Gravidez: sintomas, como confirmar, fases e problemas comuns

setembro 2022

A gravidez é um período de cerca de 9 meses, em que a mulher desenvolve um bebê no útero. Durante esse período, ocorrem diversas alterações no corpo da mulher, que podem ser identificadas por meio de sintomas como ausência de menstruação, náuseas e aumento das mamas, por exemplo.

Embora a gravidez seja dividida em trimestres, sua duração é contada em semanas e dias. Essa contagem é importante durante o acompanhamento médico para saber que exames devem ser feitos e que alterações podem ser identificadas a cada semana.

Para confirmar a gravidez, é importante consultar um ginecologista ou um obstetra, para fazer uma avaliação e exames específicos, como a dosagem de beta HCG e o ultrassom.

Principais sintomas

Os principais sintomas da gravidez são:

  • Ausência de menstruação;
  • Náusea, com ou sem vômitos;
  • Aumento das mamas;
  • Vontade frequente de urinar;
  • Cansaço;
  • Desejo ou enjoo de determinados alimentos;
  • Cor azulada da região genital;
  • Aumento da sensibilidade das mamas;
  • Escurecimento dos mamilos;
  • Aparecimento de veias nas mamas.

Os sintomas da gravidez tendem a ser melhor percebidos a partir de 5 semanas de gestação e geralmente surgem gradualmente, com sintomas como náusea e cansaço podendo ocorrer diariamente. Confira os primeiros sintomas de gravidez semana a semana.

Além disso, algumas vezes os sintomas de gravidez podem ser confundidos com os sintomas de TPM, principalmente em mulheres que nunca estiveram grávidas antes. Saiba como diferenciar os sintomas de gravidez e TPM.

Teste online de gravidez

Se acha que pode estar grávida, responda a este teste online para saber quais as suas chances:

Saiba se está grávida

Começar o teste
Imagem ilustrativa do questionário
No ultimo mês você teve relação sexual sem usar camisinha ou outro método contraceptivo como DIU, implante ou anticoncepcional?
  • Sim
  • Não
Você notou algum corrimento vaginal cor-de-rosa ultimamente?
  • Sim
  • Não
Você está ficando enjoada e tem vontade de vomitar de manhã?
  • Sim
  • Não
Você está mais sensível ao cheiros, ficando incomodada com cheiros como cigarro, comida ou perfume?
  • Sim
  • Não
Sua barriga parece mais inchada que antes, sendo mais difícil manter a calça jeans apertada durante o dia?
  • Sim
  • Não
Sua pele parece mais oleosa e com tendência à acne?
  • Sim
  • Não
Você está se sentindo mais cansada e com mais sono?
  • Sim
  • Não
Sua menstruação está atrasada há mais de 5 dias?
  • Sim
  • Não
Você já fez algum teste de gravidez de farmácia ou o exame de sangue, no ultimo mês, com resultado positivo?
  • Sim
  • Não
Você tomou a pílula do dia seguinte até 3 dias após a relação desprotegida?
  • Sim
  • Não

Como saber se está grávida

Para confirmar a gravidez é importante consultar um ginecologista ou um obstetra, que irá avaliar os sintomas, e indicar exames como a dosagem de beta HCG no sangue e o ultrassom transvaginal. Veja o que é a dosagem de beta-HCG e como entender o resultado.

Além disso, existem testes de gravidez vendidos em farmácias e supermercados que podem ser feitos em casa e permitem a identificação do beta HCG na urina. Estes testes podem indicar uma gravidez quando o resultado é positivo. Entenda melhor como saber se está grávida.

Quando fazer o teste de farmácia

O teste de gravidez de farmácia pode ser feito logo que se note atraso da menstruação, no mínimo 8 a 11 dias após o contato íntimo desprotegido. Esse é o período necessário para que o corpo da mulher produza beta-HCG em quantidade suficiente para ser detectado no teste.

Fases da gravidez

A gravidez geralmente é dividida em trimestres:

  • Primeiro trimestre: corresponde às primeiras 12 semanas da gravidez;
  • Segundo trimestre: vai da 13ª semana até a 28ª semana;
  • Terceiro trimestre: é o final da gravidez, que vai da 29ª até a 40ª semana.

Embora a gravidez seja dividida dessa forma, a contagem geralmente é feita em semanas e dias, sendo chamada de idade gestacional. A idade gestacional é útil para definir os cuidados médicos e exames necessários em cada momento da gravidez. Veja como calcular a idade gestacional.

O que faz perder o bebê

A perda do bebê, conhecida como aborto espontâneo, normalmente é causada por alterações genéticas que ocorrem ao acaso durante o desenvolvimento do bebê e que são incompatíveis com a vida. Entenda melhor o que é o aborto espontâneo e as causas.

No entanto, o risco é maior em mulheres mais velhas, com histórico anterior de perda da gravidez, em caso tabagismo, consumo de álcool, doenças como sífilis e HIV, exposições a produtos tóxicos como metais pesados e solventes, e alterações no útero causadas por miomas ou anormalidades genéticas, por exemplo.

Além disso, doenças, como diabetes e síndrome do anticorpo antifosfolipídeo, e alguns medicamentos como misoprostol e mifepristona também podem provocar a perda do bebê.

Principais cuidados durante a gravidez

Alguns cuidados recomendados em caso de gravidez são:

  • Iniciar o pré-natal assim que possível, porque o acompanhamento médico adequado da gravidez é importante para prevenir complicações;
  • Não fumar, usar bebidas alcoólicas ou drogas ilícitas, porque podem prejudicar o desenvolvimento do bebê;
  • Manter uma alimentação equilibrada, para garantir nutrientes em quantidade suficiente para o desenvolvimento do bebê;
  • Fazer exercício físico regularmente conforme a orientação de um profissional, porque diminui o risco de complicações, como ganho excessivo de peso, hipertensão e diabetes gestacional;

Além disso, também é importante sempre consultar um obstetra antes de fazer uso de quaisquer medicamentos, sejam eles comprados em farmácia, na forma de chás ou suplementos naturais, devido aos riscos que alguns podem ter para a saúde do bebê. Confira quais os principais medicamentos que podem causar aborto.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Jonathan Panoeiro - Neuropediatra, em setembro de 2022.

Bibliografia

  • STATPEARLS. Spontaneous Abortion. 2022. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK560521/>. Acesso em 22 set 2022
  • ESHRE Capri Workshop Group. Induced abortion. Hum Reprod. Vol.32, n.6. 1160-1169, 2017
Mostrar bibliografia completa
  • KONAR, Hiralal. DC Dutta's Textbook of Obstetrics. 8.ed. New Delhi, India: Jaypee Brothers Medical Publishers (P) Ltd, 2015.
  • UPTODATE. Clinical manifestations and diagnosis of early pregnancy. 2022. Disponível em: <https://www.uptodate.com/contents/clinical-manifestations-and-diagnosis-of-early-pregnancy>. Acesso em 22 set 2022
  • AUSTRALIAN GOVERNMENT DEPARTMENT OF HEALTH AND AGED CARE. Pregnancy Care Guidelines. Disponível em: <https://www.health.gov.au/resources/pregnancy-care-guidelines/introduction>. Acesso em 22 set 2022
  • STATPEARLS. Pregnancy. 2022. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK448166/>. Acesso em 22 set 2022
  • STATPEARLS. Gestational Age Assessment. 2021. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK526000/>. Acesso em 22 set 2022
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.

Tuasaude no Youtube

  • DOR NAS COSTAS NA GRAVIDEZ - O que fazer

    07:53 | 272221 visualizações
  • Primeiros sintomas de gravidez

    02:53 | 1085682 visualizações
  • Como não engordar na gravidez

    05:37 | 891795 visualizações