Cana-de-macaco (cana-do-brejo): o que é, para que serve e como usar

Junho 2021

A cana-de-macaco, também conhecida como cana-do-brejo, é uma planta medicinal que possui propriedade adstringente, anti-inflamatória, diurética, nefroprotetora e tônica e, por isso, poderia ser utilizada para auxiliar no tratamento de problemas nos rins e no sistema urinário e alterações menstruais, por exemplo.

O nome científico dessa planta é Costus spicatus e pode ser encontrada em algumas lojas de produtos naturais ou farmácias de manipulação, no entanto o seu uso não deve substituir o tratamento indicado pelo médico, sendo apenas um complemento. Além disso, é importante consultar o fitoterapeuta, médico ou nutricionista antes de iniciar o uso da cana-do-brejo, pois o consumo em excesso pode interferir no funcionamento correto dos rins, por exemplo.

Cana-de-macaco (cana-do-brejo): o que é, para que serve e como usar

Para que serve

A cana-de-macaco possui ação adstringente, antioxidante, antimicrobiana, anti-inflamatória, nefroprotetora, depurativa, diurética, emoliente, sudorífera e tônica, podendo ser utilizada para auxiliar no tratamento de diversas situações, sendo as principais:

  • Cálculos renais;
  • Alterações menstruais;
  • Infecções sexualmente transmissíveis;
  • Dor nas costas;
  • Dor reumática;
  • Dificuldade para urinar;
  • Hérnia;
  • Inchaços;
  • Inflamação na uretra;
  • Úlceras;
  • Infecções urinárias.

Além disso, a cana-de-macaco promove o fortalecimento da imunidade e pode ser usada para tratar dores musculares, contusões e ajudar no processo de emagrecimento, sendo importante que o seu uso seja orientado pelo médico ou fitoterapeuta.

Como usar a cana-de-macaco

A cana-de-macaco pode ser usada para preparar chá, que pode ser feito com a folha e a haste da planta. Para preparar o chá, basta adicionar 20 gramas de folha e de haste em 1 litro de água fervente e deixar por cerca de 10 minutos. Em seguida, coar e beber o chá morno ao longo do dia, de acordo com a orientação do fitoterapeuta ou médico.

Efeitos colaterais e contraindicações

A Cana-de-Macaco não está associada a efeitos colaterais, no entanto seu uso em excesso ou prolongado pode resultar a danos nos rins, já que possui propriedade diurética. Por isso, é importante que o consumo da planta seja feito conforme orientação do médico ou fitoterapeuta. Além disso, gestantes e mulheres em fase de amamentação não devem consumir o chá ou qualquer outro produto que seja feito com essa planta.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • MORENO, Karyne G. T.; JUNIOR, Arquimedes G.; SANTOS, Ariany C. et al. Nephroprotective and antilithiatic activities of Costus spicatus (Jacq.) Sw.: Ethnopharmacological investigation of a species from the Dourados region, Mato Grosso do Sul State, Brazil. Journal of Ethnopharmacology. 266. 2021
  • EMBRAPA. Cana-do-brejo. 2011. Disponível em: <http://www.cpatc.embrapa.br/publicacoes_2011/f_01.pdf>. Acesso em 11 Jun 2021
  • DUARTE, Regiane C.; ANDRADE, Laís A.; OLIVEIRA, Tércia. Revisão da planta Costus spiralis (Jacq.) Roscoe: Pluralidade em propriedades medicinais. Revista Fitos. Vol 11. 2 ED; 119-249, 2017
Mais sobre este assunto: