Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

Aplasia medular: o que é, sintomas, causas e tratamento

Revisão médica: Dr. Arthur Frazão
Oftalmologista
dezembro 2022

A aplasia medular, também chamada de aplasia da medula óssea ou anemia aplásica, é uma alteração da medula óssea que leva a uma menor produção de hemácias, plaquetas e/ou leucócitos, provocando sintomas como fraqueza, manchas na pele e infecções frequentes.

Nem sempre a causa da aplasia medular é identificada, mas pode acontecer devido a infecções, como HIV e hepatite, exposição a pesticidas ou benzeno, especialmente em pessoas que trabalham com estes produtos, e alterações genéticas.  

Quando confirmado o diagnóstico, o tratamento é estabelecido de acordo com o grau da aplasia e geralmente é feito com o uso de medicamentos imunossupressores, antibióticos, transfusões sanguíneas e transplante de medula óssea.

Imagem ilustrativa número 1

Sintomas de aplasia medular

Os principais sintomas de aplasia medular são:

  • Cansaço excessivo;
  • Fraqueza;
  • Falta de ar;
  • Palidez;
  • Coração acelerado;
  • Manchas roxas na pele;
  • Sangramentos.

Além disso, também é comum a pessoa com aplasia medular desenvolver doenças infecciosas com mais frequência, como resfriados e gastroenterites, especialmente quando há diminuição da quantidade de leucócitos circulantes.

Em caso de suspeita de aplasia medular é importante consultar um hematologista para que seja feita uma avaliação, confirmado o diagnóstico e iniciado o tratamento mais adequado, que pode envolver medicamentos imunossupressores e transplante de medula óssea.

Aplasia medular é câncer?

A aplasia medular não é câncer, no entanto, também é considerada uma doença grave. Além disso, precisa ser diferenciada de outras doenças que também podem afetar a medula óssea, como alguns tipos de leucemia e metástases de tumores, para que seja tratada adequadamente.

Possíveis causas da aplasia medular

A aplasia medular pode ser causada por:

  • Exposição a radiações;
  • Uso alguns medicamentos, como o cloranfenicol;
  • Exposição a derivados de benzeno;
  • Exposição a pesticidas;
  • Infecções, como HIV e hepatites virais;
  • Uso de drogas citotóxicas;
  • Doenças autoimunes;
  • Doenças hereditárias, como a anemia de Fanconi.

Essas situações podem prejudicar o funcionamento da medula óssea, que é a responsável pela formação das células do sangue, levando a uma menor produção de novas células. Assim, sempre que possível, é importante identificar a causa da aplasia medular para que o tratamento mais adequado possa ser indicado.

Como confirmar o diagnóstico

O diagnóstico da aplasia medular normalmente é confirmado pelo hematologista levando em consideração os sintomas presentes e o resultado de exames como o hemograma e mielograma, um exame utilizado para avaliar a produção das células sanguíneas. Confira o que é o mielograma e como é feito.

Como é feito o tratamento

O tratamento para aplasia medular deve ser orientado pelo hematologista e pode variar de acordo com a causa, caso seja identificada. Quando nenhuma causa específica é encontrada, pode ser recomendada a realização de transplante de medula óssea e o uso de medicamentos imunossupressores. Entenda como é feito o transplante de medula óssea.

Além disso, dependendo da gravidade da anemia, também pode ser indicada a transfusão de sangue e, em caso de infecções, o uso de medicamentos como antibióticos, por exemplo.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Jonathan Panoeiro - Neuropediatra, em dezembro de 2022. Revisão médica por Dr. Arthur Frazão - Oftalmologista, em fevereiro de 2016.

Bibliografia

  • AGUDO, Isa et al. Aplasia medular transitória associada a infecção por parvovírus B19. Rev Soc Bras Clin Med. Vol.14, n.3. 2016
  • STATPEARLS. Aplastic Anemia. 2022. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK534212/>. Acesso em 23 dez 2022
Mostrar bibliografia completa
  • YOUNG, Neal S. Aplastic Anemia. N Engl J Med. Vol.379, n.17. 1643-1656, 2018
  • PESLAK, Scott A; OLSON, Timothy; BABUSHOK, Daria V. Diagnosis and Treatment of Aplastic Anemia. Curr Treat Options Oncol. Vol.18, n.12. 70, 2017
  • SHALLIS, Rory M; AHMAD, Rami; ZEIDAN, Amer M. Aplastic anemia: Etiology, molecular pathogenesis, and emerging concepts. Eur J Haematol. Vol.101, n.6. 711-720, 2018
  • STATPEARLS. Bone Marrow Failure. 2022. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK459249/>. Acesso em 23 dez 2022
  • ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA CONTRA A LEUCEMIA. Aplasia medular. Disponível em: <https://www.apcl.pt/pt/aplasia-medular>. Acesso em 21 dez 2021
  • REVISTA ABRALE. Anemia aplásica não é câncer, mas é igualmente grave. Disponível em: <https://revista.abrale.org.br/anemia-aplasica-nao-e-cancer-mas-e-igualmente-grave/>. Acesso em 21 dez 2021
Revisão médica:
Dr. Arthur Frazão
Clínico geral
Médico generalista, especialista em Oftalmologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em 2008, com registro profissional no CRM/PE 16878