Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é Hemangioma no fígado e quando pode ser grave

O hemangioma no fígado é um pequeno nódulo formado por um emaranhado de vasos sanguíneos, que, normalmente, é benigno, não evoluindo para câncer e não provocando sintomas. As causas do hemangioma no fígado não são conhecidas, no entanto, este problema é mais comum em mulheres com idade entre os 30 e os 50 anos que já estiveram grávidas ou que fazem reposição hormonal.

Geralmente, o hemangioma no fígado não é grave, sendo descoberto durante exames de diagnóstico a outros problemas, como ultrassom abdominal ou tomografia computadorizada. 

Na maioria dos casos, o hemangioma não necessita de tratamento, desaparecendo sozinho e sem apresentar ameaças para a saúde do paciente. Entretanto, há situações em que pode crescer muito ou apresentar risco de sangramento, o que pode ser perigoso, por isso, o hepatologista poderá indicar uma cirurgia. 

O que é Hemangioma no fígado e quando pode ser grave

Possíveis sintomas

Os sintomas do hemangioma podem incluir:

  • Dor no lado direito do abdômen;
  • Náuseas e vômitos;
  • Sensação de saciedade após comer pouca comida;
  • Perda de apetite.

Estes sintomas são raros e, normalmente, surgem apenas quando o hemangioma tem um tamanho superior a 5 cm, sendo recomendado consultar um hepatologista para fazer uma avaliação adequada.

Os exames e a análise do hepatologista irão observar a necessidade de realizar o tratamento ou apenas observar, além de diferenciar que o nódulo não se trata de um câncer no fígado. Confira quais são os sinais que indicam câncer no fígado

Como confirmar

O hemangioma do fígado é detectado através de exames de imagem do abdômen, como ultrassom, tomografia computadorizada ou ressonância magnética.

Esses exames também são úteis para diferenciar o hemangioma de outros tipos de lesões hepáticas, como tumores malignos ou o cisto do fígado, que é um acúmulo de líquido neste órgão. Para entender as diferenças, confira mais detalhes sobre o que é o cisto no fígado

Tomografia do hemangioma no fígadoTomografia do hemangioma no fígado
Hemangioma no fígadoHemangioma no fígado

Como é feito o tratamento

O tratamento para hemangioma no fígado deve ser orientado por um hepatologista, mas normalmente só é feito quando o paciente apresenta sintomas como dor abdominal ou vômitos constantes, quando há dúvidas de que o hemangioma possa ser um tumor maligno ou quando há risco de rompimento dos vasos com sangramento.

Normalmente, o tratamento mais utilizado para o hemangioma no fígado é a cirurgia para retirada do nódulo ou da parte afetada do fígado, porém, nos casos mais graves, também pode ser necessária radioterapia ou transplante hepático.

Quando o paciente não precisa de tratamento para hemangioma no fígado, é recomendado fazer a vigilância do problema, pelo menos, 1 vez ano no hepatologista.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...