Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Saiba como é o Tratamento do Hipertireoidismo

Terapia com remédios, tratamento com cápsulas de iodo radioativo ou a cirurgia para a retirada da tireoide são as opções que existem disponíveis para o tratamento do hipertireoidismo. O tratamento desta doença não é certo ou linear, pois depende da idade do doente, da gravidade da doença e da intensidade dos sintomas apresentados.

O Hipertireoidismo é causado por distúrbio no funcionamento da glândula da tireoide, que faz com que ela funcione de forma exagerada, liberando hormônios para o corpo numa quantidade muito maior do que o esperado. Assim, os tratamentos para o hipertireoidismo pode ser feito com:

Saiba como é o Tratamento do Hipertireoidismo

1. Remédios para Hipertireoidismo

Remédios como Propiltiouracil, Propilracil, Metimazol ou Tapazol são usados no tratamento do Hipertireoidismo, pois são responsáveis por inibir a produção dos hormônios da tireoide, ajudando assim a estabilizar estes hormônios na corrente sanguínea. 

As doses a serem utilizadas deste remédios não são fixas e devem ser indicadas pelo médico, pois elas dependem da resposta de cada paciente ao tratamento e dos efeitos colaterais sentidos. Assim, ao longo do tratamento é necessário fazer ajustes da dose ao longo do tempo, onde para isso o médico avalia os efeitos colaterais sentidos e com base nessa informação decide se é necessário manter, aumentar ou baixar a dose do remédio. Saiba mais sobre os remédios que podem ser utilizados no tratamento em Remédios para Tireoide.

Para avaliar se o medicamento está na dose certa e se está tendo o efeito desejado, serão pedidos exames ao sangue para avaliar os níveis dos hormônios TSH, T3 e T4 no corpo, podendo a dose certa de remédios ser conseguida entre 6 a 8 semanas de tratamento.

2. Tratamento com iodo radioativo

Outra opção de tratamento consiste no tratamento com iodo radioativo, que consiste na toma de cápsulas contendo iodo radiotivo. Este método de tratamento vai destruir o tecido tireoidiano, destruindo assim a tireoide, uma vez que esta ao encontrar-se desregulada é prejudicial para a saúde.

Este é um método de tratamento definitivo, que faz com que seja necessário tomar hormônios para o resto da vida, uma vez que já não existe uma tireoide funcional que faça a sua produção. Este tipo de tratamento é contraindicado em casos de gravidez ou para mulheres que estejam amamentando. 

Muitas vezes, apenas 1 dose de iodo radioativo pode ser suficiente para tratar o hipertireoidismo, porém podem existir casos onde é necessário que o médico prolongue o tratamento por algum tempo. 

3. Cirurgia para retirada da tireoide

A cirurgia para retirada da glândula da tireoide é outra opção de tratamento sendo também definitivo, indicada especialmente nos casos onde os outros tratamentos não resultaram ou quando existe a presença de nódulos, aumento exagerado da tireoide ou câncer. Esta cirurgia pode ser total ou parcial e a diferença é baseada em se a glândula da tireoide é retirada na totalidade ou apenas uma parte. 

Saiba como é o Tratamento do Hipertireoidismo

A recuperação da cirurgia é bem simples, sendo depois apenas recomendado evitar fazer esforços para não provocar inchaço ou sangramento no local do corte. Saiba mais sobre como é feita esta cirurgia em Cirurgia de tireoide.

Veja o que você pode comer no dia a dia para controlar o hipertireoidismo no vídeo a seguir:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...