Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

Coenzima Q10: para que serve, alimentos e quando tomar

fevereiro 2023
  1. Para que serve
  2. Alimentos
  3. Suplementos
  4. Efeitos colaterais
  5. Contraindicações

A coenzima Q10 é uma enzima naturalmente presente nas células, que ajuda na produção de energia, diminuindo o cansaço e melhorando a disposição física e mental.

Também possui forte ação antioxidante, capaz de fortalecer o sistema imunológico e proteger as células contra os radicais livres, podendo ajudar no tratamento de diabetes, colesterol alto, insuficiência cardíaca e pressão alta.

A coenzima Q10 pode ser obtida pela ingestão de alimentos como carnes, aves e peixes, mas também pode ser utilizada na forma de suplementos em cápsulas ou comprimidos.

Imagem ilustrativa número 1

Para que serve

A coenzima Q10 traz vários benefícios para a saúde como:

1. Melhora a disposição

A coenzima Q10 é fundamental para a produção de energia nas células, sendo essencial para melhorar a disposição durante os exercícios físicos.

Além disso, essa enzima também reduz o estresse oxidativo, promovendo a recuperação muscular, reduzindo a fadiga, e melhorando, assim, a performance durante os treinos.

2. Prevenir doenças cardiovasculares

A coenzima Q10 é um potente antioxidante que melhora a função das artérias e previne a formação de placas de gordura, ajudando a evitar o surgimento de doenças cardiovasculares, como pressão alta, aterosclerose e infarto.

Algumas pessoas com colesterol alto e que usam o remédio estatina, podem ter a produção natural de coenzima Q10 reduzida. Nestes casos, acredita-se que tomar suplementos de Coenzima Q10 pode diminuir os efeitos colaterais das estatinas, como dor muscular e cãibras.

3. Tratar a insuficiência cardíaca

Alguns estudos [1] [2] mostram que a suplementação com coenzima Q10 melhora as funções das artérias, evitando as complicações da insuficiência cardíaca, como insuficiência renal, danos no fígado, infarto e até mesmo a morte.

4. Melhorar a saúde cerebral

A coenzima Q10 é fundamental para a produção de energia e para o fluxo sanguíneo no cérebro, ajudando a melhorar a disposição mental, a memória e a concentração. Veja outros suplementos para melhorar a memória e a concentração.

Assim, a coenzima Q10 equilibra os níveis dessa enzima, podendo ajudar no tratamento de depressão e na prevenção de doenças como demência, Parkinson e Alzheimer. No entanto, mais estudos são necessários para confirmar os benefícios da coenzima Q10 nestas condições.

5. Prevenir o envelhecimento precoce

Devido às suas propriedades antioxidantes, a coenzima Q10 ajuda a proteger a pele contra os radicais livres e os raios ultravioletas do sol. Por isso, quando usada da forma de suplementos ou cremes, a coenzima Q10 pode evitar a formação de rugas na pele, ajudando a prevenir o envelhecimento precoce.

6. Aliviar sintomas da fibromialgia

Como a coenzima Q10 possui ação antioxidante, a suplementação com esta enzima tem sido usada para aliviar os  sintomas de fibromialgia, como dor, fadiga, cansaço matinal e depressão. Conheça mais sobre os sintomas da fibromialgia

7. Prevenir o câncer

Devido às suas propriedades antioxidantes, a coenzima Q10 fortalece o sistema imunológico e protege as células contra os danos causados pelos radicais livres, podendo ajudar na prevenção do surgimento do câncer.

Apesar desses possíveis benefícios, mais estudos são necessários para se confirmar o uso da coenzima Q10 na prevenção do câncer.

8. Melhorar a fertilidade

Com o avançar da idade, os níveis naturais de coenzima Q10 no organismo vão diminuindo, deixando os óvulos e os espermatozoides mais suscetíveis aos danos causados pelos radicais livres.

Assim, a suplementação com coenzima Q10 pode melhorar a fertilidade, melhorando a quantidade e a qualidade do esperma no homem e dos óvulos na mulher. Veja outras dicas para melhorar a fertilidade.

A coenzima Q10 emagrece?

A coenzima Q10 atua na produção de energia nas células, melhorando a disposição durante os exercícios físicos, o que promove a queima de gordura corporal e, consequentemente, pode ajudar no emagrecimento.

No entanto, ainda não existem estudos que comprovem que a coenzima Q10 atue diretamente no emagrecimento.

Alimentos ricos em coenzima Q10

A tabela a seguir traz a quantidade de coenzima Q10 presente em cada 100g dos alimentos:

Alimento (100g)

Coenzima Q10 (mg) em cada 100 g de alimento

Coração bovino

11,3 mg

Bife bovino

81,9 mg

Coração de galinha

9,2 mg

Sardinha

3,5 mg

Peito de frango

1,2 mg

Atum em lata

1,5 mg

Azeite extra virgem

13,7 mg

Amendoim

2,7 mg

Sementes de gergelim

2 mg

Soja cozida

1,2 mg

Além disso, alguns legumes e frutas, como brócolis, espinafre, alho, abacate, maçã, por exemplo, também contém pequenas quantidades de coenzima Q10.

É importante lembrar que para se obter todos os benefícios da coenzima Q10, deve-se manter uma alimentação saudável e variada. Veja como fazer uma alimentação saudável.

Quando tomar suplementos de coenzima Q10

Os suplementos de coenzima Q10 geralmente são recomendados pelo médico ou nutricionista para idosos e pessoas que usam estatinas, que são remédios usados para controlar os níveis de colesterol no sangue.

O uso de suplementos de coenzima Q10 também podem ser indicado para evitar as complicações da insuficiência cardíaca, melhorar o desempenho durante os exercícios físicos e aliviar os sintomas da fibromialgia, por exemplo.

Os suplementos de coenzima Q10 podem ser encontrados na forma de ubiquinona ou ubiquinol e podem conter apenas essas enzimas ou serem associados com vitaminas e minerais. Geralmente a dose indicada desse suplemento é entre 50 mg a 200 mg 1 vez ao dia, variando conforme o objetivo a ser tratado pelo médico ou nutricionista. Já existem também alguns cremes com coenzima Q10 na composição, que ajudam a prevenir o envelhecimento precoce da pele.

Possíveis efeitos colaterais

A ingestão de suplementos de Coenzima Q10 podem causar alguns efeitos colaterais, como desconforto no estômago, insônia, náuseas, vômitos e diarreia.

Outros efeitos colaterais raros com o uso de suplementos de coenzima Q10 incluem tontura, sensibilidade à luz, irritabilidade, dor de cabeça, azia, movimentos involuntários e fadiga.

Quem não deve usar

O uso de suplementos de coenzima Q10 não é indicado para crianças ou pessoas com doenças nos rins ou fígado. Pessoas que estejam em tratamento com quimioterápicos também não devem usar suplementos de coenzima Q10.

Mulheres grávidas ou que estejam amamentando também não devem usar coenzima Q10, porque não existem estudos que comprovem a segurança desse suplemento nessas situações.

Pessoas que usam remédios hipoglicemiantes, varfarina ou teofilina, ou que tenham hipoglicemia, só devem usar a coenzima Q10 sob a recomendação e acompanhamento de um médico.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em fevereiro de 2023.

Bibliografia

  • MOUNT SINAI. Health Library: Coenzyme Q10. Disponível em: <https://www.mountsinai.org/health-library/supplement/coenzyme-q10>. Acesso em 26 out 2022
  • PRAVST, Igor et al. Coenzyme Q10 Contents in Foods and Fortification Strategies. Critical Reviews in Food Science and Nutrition. Vol.50. 269-280, 2010
Mostrar bibliografia completa
  • TREASURE ISLAND (FL): STATPEARLS PUBLISHING. StatPearls Publishing: Coenzyme Q10. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK531491/>. Acesso em 26 out 2022
  • MAYO CLINIC. Drugs and supplements: Coenzyme Q10. Disponível em: <https://www.mayoclinic.org/drugs-supplements-coenzyme-q10/art-20362602>. Acesso em 26 out 2022
  • JAFARI, Mehdi et al. Coenzyme Q10 in the treatment of heart failure: A systematic review of systematic reviews. Indian Heart Journal. Suppl.1; S111-S117, 2018
  • BAHTT, N, Kunal; BUTLER, Javed. Myocardial Energetics and Heart Failure: a Review of Recent Therapeutic Trials. Current Heart Failure Reports. Vol.15. 3.ed; 191-197, 2018
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.

Tuasaude no Youtube

  • COMO BAIXAR O SEU COLESTEROL

    10:06 | 645955 visualizações
  • Insuficiência Cardíaca | Alimentação para Controlar

    09:24 | 131342 visualizações