Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sarcoma de Ewing: O que é, Sintomas e Tratamento

O sarcoma de Ewing é um tipo de câncer raro que surge nos ossos ou nos tecidos moles em redor, gerando sintomas como dor ou sensação de dolorido constante em uma região do corpo com osso, cansaço excessivo ou surgimento de uma fratura sem causa aparente.

Embora possa surgir em qualquer idade, este tipo de câncer é muito mais frequente em crianças ou jovens adultos entre os 10 e 20 anos de idade, começando normalmente em um osso longo, como os do quadril, braços ou pernas.

Dependendo do momento em que é identificado, o sarcoma de Ewing pode ter cura, no entanto, normalmente é preciso fazer altas doses de quimioterapia ou radioterapia para eliminar completamente o câncer. Por esse motivo, mesmo depois de terminar o tratamento, é preciso fazer consultas regulares no oncologista para vigiar se o câncer volta a surgir ou se aparecem efeitos colaterais tardios do tratamento.

Sarcoma de Ewing: O que é, Sintomas e Tratamento

Principais sintomas

Nas fazes iniciais o sarcoma de Ewing geralmente não causa sintomas, no entanto, com o avançar da doença podem surgir alguns sinais como:

  • Dor, sensação de dolorido ou inchaço em um local do corpo com osso;
  • Dor no osso que piora durante a noite ou com atividade física;
  • Cansaço excessivo sem causa aparente;
  • Febre baixa constante sem razão aparente;
  • Perda de peso sem estar fazendo dieta.

Além disso, em fases mais avançadas, o sarcoma de Ewing causa enfraquecimento dos ossos, o que pode resultar no surgimento de fraturas fáceis sem razão aparente.

Geralmente, quando surgem os primeiros sintomas do sarcoma de Ewing, a maior parte dos pacientes já possui uma metástase em outro local do corpo, o que torna o quadro ainda mais grave e difícil de se resolver.

O que causa o sarcoma de Ewing

Ainda não é conhecida a causa específica do sarcoma de Ewing, no entanto a doença não parece ser hereditária e, por isso, não existe risco de passar dos pais para os filhos, mesmo que existam outros casos na família.

Como confirmar o diagnóstico

Inicialmente o sarcoma de Ewing pode ser bastante difícil de identificar, pois os sintomas são semelhantes a problemas mais comuns como entorses ou ruptura de ligamentos. No entanto, quando o médico faz um raio X é possível identificar alterações no osso que levam a suspeitar do sarcoma.

Dessa forma, o médico pode pedir outros exames como tomografia computadorizada ou ressonância magnética para confirmar o diagnóstico.

Como é feito o tratamento

O tratamento para o sarcoma de Ewing normalmente é iniciado com sessões de quimioterapia para eliminar a maioria das células cancerígenas e diminuir o tamanho do tumor.

Depois disso, o médico pode aconselhar cirurgia para retira o pedaço de osso afetado e os tecido ao redor. Dependendo do tamanho do tumor, pode ser necessário retirar apenas um pedaço ou até o membro completo. Dessa forma, o resultado da cirurgia deve ser sempre bem discutido com o médico.

Por fim, o médico pode voltar a aconselhar o tratamento com quimioterapia ou radioterapia, para eliminar pequenas células cancerígenas que não tenham sido completamente retiradas.

Uma vez que não é possível saber com exatidão se as células já se encontram espalhadas por outras partes do corpo, após o tratamento é necessário fazer consultas recorrentes e exames, para confirmar que o câncer não está se desenvolvendo.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem