Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Dieta pobre em fibras para situações especiais

Uma dieta pobre em fibras pode ser recomendada no pré-operatório, na preparação de alguns exames como a colonoscopia ou em casos de diarreia ou inflamações intestinais, como diverticulite ou, doença de crohn por exemplo.

Uma dieta pobre em fibras facilita todo o processo de digestão e, também diminui bastante os movimentos gástricos, reduzindo a dor em caso de inflamações intestinais, além de diminuir a formação de fezes e gases que é importante, especialmente antes de alguns tipos de cirurgia com anestesia geral, por exemplo.

Alimentos pobre em fibras

Alguns dos alimentos mais pobres em fibras que podem ser inseridos neste tipo de dieta, são:

  • Leite ou iogurte desnatado;
  • Peixe, carne de frango e peru;
  • Pão branco, torradas, arroz branco bem cozido;
  • Abóbora ou cenoura cozidas;
  • Frutas sem casca e cozidas, como banana, pera ou maçã.

Além de dar preferencia aos alimentos que não têm muitas fibras, a preparação dos alimentos é outra das estratégias importantes para reduzir a quantidade de fibras da alimentação, cozinhando e retirando a casca de todos os alimentos que forem consumidos.

Durante essa dieta pobre é importante eliminar frutas e legumes crus, assim como leguminosas, como feijão ou ervilha, porque são alimentos com muitas fibras e que estimulam o funcionamento do intestino.

Para saber mais sobre os alimentos que se deve evitar na dieta pobre em fibras leia: Alimentos ricos em fibras.

Cardápio da dieta pobre em fibras

Um exemplo de cardápio da dieta pobre em fibras pode ser:

  • Café da manhã - Pão branco com leite desnatado.
  • Almoço - Canja com cenoura. Pera cozida para sobremesa, sem casca.
  • Lanche - Purê de maçã e pera com torradas.
  • Jantar - Pescada cozida com arroz e purê de abóbora. Para sobremesa, maçã assada, sem casca.

Essa dieta deve ser feita por 2-3 dias, até o intestino recuperar o seu funcionamento, por isso, se não melhorar nesse período, é importante consultar o gastroenterologista.

Dieta pobre em fibras e resíduos

A dieta pobre em resíduos é uma dieta ainda mais restritiva que a dieta pobre em fibras e não podem ser consumidos quaisquer frutas ou legumes.

Essa dieta deve ser feita apenas com indicação médica e com supervisão nutricional porque é incompleta nutricionalmente e só se pode comer caldos de carne magras, sucos de fruta coados, gelatina e chás.

Geralmente, uma dieta pobre em fibras e resíduos destina-se aos pacientes em pré-operatório ou em preparação do intestino para cirurgia ou algum exame de diagnóstico ou logo após a cirurgia.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...