O que você precisa saber?

Como é feito o tratamento para enfisema pulmonar

O enfisema pulmonar é uma doença pulmonar que não tem cura e, por isso, o tratamento ajuda a aliviar os sintomas, como sensação de falta de ar, dor no peito e tosse, por exemplo. Conheça todos os sintomas desta doença.

Dessa forma, o tratamento deve deve ser orientado por um pneumologista para que esteja adequado aos sintomas de cada pessoa. No entanto, as formas de tratamento mais utilizadas incluem:

  • Remédios broncodilatadores, como Salbutamol ou Budesonida: relaxam as vias aéreas e facilitam a passagem de ar, aliviando sintomas como tosse e sensação de falta de ar;
  • Sprays de remédios corticoides, como Beclometasona ou Fluticasona: estes medicamentos reduzem a inflamação das vias respiratórias e, por isso, aliviam rapidamente todos os sintomas. No entanto, quando utilizados em excesso, os corticoides enfraquecem o sistema imune e aumentam o risco de problemas como diabetes ou cataratas;
  • Máscara de oxigênio: é usada nos casos mais avançados de enfisema, quando o oxigênio no sangue está em níveis muito baixos, podendo ser usado durante todo o dia para aliviar a falta de ar;
  • Cirurgia: embora seja mais raro, em alguns casos mais graves, o médico pode aconselhar fazer uma cirurgia para retirar as partes mais afetadas do pulmão, permitindo que as regiões saudáveis se expandam melhor e funcionem de forma mais adequada.

Além disso, o médico também pode recomendar o uso de antibióticos, como Amoxicilina, para combater possíveis infecções respiratórias, que são mais frequentes nos casos de enfisema.

Como é feito o tratamento para enfisema pulmonar

Tratamento com fisioterapia

Para completar o tratamento, o pneumologista pode ainda aconselhar sessões de fisioterapia, que consistem na realização de exercícios para expansão pulmonar, alongamento dos músculos a respiração, conscientização da postura e da respiração correta, utilizando o diafragma e não a região superior do tórax a fim de evitar a respiração apical, melhorando toda a função respiratória.

As sessões de fisioterapia devem ser realizadas diariamente e, inicialmente, pode ser necessário utilizar o balão de oxigênio durante os exercícios. Saiba mais sobre este tipo de tratamento.

Opção de tratamento natural

Um ótimo tratamento natural para enfisema pulmonar é aprender um exercício chamado freno labial e realizá-lo várias vezes ao dia. Para isso, basta inspirar profundamente e soltar o ar pela boca com os dentes entreabertos e os lábios semicerrados de forma a movimentá-los com o ar que sai pela boca.

Este simples exercício fortalece os músculos expiratórios e ajuda a eliminar completamente o ar dos pulmões, permitindo que mais oxigênio entre na inspiração seguinte.

Embora este tipo de tratamento tenha ótimos resultados, não deve substituir o tratamento indicado pelo médico, devendo ser apenas uma forma de completá-lo.

Sinais de melhora

O enfisema não tem cura e, por isso, os sintomas não desaparecem completamente. No entanto, após uma semana de tratamento já é possível notar uma diminuição em quase todos os sintomas, como sensação de falta de ar, dor no peito ou tosse.

Além disso, com o tratamento é possível voltar a fazer atividades que se tornaram muito cansativas, como fazer caminhadas ou subir escadas.

Sinais de piora

Os sinais de piora são mais comuns nos casos em que o tratamento não está sendo adequado ou quando ainda não foi feito o diagnóstico e incluem dificuldade extrema para respirar, dedos azulados, rosto com coloração arroxeada e chiado intenso ao respirar. Nestes casos, é aconselhado ir imediatamente ao hospital para iniciar o tratamento adequado e evitar complicações graves, como a parada cardio-respiratória.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...