Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como acabar com as espinhas nas costas

Setembro 2020

A principal causa de espinhas nas costas é a oleosidade em excesso, desencadeada por alterações hormonais que podem acabar entupindo e inflamando os poros, causando a acne, principalmente em adultos com predisposição genética, gestantes, adolescentes e até em pessoas que sofrem com o ciclo menstrual desregulado. Além disso, o estresse e o nervosismo também podem causar alterações hormonais, permitindo que as espinhas apareçam. 

Para tratar as espinas nas costas é importante ir ao dermatologista, para que a pele seja avaliada, e se necessário ter a prescrição de produtos nos casos mais graves, como antibióticos ou loções à base de peróxido de benzoíla ou ácido acetilsalicílico, por exemplo. 

Além disso, também é importante ter algumas atitudes como fazer uma esfoliação leve 2 vezes por semana, ingerir cerca de 2 litros de água por dia e iniciar uma alimentação mais saudável. 

Como acabar com as espinhas nas costas

Remédios mais utilizados

O tratamento para acne nas costas deve ser feito, preferencialmente, com o uso de produtos tópicos, à base de loções ou cremes com substâncias que secam e previnem as espinhas, orientados pelo dermatologista. Algumas opções são:

  • Sabonetes anti-acne à base de ácido salicílico, enxofre ou peróxido de benzoíla por exemplo, que ajudam a controlar e combater o surgimento de espinhas;
  • Tônicos para a limpeza da pele, usados diariamente para diminuir a oleosidade e prevenir espinhas;
  • Loções e pomadas de peróxido de benzoíla, ácido salicílico, ácido retinoico, adapaleno ou tretinoína, por exemplo, tratam a maior parte dos casos;
  • Antibióticos como clindamicina, eritromicina e isotretinoína, podem ser prescritas pelo dermatologista em casos de acne muito inflamada e intensa, que não reduz com outros tratamentos. 

Além dos medicamentos, também existem técnicas de radiofrequência, fototerapia com luzes especiais, laser e luz pulsada, por exemplo, que tratam as espinhas. Confira outras opções de tratamento para espinhas.

Como deve ser a alimentação

Uma alimentação balanceada, que fornece todos os nutrientes necessários, pode regular não só os hormônios, reduzindo a oleosidade que causa a acne, mas também ajuda a regular o humor, o peso e os níveis de gordura no sangue por exemplo.

Neste vídeo a nutricionista Tatiana Zanin fala sobre como a alimentação saudável pode ajudar no tratamento e redução das espinhas:

Opções de tratamento caseiro

O tratamento caseiro para tratar as espinhas nas costas pode complementar o tratamento prescrito pelo dermatologista, além de impedir que a acne volte a surgir nesta região. Desta forma deve-se:

  • Esfoliar as costas 2 vezes por semana, com esponja vegetal ou produto esfoliante;
  • Beber pelo menos 1,5L água por dia para manter a pele hidratada;
  • Evitar alimentos ricos em açúcar e gordura, além de produtos industrializados, como enlatados e embutidos, bebidas com gás ou álcool;
  • Usar diariamente hidratante para peles acneicas oil free;
  • Preferir protetor solar oil free, quando se expor ao sol;
  • Evitar espremer as espinhas, pois pode infeccionar a pele e agravar o problema.

Além disso, limpar a pele com chá de hortelã pelo menos uma vez ao dia pode ajudar a reduzir as espinhas internas, e potencializar o tratamento. Confira 4 opções de remédios caseiros para acne nas costas

Bibliografia >

  • NHS. Acne. Disponível em: <https://www.nhs.uk/conditions/acne/>. Acesso em 04 Set 2020
  • U.S. NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE. Azelaic Acid Topical. Disponível em: <https://medlineplus.gov/druginfo/meds/a603020.html>. Acesso em 04 Set 2020
  • J CLIN AESTHET DERMATOL. Moisturizers for Acne. 2014. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4025519/>. Acesso em 04 Set 2020
  • J AM ACAD DERMATOL. Topical Therapy for Acne. Disponível em: <https://www.aafp.org/afp/2000/0115/p357.html>. Acesso em 04 Set 2020
  • J DTSCH DERMATOL GES .. [Topical retinoids in acne--an evidence-based overview]. Disponível em: <https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/20482688/>. Acesso em 04 Set 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem