Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é útero bicorno, sintomas e tratamento

Setembro 2020

O útero bicorno é uma alteração congênita, em que o útero possui um formato anormal devido à presença de uma membrana, o que divide o útero ao meio de forma parcial ou total, no entanto nesse caso o útero não chega a ficar ligado ao colo do útero. Na maioria dos casos, essa alteração não leva ao aparecimento de sinais ou sintomas, sendo identificado apenas por meio de exames de imagem como a ultrassonografia, por exemplo.

As mulheres que possuem o útero bicorno não costumam apresentar dificuldade para engravidar, no entanto tem maior probabilidade de ter um aborto ou do bebê ser prematuro. Dessa forma, é importante que essas mulheres façam consultas regulares com o obstetra para que a gestação seja acompanhada mais de perto e possam ser prevenidas complicações.

O que é útero bicorno, sintomas e tratamento

Sintomas de útero bicorno

O útero bicorno na maioria das vezes não leva ao aparecimento de sinais ou sintomas, sendo muitas vezes descoberto apenas durante a realização de exames de imagem de rotina na vida adulta. Por outro lado, algumas mulheres podem apresentar alguns sintomas, sendo os principais:

  • Desconforto durante a ovulação;
  • Dor abdominal;
  • Dor durante a relação sexual;
  • Menstruação irregular.

Muitas mulheres com útero bicorno têm uma vida sexual normal e têm também gravidezes e partos sem problemas, mas em alguns casos esta malformação no útero pode causar infertilidade, aborto espontâneo, nascimento prematuro do bebê ou anormalidades nos rins.

Quem tem útero bicorno pode engravidar?

Geralmente um útero bicorno não afeta a fertilidade, mas em alguns casos pode causar aborto espontâneo ou parto prematuro devido ao tamanho reduzido do útero ou à ocorrência de contrações uterinas irregulares.

Além disso, vários estudos comprovam que mulheres com útero bicorno têm 4 vezes mais chances de ter um bebê com malformações e por isso é muito importante fazer exames regulares durante a gravidez e estar-se atento a qualquer sinal for do comum. Geralmente estas gravidezes são tratadas como gravidezes de risco e é muito provável que o parto seja realizado por cesariana. 

O que é útero bicorno, sintomas e tratamento

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico do útero bicorno é feito por meio de exames de imaem, sendo os principais:

  • Ultrassom, em que são capturadas imagens através de um dispositivo que pode ser colocado  contra a região abdominal ou inserido na vagina;
  • Ressonância magnética, que é um procedimento indolor que usa um campo magnético e ondas de radio para criar imagens transversais do interior do corpo;
  • Histerossalpingografia, que é um exame ginecológico em que é injetado um corante no útero e à medida que o contraste se move através dos órgãos reprodutivos são tirados raios-X para determinar a forma e o tamanho do útero.

Geralmente, antes de recorrer a estes exames, o médico realiza um exame pélvico, que consiste no exame visual e físico dos órgãos reprodutivos da mulher.

Como deve ser o tratamento

Normalmente não é necessário tratamento para útero bicorno, até porque a maioria dos casos não leva ao apareicmento de sinais ou sintomas. No entanto, caso ocorram sintomas que causem muito desconforto ou caso a mulher não consiga engravidar ou manter uma gravidez devido a esta condição, o ginecologista pode indicar a realização de uma cirurgia.

Bibliografia >

  • FEDERAÇÃO BRASILEIRA DAS ASSOCIAÇÕES DE GINECOLOGIA E OBSETRÍCIA. Más-formações uterinas e gravidez. 2018. Disponível em: <https://sogirgs.org.br/area-do-associado/mas-formacoes-uterinas-e-gravidez.pdf>. Acesso em 02 Set 2020
  • CUNHA, Alfredo A.; ASSAD, Mariana S.; ALVES, Daniela M.; CUNHA, Isabela O. Terceira gestação em útero bicorno com feto pré-termo vivo. Revista Científica do HCE.
  • NARANG, Kavita; COPE, Zebulun S.; TEIXEIRA, Jose M. Human Reproductive and Prenatal Genetics. Elsevier, 2019. 129-153.
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem