Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Microondas: é seguro para a saúde? e como utilizar corretamente

Segundo a OMS, a utilização do microondas para aquecer alimentos não traz qualquer risco para a saúde, mesmo durante a gravidez, porque a radiação é refletida pelo material metálico do aparelho e fica contida no seu interior, não se espalhando.

Além disso, a radiação também não fica nos alimentos, pois o aquecimento acontece pelo movimento das partículas de água e não pela absorção dos raios e, por isso, qualquer tipo de alimento, como pipocas ou papinha de bebê, podem ser preparados no microondas sem qualquer perigo para a saúde.

Microondas: é seguro para a saúde? e como utilizar corretamente

Como as microondas podem afetar a saúde

As microondas são um tipo de radiação que é utilizada em vários aparelhos do dia a dia, permitindo o funcionamento da televisão e do radar, assim como a comunicação entre vários sistemas de navegação atuais. Dessa forma, são um tipo de frequência que já é estudada há vários anos, para garantir que é completamente segura para a saúde.

No entanto, para que seja segura, a radiação microondas deve ser mantida abaixo de certos níveis, determinados por várias normas internacionais e, dessa forma, cada equipamento, que utiliza microondas, deve ser testado antes de sair para o público.

Caso a radiação microondas fosse liberada em altos níveis, poderia causar aquecimento dos tecidos do corpo humano e até dificultar a circulação de sangue em locais mais sensíveis como os olhos ou os testículos, por exemplo. Mesmo assim, a pessoa necessitaria ficar exposta por muito tempo seguido.

Como o microondas protege contra a radiação

O design do microondas garante que a radiação não consegue escapar para o seu exterior, pois é construído com material metálico que reflete eficazmente as microondas, mantendo-as no interior do aparelho e evitando que consigam passar para o exterior. Além disso, como o vidro permite a passagem das microondas, também é colocada uma rede metálica de proteção.

Os únicos locais do microondas que, por vezes, podem liberar alguma radiação são as finas aberturas em volta da porta e, mesmo assim, os níveis de radiação liberada são muito inferiores a qualquer norma internacional, sendo seguros para a saúde.

Rede adesiva da porta
Rede adesiva da porta

Como garantir que o micro-ondas não afeta a saúde

Embora o microondas seja seguro quando sai da fábrica, com o tempo, o material pode ir se degradando e permitir a passagem de alguma radiação.

Assim, para garantir que o microondas não faz mal à saúde é importante ter alguns cuidados, como:

  • Garantir que a porta está fechando de forma adequada;
  • Verificar se a rede adesivada da porta não está danificada com rachaduras, ferrugem ou outros sinais de degradação;
  • Informar qualquer dano no interior ou exterior do microondas para o fabricante ou um técnico;
  • Manter o micro-ondas limpo, sem restos de comida seca, especialmente na porta;
  • Utilizar recipientes próprios para microondas, que contenham símbolos que indicam que são próprios.

Caso o microondas se encontre danificado, é importante evitar utilizá-lo, até que seja reparado por um técnico qualificado.


Bibliografia

  • OMS. Electromagnetical fields and public health: Microwave Ovens. 2005. Link: <www.who.int>. Acesso em 22 Mar 2019
  • RAHMAN, Zain-Aldeen S. A.. Microwave Radiations and Its Effects on Human Health: A Review. The IJES. Vol.7. 16-20, 2018
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem