Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Consequências da Hipoglicemia na gravidez e neonatal

Embora em excesso possa fazer mal, o açúcar é muito importante para todas as células do organismo, já que é a principal fonte de energia utilizada para o funcionamento correto de órgãos como o cérebro, coração, estômago e, até, para a manutenção da saúde da pele e dos olhos.

Assim, quando se está com níveis muitos baixos de açúcar no sangue, como acontece durante uma crise de hipoglicemia, todo o corpo é afetado e podem até surgir complicações definitivas como as lesões cerebrais.

Veja como agir numa crise de hipoglicemia e evitar estas complicações.

Consequências da Hipoglicemia na gravidez e neonatal

Principais consequências

As consequências da hipoglicemia incluem o surgimento de seus sintomas que são tontura, visão turva, dupla ou embaçada, enjoo e suor frio, e se ela não for rapidamente tratada, a falta de energia no cérebro pode causar:

  • Lentidão dos movimentos;
  • Dificuldade em pensar e em agir;
  • Dificuldade em realizar o que estava fazendo, seja trabalhar, operar uma máquina ou dirigir e
  • Desmaio;
  • Lesão cerebral irreversível;
  • Coma e Morte.

Na maior parte das vezes, quando se corrige a glicemia logo que os sintomas de hipoglicemia são percebidos não têm qualquer sequela ou consequência negativa. Por isso, as complicações são mais comuns em quem sofre com hipoglicemia frequente e não faz o tratamento adequado das crises.

Consequências na gravidez

As consequências da hipoglicemia na gravidez podem ser:

  • Tontura;
  • Fraqueza;
  • Desmaio;
  • Letargia;
  • Sensação de dormência;
  • Confusão mental.

Estas consequências podem ocorrer quando a grávida não segue todas as orientações do médico e os sintomas da hipoglicemia vão tornando-se cada vez mais intensos até que o bom funcionamento cerebral seja comprometido, mas geralmente quando a mulher consome algum alimento este rapidamente equilibra os níveis de glicose no sangue e não há graves sequelas.

Para evitar a hipoglicemia na gravidez aconselha-se o comer de 2 em 2 horas dando preferência pelo consumo de alimentos com baixo índice glicêmico como frutas com casca, cereais integrais, legumes e carnes magras, por exemplo.

Consequências em recém-nascidos

As consequências da hipoglicemia neonatal frequente podem ser:

  • Dificuldade na aprendizagem
  • Lesão cerebral irreversível
  • Coma, seguido de morte.

Estas consequências podem ser facilmente evitadas, pois basta que o bebê seja alimentado a cada 2 ou 3 horas ou tome os medicamentos receitados pelo pediatra na dose certa e na hora certa.

A maior parte dos bebês que sofrem com hipoglicemia não têm sequelas ou consequências graves, ficando isto reservado para os bebês que não são tratados e que sofrem de hipoglicemia frequente.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar