Citrato de sildenafila: para que serve e como tomar

Atualizado em fevereiro 2023

O citrato de sildenafila é um remédio que age aumentando o relaxamento dos músculos dos vasos sanguíneos e aumentando o fluxo de sangue para áreas específicas do corpo como pênis ou pulmões, sendo indicado para o tratamento da disfunção erétil em homens ou hipertensão pulmonar em homens ou mulheres. 

Esse remédio, para o tratamento da disfunção erétil, pode ser comprado em farmácias ou drogarias, na forma de comprimidos de 25, 50 ou 100 mg, em caixas com 1, 2, 4 ou 8 comprimidos, com o nome comercial Viagra, na forma de genérico como citrato de sildenafila, ou com os nomes similares Pramil ou Dejavu, por exemplo, e deve ser usado com orientação médica.

Além disso, o citrato de sildenafila para o tratamento da hipertensão pulmonar é vendido com o nome comercial Revatio, na dose de 20 mg, em embalagens contendo 90 comprimidos, e deve ser usado com indicação do médico.

Imagem ilustrativa número 1

Para que serve 

O citrato de sildenafila é indicado para o tratamento da disfunção erétil ou impotência sexual em homens, pois age aumentando o relaxamento dos músculos dos corpos cavernosos no pênis, promovendo uma dilatação das artérias e aumentando o fluxo de sangue no pênis, o que auxilia na obtenção e manutenção de uma ereção satisfatória. Porém, este medicamento só exerce o seu efeito se ocorrer estímulo sexual.

O citrato de sildenafila atua no organismo aumentando o fluxo de sangue no corpo cavernoso do pênis, Esse remédio também é indicado para o tratamento da hipertensão arterial pulmonar em homens ou mulheres, devido a sua ação de relaxamento da musculatura dos pulmões, melhorando a capacidade respiratória e a capacidade de realizar exercícios e evitando a piora da pressão nos pulmões.

Para que serve a sildenafila em mulheres?

O citrato de sildenafila tem o mesmo efeito nas mulheres que nos homens, ou seja, aumenta a concentração do fluxo sanguíneo na região pélvica, no caso dos homens ajuda a causar a ereção peniana, enquanto nas mulheres aumenta o fluxo sanguíneo para o clitóris, o que pode aumentar a sensibilidade durante o contato íntimo, desde que haja estimulação dos órgãos genitais após a ingestão do medicamento.

No entanto, se o sildenafil em mulheres não for usado com a intenção de tratar a hipertensão pulmonar, este medicamento não é recomendado para aumentar o desempenho sexual, pois ainda são necessários mais estudos sobre o efeito da sildenafila em mulheres no campo sexual. Veja algumas dicas para melhorar o desejo sexual na mulher.

Como tomar 

O comprimido de citrato de sildenafila deve ser tomado por via oral, antes ou após uma refeição, somente por adultos, e as doses variam de acordo com a indicação, sendo que as doses recomendadas pelo médico são: 

1. Disfunção erétil ou impotência sexual

A dose recomendada é de 1 comprimido de 50 mg de citrato de sildenafila (Viagra, Pramil ou Dejavu), em dose única, cerca de 1 hora antes do contato íntimo, podendo esta dose ser aumentada pelo médico para 100 mg ou reduzida para 25 mg, o que vai depender da eficácia e da tolerabilidade do medicamento. Não se deve tomar mais do que 1 comprimido por dia.

Para homens que utilizam o remédio ritonavir, a dose máxima de citrato de sildenafila é de 1 comprimido de 25 mg por dia, dentro de um período de 48 horas.

2. Hipertensão arterial pulmonar

A dose recomendada do citrato de sildenafila (Revatio) para o tratamento da hipertensão arterial pulmonar, geralmente é de 1 comprimido de 20 mg, 3 vezes por dia, a cada 6 a 8 horas, conforme orientado pelo médico.

No caso de esquecer de tomar uma dose na hora certa, tomar assim que lembrar, mas deve-se pular a dose esquecida se estiver quase na hora de tomar a próxima dose. Não dobrar a dose para compensar a dose esquecida. 

Para pessoas que utilizam outros remédios, pode ser necessário ajustar a dose dos medicamentos ou do citrato de sildenafila, e por isso, deve-se informar ao médico todos os remédios que utiliza.

Possíveis efeitos colaterais 

Alguns dos efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer durante o tratamento com sildenafila são dor de cabeça, tontura, visão embaçada ou visão azul, ondas de calor, vermelhidão ou sensação de formigamento no rosto, nariz escorrendo ou entupido, sangramento nasal, azia ou sensação de estômago embrulhando, insônia, dor muscular ou nas costas ou febre.

É aconselhado interromper o uso e procurar ajuda médica imediatamente ou o pronto-socorro mais próximo se surgirem sintomas como:

  • Dor ou sensação de pressão no peito;
  • Dor que se espalha para o rosto ou ombros;
  • Falta de ar;
  • Náuseas;
  • Aumento da produção de suor;
  • Mudança repentina da visão ou perda da visão;
  • Ereção dolorosa ou que dura mais de 4 horas;
  • Zumbido no ouvido ou perda súbita da audição;
  • Convulsões;
  • Sensação de tontura como se fosse desmaiar.

Além disso, também deve-se procurar o pronto socorro mais próximo se surgirem sintomas de reação alérgica ao citrato de sildenafila como dificuldade para respirar, sensação de garganta fechada, inchaço na boca, língua ou rosto ou urticária. Saiba identificar os sintomas de reação alérgica grave.

O que fazer se surgirem efeitos colaterais?

Os efeitos do citrato de sildenafila podem durar até 4 ou 5 horas após a sua ingestão, pelo que é necessário aguardar o desaparecimento do efeito. No entanto, se tiver tomado mais doses do que as indicadas, deve dirigir-se ao serviço de urgência ou pronto-socorro mais próximo para receber cuidados médicos, que consistem em medidas de suporte, como hidratação intravenosa e acompanhamento médico contínuo.

Em alguns casos, é possível que seja feita diálise renal, apesar desse medicamento ser excretado em maior quantidade nas fezes do que na urina, pois ajudaria a acelerar sua eliminação.

O que acontece se eu tomar a sildenafila e não precisar?

No caso de tomar o citrato de sildenafila sem ter problemas de impotência ou hipertensão pulmonar, podem surgir efeitos colaterais como tonturas, palpitações, distúrbios visuais, como visão turva, e dor de cabeça.

A ereção do pênis devido ao uso de sildenafila no caso de não haver indicação médica pode ocorrer se houver estimulação sexual do membro genital, caso isso não aconteça, é improvável que haja uma ereção.

Quem não deve usar

O citrato de sildenafila não deve ser usado por pessoas que utilizam remédios para dor no peito ou problemas cardíacos contendo óxido nítrico, nitratos orgânicos ou nitritos orgânicos, como nitroglicerina, dinitrato de isossorbida ou mononitrato de isossorbida, ou  nitrato de amila, pois pode provocar diminuição grave da pressão arterial.

Esse remédio não deve ser usado por mulheres grávidas ou em amamentação que tenham hipertensão arterial pulmonar.  

Além disso, o citrato de sildenafila também não deve ser usado por crianças com menos de 18 anos ou por pessoas que tenham alergia ao citrato de sildenafila ou a outros componentes do comprimido.

Antes de tomar este remédio deve-se conversar com o médico e ter alguma precaução caso a pessoa tenha mais de 50 anos, seja fumante, tenha alguma doença pré-existente, como problemas nos rins, fígado ou coração ou alguma deformação física no pênis. 

O que acontece se eu tomar a sildenafila e álcool?

O álcool não é uma contraindicação absoluta durante o uso do citrato de sildenafila, porém, por ser um depressor do sistema nervoso central, pode interferir nos problemas de impotência e dificultar as relações sexuais, perdendo o efeito para o qual foi destinado. Desta forma, não é recomendado combinar o consumo de álcool com a sildenafila.

Além disso, o uso de sildenafila com álcool pode potencializar o efeito colateral de redução da pressão arterial e aumentar o risco de efeitos colaterais como tontura, vertigem, desmaio, rubor, dor de cabeça e palpitações cardíacas, sendo recomendado evitar ou consumir bebidas moderadamente alcoólicas .

Assista o vídeo seguinte e veja as dicas de uma fisioterapeuta e sexóloga, que explica a disfunção erétil e ensina a fazer exercícios para prevenir e melhorar o problema:

youtube image - Dicas para Impotência Sexual