Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Teste de paternidade pelo Exame de DNA

O teste de paternidade, também chamado de teste de DNA, pode ser realizado durante a gravidez ou depois do bebê nascer analisando o sangue, saliva ou fio de cabelo da mãe, do suposto pai, do filho, ou dos três.

Os principais tipos de teste de paternidade são:

  • Teste de paternidade pré-natal: pode ser realizado a partir da 9ª semana de gestação através de uma pequena amostra de sangue da mãe e comparação com material genético* do suposto pai;
  • Teste de paternidade por amniocentese: pode ser realizado entre a 14ª e 28ª de gestação através da coleta do líquido amniótico que envolve o feto e comparação com material genético* do suposto pai;
  • Teste de paternidade por cordocentese: pode ser realizado a partir da 29ª semana de gestação através da coleta da amostra de sangue do feto através do cordão umbilical e comparação com material genético* do suposto pai;
  • Teste de paternidade por vilo-corial: pode ser realizado entre a 11ª a 13ª semana de gestação através da coleta de fragmentos da placenta e comparação com material genético* do suposto pai.
Recolha de Saliva para realização de Teste de PaternidadeRecolha de Saliva para realização de Teste de Paternidade

*O material genético do suposto pai pode ser: sangue, saliva ou fio de cabelo. Sendo que no caso do cabelo há laboratórios que pedem 10 fios de cabelo retirados da raíz.

Em caso de suposto pai falecido, pode-se realizar o teste de paternidade utilizando amostra de sangue da mãe ou do pai do falecido.

Exame de DNA ainda na gravidez

O exame de DNA fetal pode ser feito a partir da 12ª semana de gestação por biópsia de vilosidade coriônica, que é um exame que permite retirar uma amostra de uma parte da placenta que contem células do feto, por volta da 16ª semana de gestação com coleta de líquido amniótico ou a partir da 20ª semana de gestação por cordocentese, que permite tirar sangue do cordão umbilical.

Qualquer que seja a técnica de extração de amostra de DNA do feto, ela depois é comparada com a amostra de DNA do pai para comprovar ou não a paternidade.

Preço do teste de paternidade

O preço do teste de paternidade varia entre 2 mil e 4 mil reais.

O teste de paternidade gratuito pode ser realizado em alguns laboratórios através de um pedido judicial que pode ser solicitado por um advogado da defensoria pública.

Como é feito o teste de paternidade

O teste de paternidade pode ser feito através da comparação do DNA encontrado no sangue, saliva ou fio de cabelo da mãe, do pai e do filho. O resultado do teste de paternidade é 99,99% correto e sai entre 6 e 20 dias dependendo do tipo de teste e do laboratório onde ele será realizado.

Teste de paternidade pelo Exame de DNA

Onde fazer o teste de paternidade

O teste de paternidade pode ser realizado em laboratórios especializados com um pedido judicial ou de forma anônima. Alguns laboratórios que fazem o teste de paternidade no Brasil são:

  • Genomic - engenharia molecular. Telefone: 55 (11) 3288-1188 e
  • Centro de genomas. Telefone: 800 771 1137.

O uso de medicamentos ou bebidas alcoólicas não podem alterar o resultado do teste de paternidade, pois o DNA não é atingido por fatores externos. No entanto, se a mãe ou se o suposto pai tiverem realizado uma transfusão sanguínea ou um transplante de medula 6 meses antes da realização do teste, este pode conferir resultado duvidoso. Neste caso é mais indicado realizar o exame de DNA pela saliva.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...