Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Como perder barriga em 1 mês

Para emagrecer e perder barriga em 1 mês, deve-se fazer exercícios no mínimo 3 vezes por semana e ter uma alimentação restritiva, consumindo menos alimentos ricos em açúcar e em gordura, para que assim o corpo gaste a energia acumulada em forma de gordura.

É importante anotar os motivos porque deseja perder barriga, de forma a manter o foco no objetivo final, medir a circunferência da barriga, tirar fotos do seu progresso e ter uma balança para se pesar 1 vez por semana, porque assim é possível ter uma noção real da evolução e dos benefícios dos exercícios e da dieta.

O ideal é consultar um médico para fazer uma avaliação da saúde antes de iniciar atividades físicas, que devem ser feitas com orientação de um educador físico e uma dieta com nutricionista de forma individualizada para que se alcance os objetivos de forma orientada e saudável.

Algumas estratégias que podem ajudar a emagrecer e a perder barriga em 1 mês são:

1. Fazer exercícios físicos

A melhor forma de queimar gordura é fazendo exercícios. Os melhores exercícios para quem quer emagrecer e perder barriga rápido são a conjugação dos exercícios aeróbicos, como a caminhada rápida ou a corrida, com os anaeróbicos intensos, como a musculação, por exemplo, porque se complementam. Os exercícios devem ser realizados de 3 a 5 vezes por semana, com uma duração mínima de 1 hora. 

Assista o vídeo com os melhores exercícios para perder barriga em 1 mês:

2. Usar pimenta caiena

Uma ótima estratégia para acelerar o metabolismo para perder a barriga é usar a pimenta caiena que é rica em capsaicina, uma substância termogênica que age aumentando o metabolismo e o gasto calórico, o que favorece a perda de peso e da gordura da barriga.  Além disso, a capsaicina da pimenta caiena pode ajudar a reduzir a fome, ajudando a comer menos ao longo do dia.

Uma boa forma de usar a pimenta caiena é adicionar uma pitada num litro de água e ir bebendo durante o dia, tendo o cuidado de não adicionar em excesso, porque a bebida pode ficar muito picante. 

Outra opção é colocar 1 colher (de café) de pimenta caiena em pós em 1 litro de azeite e usar para temperar a salada.

No caso de pessoas com problemas com azia ou gastrite, pode-se experimentar tomar um chá de gengibre com canela durante o dia, sem açúcar, porque ele também ajuda a queimar gordura.

Além disso, a pessoa deve ingerir, no mínimo, 2 litros de água por dia, podendo adicionar algumas gotas de limão para melhorar o sabor e evitar sucos e chás industrializados.

3. Beber chá verde

Como perder barriga em 1 mês

O chá verde pode ajudar a reduzir gordura abdominal porque possui catequinas, cafeína e polifenóis na sua composição que têm propriedades termogênicas, o que ajuda a acelerar o metabolismo, fazendo com que o organismo gaste mais energia, ajudando a perder barriga.

O ideal é beber de 3 a 5 xícaras de chá verde por dia para ajudar a perder a barriga. Veja como preparar o chá verde para emagrecer.

4. Beber vinagre de maçã

Como perder barriga em 1 mês

O vinagre de maçã é rico em substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias que ajudam a aumentar a eliminação de gordura e prevenir seu acúmulo, por isso, pode ajudar a perder barriga.

Para consumir o vinagre de maçã, pode-se diluir de 1 a 2 colheres de sopa do vinagre de maçã em um copo de água e beber 20 minutos antes do café da manhã, do almoço ou do jantar. É importante lavar a boca ou beber água após ingerir o vinagre de maçã para não danificar os dentes.

Veja outros benefícios do vinagre de maçã e como consumir.

5. Comer alimentos ricos em fibras solúveis

Como perder barriga em 1 mês

As fibras solúveis da alimentação podem ajudar a perder barriga e incluem aveia, cevada, sementes de linhaça, gérmen de trigo, feijão, couve de bruxelas, brócolis cozido, abacate, pêra e maçã com casca, sendo recomendado comer 1 porção de fibras a cada 3 horas, por exemplo. 

Estas fibras solúveis aumentam a sensação de saciedade após a alimentação, o que ajuda a comer menos durante o dia, auxiliando no emagrecimento e na perda de barriga. Além disso, essas fibras absorvem água da alimentação, combatendo a prisão de ventre, reduzindo o inchaço abdominal e melhorando o funcionamento do intestino. Confira a lista completa de alimentos ricos em fibras.

6. Comer mais proteínas

Como perder barriga em 1 mês

Os alimentos ricos em proteínas, como peixe, carne magra e feijão, são ideais para ajudar a perder barriga e cintura porque aumentam a liberação do hormônio peptídeo que diminui o apetite e promove saciedade, além de aumentar a taxa metabólica e ajudar a reter a massa muscular magra durante a perda de peso.

Alguns estudos mostram que pessoas que comem mais proteínas tendem a ter menos gordura abdominal do que aquelas que comem uma dieta pobre em proteínas.

Uma ótima sugestão para aumentar o consumo de proteínas é incluir no almoço e no jantar uma porção de proteína como 2 ovos cozidos, 1 lata de atum em água ou 1 porção de carne magra como peito de frango sem pele ou peixe cozido ou assado, além de complementar com um prato cheio de saladas que podem ser sempre variadas.

7. Comer peixe

Como perder barriga em 1 mês

Os peixes como salmão, arenque, sardinha, cavalinha e anchova são ricos em ômega 3 que ajuda a reduzir a gordura abdominal e, por isso, devem ser incluídos na alimentação para perder barriga.

O ideal é consumir esses peixes pelo menos 2 a 3 vezes por semana, ou usar suplemento de ômega 3, com orientação de um médico ou nutricionista. Confira todos os benefícios do ômega 3.

8. Eliminar o açúcar

Como perder barriga em 1 mês

O açúcar depois de ingerido se transforma em energia que é armazenada em forma de gordura, principalmente na barriga. Além disso, o açúcar é muito calórico e por isso, eliminá-lo da alimentação ajuda a emagrecer e a perder barriga.

Uma ótima estratégia é deixar de adicionar açúcar nos alimentos, no café, no suco e no leite, mas também é importante ler os rótulos porque o açúcar está presente em muitos alimentos. Veja como o açúcar pode estar escondido nos alimentos. 

O uso de adoçantes também é desaconselhado, porque eles contêm toxinas que prejudicam o emagrecimento. No entanto, se a pessoa não conseguir resistir a doces, pode experimentar a Stévia, que é um adoçante natural, ou usar o mel, mas em pequenas quantidades.

Assista o vídeo seguinte para saber o que mais pode fazer para perder barriga em 1 mês:

9. Tentar fazer jejum intermitente

O jejum intermitente é um estilo alimentar que permite que o corpo recorra às reservas de gordura como fonte de energia, podendo ser feito de 12 até 32 horas sem comer.

Esse tipo de jejum, pode ajudar a perder a barriga, além de reduzir a resistência à insulina, a melhorar o diabetes tipo 2 e a reverter a pré-diabetes. 

No entanto, para fazer o jejum intermitente, deve-se consultar um médico ou um nutricionista para orientar a forma correta de fazer e se a pessoa não possui nenhum problema de saúde que seja contraindicado o jejum intermitente.

No nosso podcast a nutricionista Tatiana Zanin, esclarece as principais dúvidas sobre o jejum intermitente, quais seus benefícios, como fazer e o que comer após o jejum:

O que não comer

Para perder barriga rápido, além de uma alimentação balanceada e praticar exercícios físicos, deve-se evitar: 

  • Alimentos ricos em gorduras trans como alimentos processados e industrializados, margarina, bolos, biscoitos recheados, pipoca de microondas e macarrão instantâneo, por exemplo;
  • Bebidas alcoólicas porque ajudam a acumular gordura na barriga;
  • Alimentos ricos em açúcar como cereais matinais, frutas cristalizadas, granola ou sucos industrializados;
  • Carboidratos como pão, farinha de trigo, batata e batata doce.

Além disso, ao cozinhar, deve-se evitar usar óleos de canola, milho ou soja e substituir pelo óleo de côco que é mais saudável e pode ajudar a reduzir a gordura abdominal.

O que fazer para não voltar a engordar

Para não voltar a engordar e ganhar barriga, é importante continuar a praticar atividade física de forma regular, manter uma alimentação saudável e substituir, sempre que possível, os alimentos industrializados e ricos em açúcar por alimentos naturais.

No caso da pessoa estar muito acima do peso, deve-se fazer acompanhamento com médico, nutricionista para alcançar um emagrecimento saudável e um educador físico para orientar a prática de exercícios físicos de forma individualizada e evitar lesões. Em alguns casos, pode ser necessário o uso de remédios para emagrecer indicados por um endocrinologista.

Veja também um programa completo para perder barriga em 1 semana.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • PANCHAL, Sunil K.; et al. Capsaicin in Metabolic Syndrome. Nutrients. 10. 5; 1-21, 2018
  • BURTON-FREEMAN, B. Dietary fiber and energy regulation. The Journal of Nutrition. 130. 2S; 272S-275S, 2000
  • HALTON, Thomas L.; HU, Frank B. The effects of high protein diets on thermogenesis, satiety and weight loss: a critical review. J Am Coll Nutr. 23. 5; 373-385, 2004
  • STANHOPE, Kimber L.; HAVEL, Peter J. Fructose Consumption: Considerations for Future Research on Its Effects on Adipose Distribution, Lipid Metabolism, and Insulin Sensitivity in Humans. The Journal of Nutrition. 139. 6; 1236S–1241S, 2009
  • OHKAWARA, K. et al. A dose-response relation between aerobic exercise and visceral fat reduction: systematic review of clinical trials. Int J Obes (Lond). 31. 12; 1786-1797, 2007
  • ZIVKOVIC, Angela M. Dietary omega-3 fatty acids aid in the modulation of inflammation and metabolic health. Calif Agric (Berkeley). 65. 3; 106-111, 2011
Mais sobre este assunto:

Carregando
...