Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é o Transtorno de Personalidade Esquizotípica

O transtorno de personalidade esquizotípica é marcado por uma reduzida capacidade para relacionamentos íntimos, em que a pessoa sente um grande desconforto em relacionar-se com os outros, por apresentar déficits sociais e interpessoais, formas distorcidas de processar a informação e comportamento excêntrico.

As pessoas com este transtorno, têm um maior risco de sofrer de depressão, ansiedade, problemas na relação com os outros, problemas com álcool e drogas, esquizofrenia, episódios psicóticos ou mesmo tentativas de suicídio, por isso, o tratamento deve ser feito mal surjam os primeiros sintomas.

Este transtorno surge, geralmente, na idade adulta e o tratamento consiste na realização de sessões de psicoterapia e administração de medicamentos, que devem ser prescritos pelo psiquiatra.

O que é o Transtorno de Personalidade Esquizotípica

Quais os sintomas

De acordo com o DSM, Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, os sintomas característicos que podem ocorrer em uma pessoa com transtorno de personalidade esquizotípica são:

  • Ideias de referência, que descrevem fenômenos em que a pessoa experimenta coincidências e acredita que estas têm um forte significado pessoal;
  • Crenças bizarras ou pensamento mágico, que influenciam o comportamento e que não estão de acordo com as normas da subcultura do indivíduo;
  • Experiências perceptivas incomuns, incluindo ilusões somáticas, que se caracterizam por falsas crenças de que uma parte do corpo está doente ou a funcionar mal;
  • Pensamento e discurso bizarros;
  • Desconfiança em relação aos outros ou ideação paranoide;
  • Afeto inadequado e contido;
  • Aparência ou comportamento esquisito, peculiar ou excêntrico;
  • Falta de amigos íntimos ou confidentes, a não ser familiares mais próximos;
  • Ansiedade social excessiva que não diminui com a familiaridade e tende a estar associada com temores paranoides, em vez de julgamentos negativos acerca de si próprio.

Conheça outros transtornos de personalidade.

Possíveis causas

Não se sabe ao certo o que está na origem do transtorno de personalidade esquizotípica, mas pensa-se que pode estar relacionada com fatores hereditários e ambientais, sendo que, as vivências da infância podem ter uma grande influência na personalidade da pessoa.

Além disso, o risco de desenvolver este transtorno de personalidade é maior em pessoas que têm familiares com esquizofrenia ou outros distúrbios de personalidade.

Como é feito o tratamento

Geralmente, o tratamento do transtorno de personalidade esquizotípica consiste na realização de sessões de psicoterapia e administração de medicamentos, como antipsicóticos, estabilizadores de humor, antidepressivos ou ansiolíticos.


Bibliografia

  • MAZER, Angela K.; MACEDO, Brisa Burgos D. et al. Transtornos da personalidade. Medicina (Ribeirão Preto, Online). 50(Supl.1). 85-97, 2017
  • MAYO CLINIC. Schizotypal personality disorder. Link: <www.mayoclinic.org>. Acesso em 12 Mar 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem