Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para Alcoolismo

O tratamento do alcoolismo envolve exclusão do álcool que pode ser auxiliada com o uso de medicamentos para desintoxicar o fígado e para diminuir os sintomas da falta do álcool. A internação em clínicas para dependentes químicos pode ser voluntária ou involuntária caso exista risco contra a própria vida ou de terceiros, e neste caso ela é chamada de internação compulsória.

Tratamento do alcoolismo pelo SUS

O tratamento do alcoolismo pelo SUS pode ser feito pelo:

  • CAPS - Centro de Atenção Psicossocial: Instituições governamentais, espalhadas por várias cidades do país;
  • NASF - Núcleos de Apoio à Saúde da Família: Formado por grupo de profissionais de saúde que auxiliam as equipes de Saúde da Família no atendimento aos dependentes químicos;
  • Consultórios de Rua: equipes móveis formadas por assistente social, auxiliar de enfermagem e médicos que atuam onde usuários de drogas se reúnem:
  • CAT - Casas de Acolhimento Transitório: Acolhem o dependente durante o processo de estabilização clínica, com atividades pedagógicas.

O tratamento para o alcoolismo também pode ser feito através dos A.A. -  Alcoólicos Anônimos, que apesar de não estar ligada ao SUS, oferece tratamento gratuito para os viciados. Apesar do alcoólatra não poder ficar internado nestes locais 24 horas por dia, ele poderá frequentar as reuniões diariamente e assim encontrar apoio para vencer o vício.

Em caso de dúvidas, pode-se ligar para o número 132 (viva voz) que é um serviço de atendimento telefônico gratuito, exclusivo para fornecer informações sobre qualquer tipo de droga e seus efeitos no organismo, além de orientar na busca de locais para tratamento. Por meio do número 132, qualquer cidadão com dúvidas será atendido nas 24 horas do dia, durante todos os dias da semana, inclusive feriados.

Clínicas para tratamento do alcoolismo

As clínicas para tratamento do alcoolismo podem funcionar a tempo integral ou parcial. Cada clínica possui um esquema próprio de tratamento que frequentemente inclui além dos profissionais de saúde (médicos, psicólogos, terapeutas ocupacionais, enfermeiros e professores de educação física) a família, pois grande parte dos dependentes de álcool são de famílias com desajustes sociais ou emocionais.

O tratamento para o alcoolismo deve durar um período médio de 6 meses para a desintoxicação física, mas o sucesso do tratamento é considerado alcançado 5 anos após a conclusão do tratamento, com completa abstinência e total controle sobre o álcool. Contudo é sempre importante evitar o primeiro gole por toda a vida, pois sempre haverá chance de recaída.

Link útil:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...