Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Alimentação para combater o Estresse e a Ansiedade

A alimentação para combater o estresse deve ser rica em alimentos com propriedades que ajudam a controlar a ansiedade e aumentam a sensação de bem-estar, como amendoim, banana, aveia e o chá da folha do maracujá, por exemplo.

Além de melhorar o humor e reduzir a ansiedade, consumir regularmente estes alimentos ajuda a proteger o corpo dos danos causados pelo estresse, como dor de cabeça, queda de cabelo, excesso de peso e envelhecimento precoce. Assim, a dieta anti-estresse deve incluir os alimentos indicados a seguir:

1. Alimentos ricos em Vitamina B

Alimentação para combater o Estresse e a Ansiedade

A vitamina B está presente em alimentos como alface, abacate, amendoim, castanha, nozes e cereais integrais, que incluem pão integral, arroz e macarrão integral, e aveia.

As vitaminas do complexo B participam da produção de energia no organismo e ajudam a melhorar o funcionamento do sistema nervoso, auxiliando a relaxar.

2. Alimentos ricos em triptofano

Os alimentos ricos em triptofano ajudam a combater o estresse porque aumentam a produção de serotonina, um hormônio fabricado no cérebro que dá uma sensação de bem-estar e ajuda a relaxar. O triptofano pode ser encontrado em alimentos como banana, chocolate amargo, cacau, aveia, queijo, amendoim, frango e ovo. Veja a lista completa aqui.

Alimentação para combater o Estresse e a Ansiedade

3. Legumes e frutas

Legumes e frutas são ricos em vitaminas, minerais e flavonoides, que são substâncias com alto poder antioxidante e que contribuem para reduzir a pressão arterial, ajudando a relaxar e combater o estresse. Os principais alimentos desse grupo que ajudam a evitar o estresse são maracujá, wiki, laranja, cereja e vegetais verdes escuros, como couve, espinafre e brócolis.

4. Alimentos ricos em ômega-3

O ômega-3 pode ser encontrado em alimentos como atum, salmão, sardinha, sementes de linhaça e de chia, nozes e gema de ovo. Ele é um tipo de gordura boa que ajuda a reduzir a inflamação no organismo e controlar os níveis de cortisol, o hormônio do estresse.

Além disso, ele participa da formação de neurônios e é importante para a transmissão de impulsos nervosos, ajudando a melhorar a memória e prevenindo doenças como Alzheimer, Parkinson e problemas cardiovasculares. Saiba todos os benefícios do ômega-3.

Alimentação para combater o Estresse e a Ansiedade

5. Chá de Folha de Maracujá

Mais do que o fruto em si, as folhas de maracujá ajudam a relaxar e combater o estresse por serem ricas em alcaloides e flavonoides, substâncias que ajudam a acalmar o sistema nervoso e relaxar os músculos, além de funcionarem como analgésico.

Tomar 1 xícara de chá de folhas de maracujá à noite ajuda a melhorar a respiração, acalmar os batimentos cardíacos, prevenir enxaquecas e combater a insônia, o que favorece o relaxamento necessário para ter uma boa noite de sono. Veja Como usar o maracujá para dormir melhor.

É importante lembrar que para obter os efeitos benéficos de redução do estresse e da ansiedade, esses alimentos devem ser consumidos com regularidade dentro de uma prática de alimentação saudável. Além disso, deve-se evitar o consumo de alimentos ricos em gorduras, açúcar, frituras e alimentos processados, como salsicha, bacon, biscoito recheado e caldo de carne em cubos.

Cardápio para combater o estresse

A tabela a seguir traz o exemplo de um cardápio de 3 dias da dieta anti-estresse.

RefeiçãoDia 1Dia 2Dia 3
Café da manhã200 ml de suco de laranja com cenoura + 1 omelete de ovos com queijo200 ml de leite + 2 fatias de pão integral com queijo ricotaVitamina de banana com aveia
Lanche da Manhãmix de castanhas de caju e do Pará2 kiwis + 1 col de sopa de goji berry15 amendoins + 2 quadradinhos de chocolate 70%
Almoço/JantarFrango empanado com farinha de linhaça + 4 col de sopa de arroz + 2 col de feijão + salada de alface, cenoura e pepino1/2 posta de salmão assado + arroz integral + salada de espinafre com cenoura raladaMacarronada de atum (com macarrão integral) + molho de tomate + brócolis ao vapor
Lanche da tarde1 iogurte natural batido com banana + 1 colher de chá de chia2 fatias de mamão amassadas + 1 colher de sopa de aveia4 colheres de sopa de abacate + 1 colher de chá de mel

Além de fazer alterações na alimentação, praticar atividade física com regularidade também a ajuda a reduzir o estresse e aumentar a produção de hormônios que dão a sensação de bem-estar.

Para saber como incluir esses alimentos na dieta, assista ao vídeo a seguir da nossa nutricionista:

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...