Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

É possível engravidar tomando anticoncepcional?

As pílulas anticoncepcionais são hormônios que agem impedindo a ovulação e, por isso, evitam uma gravidez. No entanto, mesmo fazendo o uso correto, seja na forma de comprimidos, adesivo de hormônio, anel vaginal ou tomando injeção, existe um risco mínimo de engravidar porque os anticoncepcionais têm cerca de 99% de eficácia, ou seja, 1 em cada 100 mulheres pode engravidar mesmo usando corretamente. 

No entanto, algumas situações como esquecer de tomar o anticoncepcional, usar antibióticos ou outros remédios podem diminuir a eficácia da pílula anticoncepcional, aumentando o risco de gravidez. Veja alguns exemplos de remédios que diminuem a eficácia da pílula.

Se a mulher achar que está grávida, mas ainda estiver tomando a pílula, ela deverá realizar um teste de gravidez o mais rápido possível. Caso o resultado seja positivo, deve-se interromper o uso do anticoncepcional e consultar o ginecologista para acompanhamento. 

É importante ressaltar que antes de iniciar o uso de anticoncepcionais deve-se sempre consultar um ginecologista para que seja indicado o melhor método anticoncepcional para cada mulher e a forma correta de uso.

É possível engravidar tomando anticoncepcional?

Alguns fatores podem limitar a eficácia da pílula anticoncepcional e aumentar o risco de uma gravidez e incluem:

1. Esquecer de tomar um dia

Esquecer de tomar a pílula anticoncepcional um dia pode aumentar as chances de engravidar porque os níveis de hormônio no corpo podem variar, o que aumenta o risco de ovular. 

Em caso de esquecimento de tomar a pílula anticoncepcional na primeira semana da cartela, há um maior risco de gravidez porque a ovulação pode acontecer mais cedo e os espermatozoides podem sobreviver no canal vaginal por até 5 dias depois do contato íntimo.

No caso de se esquecer de tomar um comprimido, deve-se tomar assim que lembrar e depois tomar o próximo comprimido no horário habitual. 

Nestes casos, deve-se usar um outro método contraceptivo adicional, como a camisinha, por exemplo, durante os próximos 7 dias. Saiba mais o que fazer se esquecer de tomar o anticoncepcional

2. Não tomar no horário certo

Os anticoncepcionais são feitos para tomar a cada 24 horas, por isso é importante tomar sempre no mesmo horário para não ocorrer variação dos níveis de hormônio no corpo, que aumenta o risco de ovular e as chances de engravidar.

Algumas dicas para tomar no horário certo são colocar um relógio para despertar, um lembrete no celular ou criar o hábito de tomar a pílula com uma atividade diária específica, como durante o almoço ou jantar, por exemplo.

No casos das pílulas anticoncepcionais que contém somente um hormônio, a progesterona, como o Cerazette, atrasar o horário de uma dose da pílula aumenta muito as chances de engravidar porque os níveis hormonais caem muito rapidamente, o que aumenta muito o risco de ovular.

É importante usar um método contraceptivo adicional, pelos próximos 7 dias, caso se esqueça de tomar o anticoncepcional no mesmo horário todos os dias.

3. Ter episódios de diarreia ou vômito

Ter episódios de diarreia ou vômito nas 3 a 4 horas após tomar a pílula anticoncepcional ou ter vômitos ou diarréia por 48 horas ou mais, reduzem a absorção da pílula anticoncepcional, aumentando o risco de engravidar. 

Nestes casos, deve-se continuar tomando o anticoncepcional normalmente e usar camisinha como método contraceptivo adicional.

É possível engravidar tomando anticoncepcional?

4. Esquecer de tomar várias vezes

Esquecer de tomar a pílula anticoncepcional várias vezes durante o mês não permite um efeito contraceptivo eficaz e o risco de gravidez aumenta muito. Por isso, deve-se usar camisinha durante todo o uso da cartela do anticoncepcional, até iniciar uma nova.

Nesse caso, é importante conversar com o ginecologista e tentar um outro método contraceptivo que não necessite ser tomado todos os dias, como injeção anticoncepcional, adesivo hormonal, implante de hormônio no braço ou colocar um DIU, por exemplo.

5. Trocar de anticoncepcional

Trocar de anticoncepcional requer cuidado e orientação médica pois cada anticoncepcional tem suas características e a troca de hormônios pode alterar os níveis de hormônio no corpo e ocorrer uma ovulação indesejada aumentando o risco de engravidar.

Geralmente, é aconselhado usar camisinha nas 2 primeiras semanas quando se troca de anticoncepcional. Veja como trocar de anticoncepcional sem correr o risco de engravidar.

6. Usar outros remédios

Alguns remédios podem interferir na eficácia dos anticoncepcionais orais, reduzindo ou cortando seu efeito.

Alguns estudos comprovam que a maior parte dos antibióticos não interfere com o efeito dos anticoncepcionais orais, desde que tomados corretamente, todos os dias e à mesma hora. No entanto, existem alguns antibióticos que comprovadamente reduzem a eficácia dos anticoncepcionais, como a rifampicina, a rifapentina e a rifabutina, usados para tratar a tuberculose, hanseníase e meningite bacteriana e a griseofulvina que é um antifúngico usado para tratar micoses na pele. Quando for necessário usar esses antibióticos ou apresentar vômitos ou diarreia após o uso de qualquer antibiótico, deve-se usar camisinha como método contraceptivo adicional para evitar uma gravidez. 

Outros remédios que reduzem a eficácia dos anticoncepcionais orais são os anticonvulsivantes como fenobarbital, carbamazepina, oxcarbamazepina, fenitoína, primidona, topiramato ou felbamato, usados para diminuir ou eliminar crises convulsivas. Por isso é importante conversar com o médico responsável pelo tratamento para evitar interações que interfiram no uso dos anticoncepcionais.

É possível engravidar tomando anticoncepcional?

7. Tomar bebidas alcoólicas

O álcool não interfere diretamente nos anticoncepcionais orais, no entanto, quando se bebe ocorre um risco maior de esquecimento de tomar a pílula, o que pode reduzir sua eficácia e aumentar o risco de uma gravidez indesejada.

Além disso, no caso de beber muito antes de tomar o anticoncepcional e vomitar até 3 ou 4 horas depois de tomar a pílula, vai reduzir a eficácia do anticoncepcional.

8. Não guardar o anticoncepcional corretamente

A pílula anticoncepcional deve ser armazenada em uma temperatura entre 15 e 30 graus e longe da umidade, por isso não deve ser guardada no banheiro ou cozinha. Manter a pílula na embalagem original, na temperatura correta e longe de umidade, garante que os comprimidos não sofram alterações que possam reduzir sua eficácia e aumentar o risco de engravidar.

Antes de usar a pílula deve-se observar o aspecto do comprimido e se tiver alguma alteração de cor ou cheiro, se esfarelar ou parecer molhado, não utilizar. Comprar outra cartela de anticoncepcional para garantir que os comprimidos estão intactos e sem alterações que possam afetar a eficácia.

É possível engravidar tomando a pílula e amamentando?

A pílula anticoncepcional de progesterona, Cerazette, que é usada durante a amamentação, serve para evitar a gravidez e tem uma eficácia de cerca de 99%, como as outras pílulas anticoncepcionais. No entanto, se a mulher se esquecer de tomar a pílula por mais de 12 horas ou estiver tomando um antibiótico, por exemplo, pode engravidar novamente, mesmo se estiver amamentando. Nestes casos, deve-se usar um método contraceptivo adicional, como a camisinha, pelo menos pelos próximos 7 dias de atraso da dose da pílula.

Veja quais os antibióticos que cortam o efeito do anticoncepcional.

Esta informação foi útil?

Sua opinião é importante! Escreva aqui como podemos melhorar o nosso texto:

Ficou alguma dúvida? Clique aqui para ser respondido.
Verifique o email de confirmação que lhe enviamos.

Bibliografia

  • COLQUITT, Charlie W.; MARTIN, Tonya S. Contraceptive Methods: A Review of Nonbarrier and Barrier Products. J Pharm Pract. 30. 1; 130-135, 2017
  • WOODHAMS, Elisabeth J. W.; GILLIAM, Melissa. Contraception. Ann Intern Med. 170. 3; ITC18-ITC32, 2019
  • STATPEARLS PUBLISHING. Oral Contraceptive Pills. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK430882/>. Acesso em 29 Dez 2020
  • WEBMD. Birth Control Pills. Disponível em: <https://www.webmd.com/sex/birth-control/birth-control-pills>. Acesso em 29 Dez 2020
  • NATIONAL HEALTH SERVICE (ENGLAND). How effective is contraception at preventing pregnancy?. Disponível em: <https://www.nhs.uk/conditions/contraception/how-effective-contraception/>. Acesso em 29 Dez 2020
Mais sobre este assunto:

Carregando
...
Enviar Mensagem