Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Melasma - Como combater as manchas de gravidez

As manchas de gravidez na pele, melasma ou cloasma gravídico, como são chamadas cientificamente, surgem porque as alterações hormonais que ocorrem na gravidez estimulam a melanogênese, que é a formação de melanina.

As manchas de gravidez aparecem, geralmente, por volta dos 6 meses e são de cor marrom e embora sejam mais frequentes no rosto também podem aparecer nas axilas, virilhas e barriga. Apesar de aparecerem na gravidez, elas podem durar alguns anos após o bebê nascer, se não forem bem tratadas.

As manchas de gravidez saem?

As manchas de gravidez podem desaparecer espontaneamente após o nascimento do bebê ou com o tratamento, mas o melasma pode-se tornar permanente, dependendo do organismo de cada mulher.

No entanto, a pele pode voltar a escurecer se houver exposição solar sem o uso do protetor solar.

Como evitar as manchas de gravidez

Não há forma de evitar as manchas de gravidez, pois elas estão relacionadas com os hormônios. Contudo, é possível amenizar a situação evitando a exposição solar nas horas de maior calor, entre às 10h e às 16h, e colocando chapéu ou boné e protetor solar indicado pelo dermatologista, reaplicando de 2 em 2 horas.

Como tratar as manchas de gravidez

Para tratar as manchas de gravidez é necessário esperar pelo parto e, caso o bebê seja amamentado, o término da amamentação, devido aos riscos que os procedimentos estéticos e os medicamentos ou cremes podem trazer para a grávida e o bebê.

As opções de tratamento incluem peelings, sessões de laser e cremes para clarear as manchas de gravidez indicados pelo dermatologista, como:

  • Cremes clareadores indicados pelo dermatologista que devem ser usados com regularidade, geralmente à noite e que contêm ácido retinoico ou hidroquinona;
  • Peelings químicos que causam uma descamação leve na pele, ajudando a remover as células mortas e o pigmento em 3 a 5 sessões com intervalos de 2 a 4 semanas;
  • Laser que tem uma ação mais profunda na remoção do pigmento, em geralmente 10 sessões, podendo a pele ficar avermelhada e inchada após uma sessão. O laser é indicado para manchas que resistiram aos cremes ou aos peelings ou para a mulher que quer resultados mais rápidos.

Contudo, durante a gravidez, a gestante pode amenizar as manchas protegendo-se do sol, usando chapéu, protetor solar e evitando estar ao sol entre as 10h e as 16h.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...