que se tem dificuldade, podendo utilizar diferentes equipamentos adaptados.

3. Cirurgia

A cirurgia pode ser recomendada pelo médico no caso do tremor essencial grave, quando o tratamento com remédios ou fisioterapia não foram eficazes para controlar os sintomas.

As principais cirurgias para o tremor essencial que podem ser feitas pelo neurologista são a terapia de estimulação cerebral profunda, em que é implantado um dispositivo no cérebro, semelhante a um marca passo, ou a cirurgia de talamotomia por ultrassom focalizado, que consiste em destruir o tálamo, que é a região do cérebro responsável por produzir os tremores.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Manuel Reis - Enfermeiro, em agosto de 2022. Revisão médica por Dr.ª Clarisse Bezerra - Médica de Saúde Familiar, em agosto de 2020.

Bibliografia

  • RASAD, S.; PAL, P. K. Reclassifying essential tremor: Implications for the future of past research. Mov Disord. 34. 3; 437, 2019
  • PRASAD, S.; et al. Phenotypic Variability of Essential Tremor Based on the Age at Onset. Can J Neurol Sci. 46. 2; 192-198, 2019
Mostrar bibliografia completa
  • AGARWAL, S.; BIAGIONI, M. C. IN: STATPEARLS [INTERNET]. TREASURE ISLAND (FL): STATPEARLS PUBLISHING. Essential Tremor. 2021. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK499986/>. Acesso em 24 mar 2022
  • Vanderci Borges; Henrique Ballalai Ferraz. Tremores. Revista de Neurociencias. vol. 14, n.1. p. 43-47, 2006. Disponivel em: <http://www.revistaneurociencias.com.br/edicoes/2006/RN%2014%2001/Pages%20from%20RN%2014%2001-7.pdf>
  • Adolfo Vasconcelos de Albuquerque. Tremor Essencial. Revista de Neurociencias. Vol. 18, n.3. p. 401-405, 2010. Disponivel em: <http://www.revistaneurociencias.com.br/edicoes/2010/RN1803/377%20revisao.pdf>
Revisão médica:
Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
Formada em Medicina pelo Centro Universitário Christus e especialista em Saúde da Família pela Universidade Estácio de Sá. Registro CRM-CE nº 16976.