Óleo de avestruz: para que serve, propriedades e contraindicações

setembro 2020

O óleo de avestruz é um óleo rico em ômega 3, 6, 7 e 9 e, por isso, pode ser útil no processo de emagrecimento, por exemplo, além de ser capaz de aliviar dores, reduzir as concentrações de colesterol e triglicerídeo no sangue e melhorar o sistema imune.

Esse óleo é extraído de uma bolsa de gordura presente na região abdominal do avestruz e pode ser encontrado na forma de cápsulas, óleo e em cremes em lojas de produtos naturais ou na internet. 

Para que serve

Devido à sua composição, o óleo de avestruz possui vários benefícios, sendo os principais:

  1. Melhora a saúde e a aparência da pele, cabelos e unhas;
  2. Evita rugas e linhas de expressão;
  3. Previne doenças cardiovasculares, como a aterosclerose, por exemplo;
  4. Melhora o funcionamento do cérebro;
  5. Auxilia no tratamento de doenças reumáticas e osteoarticulares, aliviando as dores;
  6. Auxilia no tratamento de doenças dermatológicas, como eczema, dermatite e psoríase;
  7. Previne inflamações;
  8. Auxilia no processo de cicatrização e na recuperação de queimaduras;
  9. Diminui a concentração de cortisol no sangue, diminuindo o estresse;
  10. Diminui as ondas de calor da menopausa e alivia os sintomas da TPM.

Além disso, o óleo de avestruz é capaz de auxiliar no processo de emagrecimento, pois auxilia no processo de mobilização e metabolização da gordura no organismo, ajudando no processo de queima de gordura e, consequentemente, emagrecimento. No entanto o consumo do óleo de avestruz em cápsulas para emagrecimento deve ser associado a uma alimentação saudável e à prática de atividades físicas para que se tenha os objetivos desejados.

Propriedades do óleo de avestruz

O óleo de avestruz é rico vitaminas A, E e em ácidos graxos, também conhecidos como ômegas, principalmente ômega 3, 6 e 9, que possuem inúmeros benefícios para a saúde, como por exemplo:

  • Ômega 3, que é um tipo de gordura boa que também está presente em vários alimentos e é capaz de reduzir a concentração de colesterol e triglicerídeo no sangue, bem como melhorar a memória e a disposição;
  • Ômega 6, que promove o fortalecimento do sistema imune e auxilia na queima de gordura, além de melhorar a aparência da pele;
  • Ômega 7, que é importante no processo de regeneração celular, melhorando a saúde da pele e auxiliando no tratamento de doenças dermatológicas, como dermatite e psoríase, por exemplo;
  • Ômega 9, que ajuda a sintetizar alguns hormônios e a reduzir os sintomas associados à TPM e à menopausa.

Assim, o óleo de avestruz possui propriedades anti-inflamatórias, analgésicas, cicatrizantes, hidratantes e regeneradora. Saiba mais sobre os ômegas 3, 6 e 9.

Contraindicações do óleo

Por ser um produto natural, o óleo de avestruz não possui contraindicações, no entanto, é preciso respeitar as doses diárias máximas para que não haja consequências para a saúde. É indicado consultar um médico ou fitoterapeuta para que seja indicada a dose diária recomendada para cada caso.

A dose diária máxima é normalmente indicada conforme o peso da pessoa, sendo cada quilo correspondente a 1 gota, por exemplo. Assim, caso a pessoa possua 60kg, por exemplo, são indicadas 60 gotas por dia, ou seja, 20 gotas 3 vezes ao dia, que podem ser dissolvidas em chás, água ou na comida. No caso das cápsulas, a quantidade deverá ser recomendada pelo médico, pois existem cápsulas com diversas concentrações do óleo de avestruz.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Equipe Editorial do Tua Saúde, em setembro de 2020.
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.