Queda de cabelo feminino: 10 causas e opções de tratamento

janeiro 2022

A queda de cabelo na mulher pode acontecer como consequência de deficiências nutricionais, alterações hormonais ou ser consequência do estresse, por exemplo, sendo importante identificar a causa para que o tratamento mais adequado possa ser indicado.

No caso de acontecer devido a deficiências nutricionais, é interessante que o nutricionista seja consultado para que possa ser indicada uma alimentação rica em vitaminas e minerais essenciais para a saúde do couro cabeludo e dos fios, podendo ser indicado, em alguns casos, o uso de suplementos alimentares.

A consulta ao dermatologista é indicada principalmente nos casos em que os fios caem muito. Durante a consulta, o médico realiza uma avaliação do couro cabeludo e indica o tratamento mais adequado para cada caso, podendo ser recomendado o uso de shampoos adequados ou remédios específicos.

Principais causas

A queda de cabelo na mulher pode acontecer devido a diversas situações, sendo as principais:

  1. Anemia;
  2. Estresse e ansiedade;
  3. Inflamação no couro cabeludo;
  4. Fumaça de cigarro, que se acumula nos cabelos;
  5. Tratamento capilar de má qualidade, como uso de coloração, permanentes ou alisamentos;
  6. Uso de penteados que "puxam" muito a raiz;
  7. ​Fatores genéticos;
  8. Quimioterapia;
  9. Alterações hormonais que acontecem na menopausa e pós-parto;
  10. Tratamento com medicamentos como varfarina, heparina, propiltiouracila, carbimazol, vitamina A, isotretinoína, acitretina, lítio, betabloqueadores, colchicina, anfetaminas e medicamentos contra o câncer.

A queda de cabelo feminino também pode ser causada pela amamentação, porque nesta fase o corpo utiliza os micronutrientes para produzir o leite materno e por vezes, esses nutrientes podem não ser suficientes para produzir o leite e manter o cabelo saudável.

Além disso, é possível também notar aumento da queda de cabelo em pessoas diagnosticadas com COVID-19, no entanto essa queda parece estar mais relacionada com a ansiedade, estresse e febre alta que podem acontecer nessa situação. Conheça mais sobre as causa de queda de cabelo.

Como é feito o tratamento

O tratamento para queda de cabelo na mulher deve ser recomendado pelo dermatologista e varia de acordo com a causa da queda e quantidade de fios perdidos por dia. Assim, pode ser indicada a realização de tratamentos estéticos, melhora da alimentação, uso de suplementos ou de remédios específicos para queda de cabelo.

1. Remédios para queda de cabelo feminino

Os remédios para queda de cabelo na mulher devem ser recomendados pelo dermatologista, sendo normalmente indicado o uso do minoxidil, que atua melhorando a circulação sanguínea no couro cabeludo, diminuindo a queda de cabelo.

O uso do minoxidil pode ser combinado com outros medicamentos para garantir os resultados, de acordo com a causa da queda de cabelo. Assim, pode ser também indicado pelo médico o uso de Zymo HSOR, Finasterida ou 17-alfa-estradiol, por exemplo. Confira outros remédios para queda de cabelo.

2. Tratamentos estéticos

Os tratamentos estéticos realizados no couro cabeludo podem também favorecer a nutrição e circulação sanguínea no local, promovendo o crescimento dos fios. Um dos tratamentos estéticos que podem ser recomendados é a mesoterapia capilar, que consiste na aplicação de injeções no couro cabeludo contendo vitaminas e minerais, além de remédios que ajudam no crescimento dos fios e previnem a queda.

Outro tratamento é a carboxiterapia capilar, que consiste na injeção de gás carbônico diretamente no couro cabeludo para estimular o fluxo de sangue no local e permitir melhora na nutrição das células e eliminação das toxinas, o que promove o crescimento dos fios. Entenda melhor o que é e como é feita a carboxiterapia capilar.

3. Alimentação para queda de cabelo

Para prevenir a queda de cabelo e tornar os fios mais fortes, é importante ter uma alimentação rica em proteína e selênio, que é um mineral importante para a saúde da pele, cabelo e unhas. Assim, é recomendado consumir alimentos de origem animal, que são ricos em proteínas, e alimentos fonte de selênio, como a castanha-do-pará e a gema de ovo. Conheça outros alimentos que ajudam a fortalecer os cabelos.

Quando a queda de cabelo está associada a deficiências nutricionais ou anemia, por exemplo, pode ser também indicado o uso de suplementos de vitaminas e minerais, principalmente ferro, pois assim é possível não tratar a queda de cabelo mas também combater outros sintomas que possam estar associados à deficiência nutricional.

Além disso, uma ótima opção que pode ajudar no tratamento da queda de cabelo na mulher é a seguinte vitamina:

Ingredientes

  • 1 folha de couve;
  • ½ limão com casca;
  • 1 colher de chá de gérmen de trigo;
  • 1 castanha-do-pará;
  • 200 ml de água.

Modo de preparo

Bater todos os ingredientes no liquidificador e beber a seguir. Deve-se tomar esta vitamina diariamente, por cerca de 3 meses e então, depois deste período, avaliar os resultados. Esta vitamina é rica em vitaminas e minerais que são essenciais para travar a queda de cabelo.

Assista o vídeo seguinte e veja como preparar outra receita de vitamina para fortalecer o cabelo e evitar a queda:

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em janeiro de 2022. Revisão médica por Drª. Aleksana Viana - Dermatologista, em fevereiro de 2016.

Bibliografia

  • SHARQUIE, Khalifa E.; JABBAR, Raed I. COVID‑19 infection is a major cause of acute telogen effluvium. Irish Journal of Medical Science. 2021
  • MORENO-ARRONES, O. M.; LOBATO-BEREZO, A.; GOMEZ-ZUBIAUR, A. et al. SARS-CoV-2-induced telogeneffluvium: a multicentric study. JEADV. 181-183, 2021
Mostrar bibliografia completa
  • AMERICAN ACADEMY OF DERMATOLOGY. Can COVID-19 cause hair loss?. Disponível em: <https://www.aad.org/public/diseases/hair-loss/causes/covid-19>. Acesso em 31 jan 2022
  • MIECZKOWSKA, Karolina; DEUTSCH, Alana; BOROK, Jenna et al. Telogen effluvium: a sequela of COVID-19. International Journal of Dermatology. 2020
  • GUO, Emily L.; KATTA, Rajani. Diet and hair loss: effects of nutrient deficiency and supplement use. Dermatol Pract Concept. 7. 1; 1–10, 2017
  • WOLFF, Hans; FISCHER, Tobias W.; BLUME-PEYTAVI, Ulrike. The Diagnosis and Treatment of Hair and Scalp Diseases. Dtsch Arztebl Int. 113. 21; 377–386, 2016
  • FABBROCINI, G.; et al. Female pattern hair loss: A clinical, pathophysiologic, and therapeutic review. Int J Womens Dermatol. 4. 4; 203–211, 2018
  • REBORA, Alfredo. Telogen effluvium: a comprehensive review. Clin Cosmet Investig Dermatol. 12. 583–590, 2019
  • VAN ZUUREN, Esther J.; FEDOROWICZ, Zbys; SCHOONES, Jan. Interventions for female pattern hair loss. Cochrane Database Syst Rev. 2016. 5; CD007628, 2016
  • BIOLAB. PANTOGAR. 2014. Disponível em: <http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=17941232016&pIdAnexo=3507963>. Acesso em 15 mai 2019
  • ACHÉ LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS S.A. Pant. 2015. Disponível em: <http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=24581662016&pIdAnexo=3996987>. Acesso em 15 mai 2019
  • ONOFRE. Imecap Hair. Disponível em: <https://www.onofre.com.br/estaticos/bulas/462888.pdf>. Acesso em 15 mai 2019
  • SANDOZ. Finasterida. 2014. Disponível em: <http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=7113552014&pIdAnexo=2181015>. Acesso em 15 mai 2019
  • REBELO, Ana S.. Novas estratégias para o tratamento da alopécia. Dissertação de Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas , 2015. Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias/Escola de Ciências e Tecnologias da Saúde de Lisboa.
  • MULINARI-BRENNER, Fabiane et al.. Understanding androgenetic alopecia. Surg Cosmet Dermatol. 4. 3; 329-337, 2011
Revisão médica:
Drª. Aleksana Viana
Dermatologista
Especialista em Dermatologia pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, em 2007 com registro profissional no CRM/PE – 16907.

Tuasaude no Youtube

  • Vitamina poderosa para QUEDA DE CABELO

    15:27 | 1571017 visualizações