Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve o Ácido retinóico e como usar

O Ácido retinóico, também conhecido o Tretinoína, é uma substância derivada da Vitamina A, que é muito utilizada devido a seus efeitos para reduzir manchas, suavizar rugas e tratar a acne. Isto, pois o este medicamento possui propriedades capazes de melhorar a qualidade do colágeno, aumentar a firmeza, diminuir a oleosidade e melhorar a cicatrização da pele. 

Este composto pode ser comprado em farmácias e farmácias de manipulação, em doses que podem variar entre 0,01% a 0,1%, indicadas na receita do dermatologista, de acordo com as necessidades para o tratamento de cada pessoa. Além disso, o Ácido retinóico pode ser utilizado para a realização de peeling químico nas concentrações entre 1 e 5%, para esfoliação da pele que irá se multiplicar em uma nova camada mais saudável. 

Além disso o Ácido retinóico pode ser comprado pronto na farmácia, com nomes comerciais como Vitacid, Suavicid ou Vitanol A, por exemplo, além de poder ser manipulado em farmácias próprias. 

Para que serve o Ácido retinóico e como usar

Preço 

O preço do Ácido retinóico varia de acordo com a marca do produto, o local, a concentração e a quantidade, podendo ser encontrado entre cerca de 25,00 a 100,00 reais a unidade do produto. 

Para que serve

Algumas das principais indicações Ácido retinóico incluem o tratamento de:

  • Acne;
  • Manchas escuras;
  • Sardas;
  • Melasma;
  • Flacidez ou aspereza da pele;
  • Suavizar rugas;
  • Cicatrizes da acne;
  • Estrias recentes;
  • Cicatrizes ou irregularidades na pele.

O Ácido retinóico pode ser usado sozinho ou em associação com outras substâncias que podem potencializar o seu efeito, como Hidroquinona ou Fluocinolona acetonida, por exemplo.

É importante lembrar que doses elevadas do Ácido retinóico em comprimido pode ser utilizado como quimioterapia, indicada pelo oncologista, no tratamento de alguns tipos de câncer, como da medula óssea e do sangue, já que em doses bastante elevadas pode ter a capacidade de causar a morte das células cancerígenas.

Como usar

Os efeitos do Ácido retinóco, ou Tretinoína sobre a pele podem ser adquiridos das seguintes formas:

Antes e depois do tratamento com ácido retinóicoAntes e depois do tratamento com ácido retinóico

1. Uso tópico

É a principal forma de se usar o Ácido retinóico é na sua apresentação em creme ou gel, nas doses entre 0,01 a 0,1%, para ser usado no rosto ou no local indicado pelo dermatologista, 1 a 2 vezes por dia.

Deve ser aplicada uma camada fina de creme ou gel, massageando suavemente, após ter lavado o rosto com água e sabão e ter secado suavemente com uma toalha limpa. 

2. Peeling químico

O Ácido retinóico pode ser usado em tratamentos com peeling químico, em clínicas de estética ou com o dermatologista, pois é um tratamento que leva a esfoliação da camada mais superficial da pele, permitindo o crescimento surgimento de uma pele nova mais macia, lisa e uniforme.

O peeling químico é um tratamento mais profundo que leva a resultados mais rápidos e visíveis que os cremes. Entenda como é feito e quais os benefícios do peeling químico

Efeitos colaterais

O Ácido retinóico pode apresentar algumas desvantagens e efeitos não desejados, e alguns dos mais comuns incluem:

  • Vermelhidão no local da aplicação;
  • Esfoliação da pele, conhecida popularmente como "despelar" ou "esfarelar";
  • Sensação de ardência ou picadas no local da aplicação;
  • Ressecamento da pele;
  • Surgimento de pequenos caroços ou manchas na pele;
  • Inchaço no local da aplicação.

Na presença de sintomas intensos, é orientado a descontinuação do uso e consultar-se com o dermatologista, para avaliar a necessidade de mudança da dose ou do produto utilizado.

Além disso, os efeitos colaterais podem surgir com mais facilidade quando se usa concentrações mais altas do medicamento, como o creme de 0,1%. 

Mais sobre este assunto:


Carregando
...