6 dicas para fechar os poros abertos do rosto

Revisão clínica: Bruna Ribeiro
Especialista em Estética Avançada
março 2022

A melhor forma de fechar os poros dilatados é mantendo sempre a pele limpa e hidratada, pois assim é possível remover as células mortas e todas as impurezas que possam estar sendo acumuladas na pele. A limpeza de pele profunda, o uso de hidratantes e a esfoliação são técnicas que ajudam a melhorar o aspecto da pele, além de diminuir a oleosidade e deixa- la mais macia. 

Os poros do rosto podem ficar dilatados devido ao acúmulo de oleosidade, principalmente na zona T do rosto, que corresponde à testa, nariz e queixo, e a presença de células mortas na primeira camada da pele. O envelhecimento pode também ser um fator importante para que os poros fiquem mais dilatados, pois a pele perde a sua elasticidade e, consequentemente, os poros aumentam o seu tamanho. 

Os cuidados para fechar os poros podem ser feitos em casa ou por um profissional de estética e sua manutenção pode ser diária, desde que respeitado o tipo de pele.

Algumas dicas para fechar os poros e manter a pele hidratada e uniforme são:

1. Limpar a pele diariamente

É preciso manter a pele devidamente limpa todos os dias, e, para isso, deve-se lavar o rosto com sabonete líquido, fazendo movimentos circulares com a ponta dos dedos por 2 minutos e, em seguida, retirar com água. É recomendado que essa limpeza seja feita no máximo 2 vezes por dia para não ter efeito rebote, em que devido ao excesso de lavagens a pele fica mais oleosa.

Uma ótima dica para fechar os poros dilatados é lavar o rosto com água fria antes de aplicar maquiagem, ou passar uma pedrinha de gelo em todo rosto para fazer uma vasoconstrição e, em seguida, aplicar um primer e depois aplicar a base e o pó. 

2. Esfoliar a pele 1 vez por semana 

Fazer uma esfoliação suave também é indicado para remover a camada mais externa da pele. Para isso, deve-se aplicar o esfoliante no rosto e realizar movimentos circulares suaves por 1 minuto e retirar com água. 

Uma segunda opção é aplicar uma camada fina de argila verde diluída em água, deixando atuar por 20 minutos e retirar em seguida realizando movimentos circulares, promovendo a esfoliação da pele. A argila irá remover o excesso de oleosidade da pele e devolver os minerais necessários. Confira algumas opções de esfoliantes caseiros.

3. Usar compressa fria e quente 

Uma técnica que é muito eficaz para fechar os poros do rosto é usar uma bolsa térmica morna durante 3 minutos no rosto, e depois colocar uma bolsa térmica fria por 2 minutos, essa diferença de temperatura ajuda a melhorar a oxigenação dos tecidos e a elasticidade dos poros, ajudando na saúde e beleza da pele. Essa técnica pode ser feita em dias alternados, durante 1 a 2 semanas, para notar os resultados. 

4. Hidratar a pele

Um outro cuidado diário importante é manter a pele do rosto devidamente hidratada usando os cremes indicados para o seu tipo de pele. As versões oil free e não comedogênico são excelentes opções para quem tem a pele oleosa ou lipídica, assim como os cremes que contém ácido retinóico. 

5. Evitar alimentos gordurosos 

Os poros abertos podem estar relacionados com a genética e com o consumo de gordura na alimentação, que promove a formação do excesso de sebo pelas glândulas sebáceas da pele, entupindo os canais e favorecendo os cravos e espinhas.

Assim, é recomendado evitar alimentos processados, industrializados e alimentos fritos. Também é importante beber bastante água ou chá para manter a pele mais limpa e naturalmente hidratada de dentro para fora. 

6. Praticar exercícios aeróbicos 

A pratica exercícios aeróbicos, por pelo menos 20 minutos, como caminhada rápida, corrida ou bicicleta promovem a sudorese, que também é benéfica para a pele, já que promove a eliminação das toxinas acumuladas, desobstruindo os poros e favorecendo o seu fechamento.

Tratamentos para fechar os poros

Existem alguns tratamentos estéticos que podem ajudar a diminuir os poros do rosto, sendo os principais:

1. Limpeza de pele profunda 

Fazer uma limpeza de pele profunda numa clínica ou centro de estética pelo menos 1 vez por mês é essencial para manter a pele profundamente limpa, já que nesse tipo de limpeza de pele são removidas todas as impurezas que não conseguem ser removidas durante uma esfoliação caseira.

Nas primeiras vezes em que esse tratamento é feito pode ser que a pele fique mais irritada e, aparentemente, fique pior, mas isso é natural e esperado, e conforme vão sendo realizadas mais sessões a pele vai ficando melhor e mais bonita. Veja aqui como é feita uma limpeza de pele profunda

2. Microdermoabrasão

A microdermoabrasão é uma esfoliação mecânica, não invasiva, em que é utilizado um pequeno aparelho de sucção que retira a camada mais superficial da pele e estimula a produção de colágeno, além de renovar as células, melhorar o aspecto da pele e diminuir os poros. Entenda como funciona a microdermoabrasão.

3. Peeling químico

O peeling químico é um tipo de tratamento estético que é feito com a aplicação de ácidos sobre a pele para retirar as camadas danificadas e promover o crescimento de uma camada lisa, podendo ser feito para eliminar manchas e linhas de expressão. 

Esse tipo de tratamento também reduz a oleosidade da pele, aumenta a produção de colágeno, e previne o aparecimento de cravos e espinhas. Os resultados do peeling químico dependem do tipo de peeling, se superficial, médio ou profundo, e das características da pele, sendo o resultado mais satisfatório em peles mais claras. Saiba mais sobre os benefícios do peeling químico.

Esta informação foi útil?

Fechar
Obrigado pela sua mensagem.
Revisão clínica:
Bruna Ribeiro
Especialista em Estética Avançada
Bruna Ribeiro dos Santos é enfermeira especialista em Estética Avançada pelo Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino (IBRAPE).
Atualizado por Manuel Reis - Enfermeiro, em março de 2022. Revisão clínica por Bruna Ribeiro - Especialista em Estética Avançada, em março de 2022.