Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Peeling de fenol: O que é e como se preparar

O peeling de fenol é um tratamento estético que é feito com a aplicação de um tipo de ácido específico sobre a pele, para retirar as camadas danificadas e promover o crescimento de uma camada lisa, sendo recomendado para casos de pele gravemente danificada pelo sol, rugas mais profundas, cicatrizes, manchas, ou crescimentos pré cancerosos. Por terem resultados dramáticos, apenas um tratamento é necessário, sendo que os resultados duram anos.

Em comparação com outros peelings químicos, o peeling de fenol é mais profundo e agressivo, em que são removidas as camadas de pele da epiderme e de porções da camada média e inferior da derme.

Peeling de fenol: O que é e como se preparar
Peeling de fenol: O que é e como se preparar

Quanto custa o peeling de fenol

O peeling de fenol pode custar cerca de R$12.000,00, no entanto, podem ser cobradas outras taxas associadas ao procedimento, tais como a anestesia, o uso da sala de operação e um possível internamento.

Como é feito o tratamento

O peeling com fenol é realizado sob condições cuidadosamente monitoradas em um consultório médico. O paciente é submetido a sedação e anestesia local para aliviar o desconforto, e a frequência cardíaca é também monitorada.

O médico usa um aplicador com ponta de algodão para aplicar o fenol na pele, que vai começar a ficar branca ou cinza. Para limitar a exposição ao fenol, o médico pode fazer a aplicação do fenol em  intervalos de cerca de 15 minutos, sendo que, um procedimento facial completo pode demorar cerca de 90 minutos.

Como se preparar

Como é um procedimento muito invasivo, antes de se optar pelo peeling de fenol, deve-se informar o médico sobre condições de coração, rim ou fígado, ou quaisquer procedimentos cosméticos que se tenham usado no passado, fazer uma preparação prévia:

  • Tomar antivirais antes e depois do procedimento, caso se tenha um histórico de infecções de herpes na boca, de forma a prevenir uma infecção viral;
  • Usar um agente de branqueamento, como a hidroquinona e um creme retinóide como a tretinoina, antes ou após o procedimento para evitar o escurecimento da pele;
  • Evitar a exposição ao sol desprotegida, usando protector solar pelo menos quatro semanas antes do peeling, para ajudar a prevenir a pigmentação irregular em áreas tratadas; 
  • Evitar certos tratamentos cosméticos e certos tipos de depilação;
  • Evitar o branqueamento, massagens ou esfregaço facial na semana anterior.

Caso se esteja a tomar algum medicamento, ou se tenha tomado algum medicamento recentemente, principalmente aqueles que tornam a pele mais sensível ao sol, deve-se também informar o médico.

Peeling de fenol: O que é e como se preparar

Antes e depois do peeling de fenol

Depois do peeling com fenol, pode-se verificar uma grande melhora na aparência das áreas tratadas, revelando uma nova camada de pele lisa, proporcionando um rejuvenescimento dramático. Após a cicatrização estar completa, a pele fica mais clara e luminosa, mais elástica e a aparência de rugas profundas e descoloração severa é significativamente reduzida.

Embora os resultados possam durar décadas, fazendo a pessoa parecer mais jovem, podem não ser permanentes. À medida que se envelhece, vão continuar a formar-se rugas. Os novos danos causados ​​pelo sol também podem reverter seus resultados e causar alterações na cor da pele.

Como é a recuperação

Sendo um tratamento muito profundo, que resulta em vermelhidão com inchaço severo e sensação de queimação, o peeling de fenol exige uma recuperação longa e desconfortável, em comparação com os mais leves, sendo necessário fazer uma recuperação em casa, no mínimo, de uma semana.

Muitos efeitos colaterais podem ser minimizados se as instruções do médico forem seguidas, como dormir numa posição que ajude a reduzir o inchaço, tomando analgésicos e aplicando um curativo à prova de água. Deve-se também evitar a exposição solar por cerca de três meses após o peeling, pois a pele é incapaz de bronzear, e deve-se passar sempre protector solar antes de sair de casa.

A nova pele surge cerca de duas semanas após o peeling, no entanto, podem aparecer cistos ou manchas brancas, e a vermelhidão pode durar meses. Estes sinais podem ser mascarados com cosméticos, depois de formada a nova pele.

Peeling de fenol: O que é e como se preparar

Quem não deve fazer

Um peeling de fenol não deve ser feito por pessoas com:

  • Pele escura;
  • Rosto pálido e com sardas; 
  • Cicatrizes quelóides;
  • Pigmentação anormal da pele
  • Verrugas faciais
  • Histórico pessoal de surtos frequentes ou graves de feridas;
  • Problemas cardíacos;

Além disso, pessoas que tenham feito tratamentos para o acne, como isotretinoína, nos últimos 6 meses também não devem optar por este tipo de peeling.

Este procedimento pode causar cicatrizes e mudanças na cor da pele, sendo o escurecimento da pele mais comum neste tipo de peeling, infecção por vírus que causa feridas, ou mesmo doença cardíaca, renal ou hepática. Por isso, para limitar a exposição ao fenol, o peeling é feito em porções, em intervalos de 10 a 20 minutos.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...