Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Desenvolvimento do bebê – 1-3 semanas de gestação

Semana de gestação: 1-3 semanas

Equivale ao mês: Início do 1º mês

Equivale aos dias: 1 a 21 dias de gestação

O primeiro dia da gravidez é considerado o primeiro dia da última menstruação porque a maior parte das mulheres não consegue saber com certeza quando foi o seu dia mais fértil, e também não é possível saber em que dia exato ocorreu a fecundação já que o espermatozoide pode sobreviver até 7 dias dentro do corpo da mulher.

Tecnicamente, nas primeiras duas semanas a mulher não está grávida porque ainda não ovulou, no entanto, o útero está se preparando e, nessas semanas acontece o engrossamento do revestimento do útero, chamado endométrio, para receber o embrião, caso ocorra a fecundação.

A ovulação ocorre entre entre a 2ª e a 3ª semana e, se os espermatozoides encontrarem o óvulo podem fecundá-lo, começando a se dividir e a originar o embrião, que vai chegar até ao útero e implantar-se, processo conhecido como nidação, numa das suas paredes espessas. Confira como saber se houve fecundação e nidação.

Durante a 3ª semana, embora ainda não existam muitos sintomas nesta fase da gravidez, é normal a mulher começar a sentir mais inchada, emotiva e com alguns enjoos que acontecem devido às alterações hormonais que estão acontecendo e, pode acontecer um pequeno sangramento, como consequência da nidação.

Desenvolvimento do bebê – 1-3 semanas de gestação

Desenvolvimento do bebê

Após a concepção, o embrião, em desenvolvimento, fornece uma informação ao cérebro sobre a sua existência, através do hormônio Beta HCG, que inibe a próxima menstruação. Além disso, o hormônio Beta HCG também mantém os níveis de progesterona elevados durante toda a gestação, essenciais para evitar contrações durante a gestação e a expulsão do embrião antes do tempo. 

Uma vez que ainda não existe placenta, o embrião comporta-se de forma independente da mãe, no entanto, já é dependente do corpo da mãe para receber o abrigo necessário para o seu desenvolvimento. A placenta normalmente desenvolve-se por volta das 12 semanas de gestação, quando as necessidades do bebê se tornam mais exigentes, necessitando de maior quantidade de sangue, oxigênio e nutrientes.

Tamanho do bebê

O embrião ainda é muito pequeno, medindo , aproximadamente 0,15 mm, sendo menor que uma semente de chia.

Mudanças no corpo da mulher

Nestas primeiras semanas raramente a mulher percebe os sintomas de gravidez, no entanto, pode acontecer um pequeno sangramento, como consequência da nidação e, em algumas grávidas podem começar a surgir os primeiros sinais, como mais inchaço e maior sensibilidade, além de poder sentir-se mais emotiva.

Além disso, é normal que apareçam os primeiros enjoos, uma vez que estão acontecendo alterações hormonais comuns na gravidez. Conheça os primeiros 14 sinais de que pode estar grávida. 

Para confirmar a gestação, é possível fazer exames de urina ou de sangue, que medem a quantidade do hormônio beta HCG presente, identificando assim a gravidez

Cuidados durante a 1-3 semanas

Quando a mulher souber que está grávida, é fundamental marcar uma consulta com o obstetra para começar o acompanhamento da gravidez, ser avaliada e serem feitos exames para saber quais os níveis de ácido fólico, que é uma vitamina importante para prevenir malformações do bebê.

As primeiras semanas de gravidez são as que requerem um maior cuidado, uma vez que existe o risco de perder o bebé e, desta forma, é importante que a mulher não pratique exercícios que tenham um grande impacto, como saltar ou lutar, no entanto, pode caminhar, correr ou fazer natação.

Os cuidados com a alimentação como, evitar gorduras, açúcar ou alimentos mal cozinhados devem ser feitos ao longo de toda a gravidez, começando a partir do momento em que a mulher saber que está grávida.

É importante que a grávida não tome remédios sem orientação do médico porque podem provocar malformações no bebê e aumentar o risco de aborto, incluindo alguns remédios para os enjoos. Assim, para aliviar os sintomas a mulher pode beber e comer alimentos gelados ou bolachas de água e sal. Veja 5 formas naturais de aliviar o enjoo na gravidez.

Sua gravidez por trimestre

Para facilitar a sua vida e você não perder tempo procurando, separamos toda a informação que você precisa por cada trimestre de gestação. Em que trimestre você está?

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • MINISTÉRIO DA SAÚDE. Caderneta da gestante. 2018. Disponível em: <https://portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br/wp-content/uploads/2019/02/Caderneta-da-Gestante-2018.pdf>. Acesso em 11 Fev 2021
  • NWABUOBI, Chinedu et al. hCG: Biological Functions and Clinical Applications. International Journal of Molecular Sciences. 18. 1-15, 2017
  • GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL. Atenção à saúde da mulher no Pré-Natal, Puerpério e Cuidados ao Recém-nascido. 2017. Disponível em: <http://www.saude.df.gov.br/wp-conteudo/uploads/2018/04/3-Atencao_a_Saude_da_Mulher_no_Prenatal_Puerperio_e_Cuidados_ao_Recem_nascido.pdf>. Acesso em 11 Fev 2021
  • ALVES, Tuanne; BEZERRA, Martha. Principais alterações fisiológicas e psicológicas durante o Período Gestacional. Rev. Mult. Psic.. 14. 49; 114-126, 2020
  • VICENTINI, Carolina. Movimento e Desenvolvimento Humano: O Período Embrionário. 2019. Disponível em: <http://www.unisalesiano.edu.br/salaEstudo/materiais/p1007d10178/material3.pdf>.
Mais sobre este assunto:

Carregando
...