Daflon: para que serve e como tomar

Revisão clínica: Flávia Costa
Farmacêutica
fevereiro 2022

O Daflon é um remédio indicado para tratamento dos sintomas de insuficiência venosa leve ou hemorróidas, pois possui propriedades tônicas e protetoras dos vasos sanguíneos, que ajudam a diminuir a dilatação das veias, aumentando o tônus e a resistência dos pequenos vasos sanguíneos. Além disso, ajuda a normalizar a permeabilidade dos vasos sanguíneos e atua no sistema linfático, facilitando a eliminação de líquidos acumulados nas pernas.

Essas propriedades se devem aos seus compostos ativos, que são a diosmina e a hesperidina, que exercem sua ação sobre o fluxo sanguíneo que retorna das veias para o coração.

Esse remédio pode ser encontrado em farmácias ou drogarias na forma de comprimidos, como Daflon 500 ou Daflon 1000, e embora não precise de apresentação de receita médica, seu uso deve ser feito com orientação médica, de acordo com a condição a ser tratada e gravidade dos sintomas.

Para que serve

O Daflon é indicado para o tratamento da insuficiência venosa leve e crônica dos membros inferiores, que causam sintomas como dor, sensação de peso nas pernas, tensão, formigamento, retenção de líquidos, inchaço, coceira ou varizes.

Além disso, o Daflon pode ser indicado para o tratamento de hemorróidas, pois tem ação anti-inflamatória, e protetora vascular, que atuam sobre as veias da hemorróida, diminuindo a sua dilatação e aumentando o tônus do vaso sanguíneo.

O Daflon também pode ser indicado para o alívio de sintomas pré e pós-operatórios, de cirurgia de safena ou de hemorróida, e para aliviar a dor pélvica crônica associada à síndrome de congestão pélvica.

Como tomar

O Daflon deve ser tomado por via oral, sendo que as doses dependem da condição a ser tratada e da apresentação do remédio, e incluem:

Indicação

Daflon 500 mg

Daflon 1000 mg

Alívio dos sintomas de insuficiência venosa

2 comprimidos por dia, sendo 1 pela manhã e 1 à noite, tomado junto com uma refeição, por pelo menos 6 meses de tratamento ou de acordo com a prescrição do médico

1 comprimido por dia, de preferência pela manhã, tomado junto com uma refeição.

Se após 2 semanas de tratamento, não ocorrer melhora dos sintomas, deve-se consultar o médico antes de continuar o tratamento

Crises de hemorróida

6 comprimidos ao dia, durante os primeiros 4 dias e, em seguida, 4 comprimidos por dia durante 3 dias. Após este primeiro tratamento, devem ser tomados 2 comprimidos ao dia, pelo menos 3 meses ou de acordo com a prescrição médica

3 comprimidos por dia, nos primeiros 4 dias. Depois tomar 2 comprimidos por dia, nos próximos 3 dias. Após este primeiro tratamento, a dose recomendada é de 1 comprimido por dia, por pelo menos 3 meses de tratamento, ou conforme orientação médica

Período pré ou pós operatório de cirurgia de safena

2 comprimidos por dia, durante 4 ou 6 semanas, de acordo com a prescrição do médico

1 comprimido por dia, durante 4 semanas, de acordo com a prescrição do médico

Período pós-operatório de cirurgia de hemorróida

6 comprimidos por dia, durante os primeiros 3 dias, e, em seguida, 4 comprimidos por dia durante 4 dias. O tempo de tratamento deve ser de pelo menos 7 dias, ou conforme a orientação médica

3 comprimidos por dia, durante os primeiros 3 dias, e, em seguida, 2 comprimidos por dia durante 4 dias. O tempo de tratamento deve ser de pelo menos 7 dias, ou conforme a orientação médica

Dor pélvica crônica

2 comprimidos por dia, durante 4 ou 6 meses, de acordo com a prescrição do médico

1 comprimido por dia, durante 4 ou 6 meses, de acordo com a prescrição do médico

Os comprimidos de Daflon podem ser tomados com água ou diluídos em um pouco de água antes de tomar, caso a pessoa tenha dificuldade em engolir.

É importante seguir as recomendações médicas quanto as doses e o tempo de tratamento dom Daflon, de acordo com a condição a ser tratada.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns que podem surgir durante o tratamento com Daflon são diarreia, azia, náusea ou vômitos.

Embora sejam raros, outros efeitos colaterais que podem surgir são dor de cabeça, mal-estar, erupção cutânea, coceira, urticária, tontura e inchaço da face, lábios ou pálpebras.

Quem não deve usar

O Daflon não deve ser usado por mulheres grávidas, lactantes, assim como crianças e adolescentes com menos de 18 anos.

Além disso, esse remédio não deve ser usado por pessoas com alergia a qualquer um dos componentes da fórmula.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em fevereiro de 2022.

Bibliografia

  • ANVISA- AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA. Daflon. Disponível em: <https://consultas.anvisa.gov.br/#/medicamentos/250000101308832/>. Acesso em 02 dez 2021
  • AGENCIA ESPAÑOLA DE MEDICAMENTOS Y PRODUCTOS SANITARIOS. Prospecto Daflon 500 mg. Disponível em: <https://cima.aemps.es/cima/dochtml/p/59080/Prospecto_59080.html>. Acesso em 02 dez 2021
Mostrar bibliografia completa
  • SERVIER. Doença Hemorroidária. Disponível em: <https://www.daflon.pt/doenca-hemorroidaria/>. Acesso em 02 dez 2021
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.

Tuasaude no Youtube

  • Tratamento natural para HEMORRÓIDA

    03:00 | 1069389 visualizações