6 banhos de assento para candidíase

Revisão clínica: Manuel Reis
Enfermeiro

Os banhos de assento para candidíase, como de bicarbonato de sódio ou o de chá de camomila, possuem ação antifúngica e antimicrobiana, impedindo o crescimento excessivo do fungo causador da candidíase, a Candida albicans, e, por isso, ajudam a aliviar os sintomas de irritação, coceira, vermelhidão, inchaço ou corrimento, por exemplo.

A candidíase é uma infecção causada pela proliferação excessiva do fungo do gênero Candida, principalmente na região genital, causando sintomas como dor e ardor ao urinar ou coceira intensa, mas também pode acontecer em outras partes do corpo. Saiba identificar os sintomas da candidíase.

Embora não sirvam para substituir o tratamento médico, os banhos de assento são uma boa opção para aliviar os sintomas da candidíase, podendo ser usados para complementar o tratamento indicado pelo médico.

- mudar imagem

1. Bicarbonato de sódio

O banho de assento de bicarbonato de sódio ajuda a combater a candidíase, porque diminui a acidez da vagina, impedindo o crescimento e a proliferação da Candida albicans, aliviando os sintomas da doença, como coceira e irritação.

Ingredientes:

  • 4 colheres de sopa de bicarbonato de sódio;
  • 2 litro de água morna fervida ou filtrada.

Modo de preparo:

Diluir bem o bicarbonato de sódio na água morna e fazer o banho de assento colocando esta solução no bidê ou numa bacia. Após fazer a higiene íntima, sentar e ficar em contato com esta água por  15 a 20 minutos. Recomenda-se fazer este banho de assento 2 vezes ao dia, enquanto persistirem os sintomas.

2. Vinagre de maçã

O vinagre de maçã é outra boa opção para fazer banho de assento para candidíase, pois contém ácido lático e gálico, compostos com ação antimicrobiana e antifúngica que ajudam a aliviar os sintomas de coceira, corrimento, vermelhidão e inchaço causados pela candidíase.

Ingredientes:

  • 4 colheres de sopa de vinagre de maçã;
  • 2 litros de água.

Modo de preparo:

Ferver a água e, ao amornar, diluir o vinagre de maçã. Colocar a mistura em uma bacia ou banheira. Após fazer a higiene íntima, sentar e fazer o banho de assento por 20 minutos 1 vez ao dia.

Cuidados no uso: Este banho de assento não deve ser usado por mulheres grávidas.

3. Óleo essencial de melaleuca

O óleo essencial de melaleuca, conhecido também como tea tree, tem ação antifúngica e antisséptica, podendo ser usado em banhos de assento para ajudar a diminuir alguns sintomas da candidíase, como coceira e ardência. Conheça outros benefícios do óleo essencial de melaleuca.

Ingredientes:

  • 5 gotas de óleo essencial de melaleuca;
  • 1 litro de água morna.

Modo de preparo:

Em uma bacia, diluir o óleo essencial de melaleuca na água morna e, após a higiene íntima, fazer o banho de assento por 20 minutos 1 vez ao dia.

Cuidados no uso: este banho de assento não deve ser usado por mulheres grávidas.

4. Chá de barbatimão

O barbatimão é uma planta rica em flavonoides e taninos, que são compostos bioativos com propriedades antifúngica e adstringente, sendo, por isso, indicada para complementar o tratamento da candidíase em banhos de assento. Entenda como o barbatimão ajuda a combater a candidíase.

Ingredientes:

  • 20g de cascas de barbatimão seco;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo:

Colocar a água e as cascas de barbatimão em uma panela e ferver por 15 minutos. Tampar a panela e deixar amornar. Coar o chá e misturar com um pouco mais de água para encher uma bacia. Após fazer a higiene íntima, sentar sobre a água por 20 minutos 1 vez ao dia.

Cuidados no uso: esse banho de assento não deve ser usado por mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

5. Chá de camomila

O chá de camomila contém flavonoides e óleos essenciais com ação antifúngica e antimicrobiana que ajudam a eliminar a Candida albicans, aliviando os sintomas de coceira, inchaço, irritação ou desconforto na região íntima, sendo uma boa opção de banho de assento para complementar o tratamento da candidíase.

Ingredientes:

  • 3 colheres de sopa de folhas de camomila seca;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo:

Ferver a água e apagar o fogo. Adicionar as flores de camomila à água, tampar a panela e deixar repousar por 10 minutos. Coar a infusão e transferir para uma bacia. Após a higiene íntima, fazer o banho de assento por 15 a 20 minutos, pelo menos 1 vez ao dia.

6. Tomilho e alecrim

O banho de assento de tomilho e alecrim é rico em substâncias antifúngicas, como timol, carvacrol e cânfora, que agem impedindo a multiplicação de fungos, especialmente a Candida albicans, ajudando a reduzir o desconforto e a inflamação na região íntima, sendo uma ótima opção de remédio caseiro para a candidíase.

Ingredientes:

  • 1 litro de água;
  • 2 colheres de chá de tomilho seco;
  • 2 colheres de chá de alecrim seco.

Modo de preparo:

Em uma panela, colocar a água para ferver e apagar o fogo. Adicionar as folhas de alecrim e tomilho, tampar a panela e deixar descansar por 10 minutos. Coar a infusão e, após a higiene íntima, fazer o banho de assento, colocando a mistura em uma bacia ou banheira, 2 vezes ao dia, até melhorar os sintomas.

Cuidados no uso: o banho de assento de alecrim não é indicado para gestantes e pessoas com dermatites ou dermatoses.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Karla S. Leal - Nutricionista, em abril de 2022. Revisão clínica por Manuel Reis - Enfermeiro, em abril de 2022.

Bibliografia

  • RAIMUNDO, S, Jéssica; TOLEDO, M, Cleyton Eduardo. Plantas com atividade antifúngica no tratamento da candidíase: uma revisão bibliográfica. Revista Uningá . Vol.29. 2.ed; 75-80, 2017
  • UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Horto didático de plantas medicinais do HU/CCS: Barbatimão (Stryphnodendron adstringens (Mart.) Coville). Disponível em: <https://hortodidatico.ufsc.br/barbatimao-stryphnodendron-adstringens-mart-coville-i/>. Acesso em 04 abr 2022
Mostrar bibliografia completa
  • GOPAL, Judy et al. Authenticating apple cider vinegar’s home remedy claims: antibacterial, antifungal, antiviral properties and cytotoxicity aspect. Natural Product Research. Vol.33. 6.ed; 1-5, 2019
  • SUS- PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS. Plantas medicinais. 2018. Disponível em: <https://saude.campinas.sp.gov.br/saude/assist_farmaceutica/Cartilha_Plantas_Medicinais_Campinas.pdf>. Acesso em 04 abr 2022
  • KESSEL, Katherine Van; et al. Common Complementary and Alternative Therapies for Yeast Vaginitis and Bacterial Vaginosis: A Systematic Review. Obstetrical and Gynecological Survey. 58. 5; 351-358, 2003
  • SAEIDI, Saeide; et al. Effects of Rosmarinus Officinalis Plant Extract on Trichomonas Vaginalis Parasites and Candida albicans under Laboratory Conditions: An Experimental Study. Gene Cell Tissue. 6. 3; e92867, 2019
  • SEYEDJAVADI, Sima Sadat; et al. The Antifungal Peptide MCh-AMP1 Derived From Matricaria chamomilla Inhibits Candida albicans Growth via Inducing ROS Generation and Altering Fungal Cell Membrane Permeability. Front Microbiol. 10. 3150; 1-10, 2019
  • OZEN, Betul; BASER, Muruvvet. Vaginal Candidiasis Infection Treated Using Apple Cider Vinegar: A Case Report. Altern Ther Health Med. 23. 7; AT5751, 2017
  • BOGAVAC, M.; et al. Alternative treatment of vaginal infections – in vitro antimicrobial and toxic effects of Coriandrum sativum L. and Thymus vulgaris L. essential oils. Applied Microbiology. 119. 3; 697-710, 2015
Revisão clínica:
Manuel Reis
Enfermeiro
Pós-graduado em fitoterapia clínica e formado pela Escola Superior de Enfermagem do Porto, em 2013. Membro nº 79026 da Ordem dos Enfermeiros.

Tuasaude no Youtube

  • Por que o TOMILHO faz bem? (com receita fácil e especial)

    03:19 | 83130 visualizações
  • Como CURAR NATURALMENTE a candidíase

    06:24 | 1850259 visualizações