Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

3 chás para pedra na vesícula e como preparar

Os chás para pedra na vesícula, como o chá de bardana ou chá de boldo, são um ótimo remédio caseiro pois possuem ação anti-inflamatória ajudando a reduzir a inflamação da vesícula ou estimulam a produção da bile e a eliminação da pedra na vesícula pelas fezes. 

Quando se forma uma pedra na vesícula, cientificamente chamada de cálculo biliar, ela pode ficar presa na vesícula ou ir para os canais biliares. Neste último caso, o cálculo pode obstruir a passagem da bile, causando sintomas como dor intensa no lado superior direito do abdômen, sendo que a cirurgia é a única forma de tratamento.

Estes chás só devem ser usados com conhecimento do médico quando o cálculo biliar ainda está na vesícula biliar e não passou para as vias biliares, pois ao estimular o fluxo da bile, as pedras maiores podem ficar presas e causar inflamação e dor, agravando os sintomas.

Chá de bardana

3 chás para pedra na vesícula e como preparar

O bardana é uma planta medicinal, conhecida cientificamente como Arctium lappa, que possui propriedades anti-inflamatórias que ajudam a aliviar a dor da pedra na vesícula, além de ter ação protetora no fígado e aumentar o fluxo biliar, o que pode auxiliar a eliminar a pedra na vesícula.

Ingredientes

  • 1 colher (de chá) de raiz de bardana;
  • 500 ml de água.

Modo de preparo

Colocar a água para ferver e, depois de fervida, juntar a raiz da bardana. Deixar descansar durante 10 minutos, coar e beber 2 xícaras do chá por dia, 1 hora após o almoço e 1 hora após o jantar.

Além de ser excelente para pedra na vesícula, o chá com bardana também ajuda a aliviar as cólicas causadas pelas pedras nos rins, pois diminui a inflamação e aumenta a produção de urina, facilitando a eliminação desse tipo de pedras.

Chá de boldo

3 chás para pedra na vesícula e como preparar

O chá de boldo, especialmente o boldo do Chile, possui substâncias como a boldina que estimula a produção de bile pela vesícula biliar, ajudando o fígado a trabalhar melhor e a eliminar a pedra na vesícula. 

Ingredientes

  • 1 colher de chá de folhas de boldo picado;
  • 150 mL de água fervente.

Modo de preparo

Adicionar o boldo picado na água fervente. Deixar descansar por 5 a 10 minutos, coar e tomar morno logo em seguida. O chá de boldo pode ser tomado de 2 a 3 vezes ao dia antes ou após as refeições. 

Chá de dente de leão

3 chás para pedra na vesícula e como preparar

O dente de leão, uma planta medicinal conhecida cientificamente como Taraxacum officinale, é uma excelente opção para ajudar a melhorar o funcionamento da vesícula biliar, pois estimula a produção de bile, ajudando na eliminação de pedras na vesícula. Além disso, possui propriedades anti-inflamatórias que ajudam a aliviar a dor causada pela pedra na vesícula.

Ingredientes

  • 10 g de folhas secas de dente-de-leão;
  • 1 xícara de água fervente.

Modo de preparo

Colocar as folhas secas de dente-de-leão dentro da xícara com a água fervente. Cobrir a xícara e deixar descansar por 10 minutos. Beber o chá morno imediatamente após o preparo. 

O chá de dente de leão não deve ser tomado por pessoas que usam medicamentos diuréticos.

Cuidados ao tomar os chás

Os chás para pedra na vesícula devem ser tomados com precaução pois ao estimular a produção da bile, as pedras maiores podem obstruir as vias biliares e aumentar a dor e a inflamação e, por isso, os chás apenas devem ser tomados com a orientação de um médico.

Bibliografia >

  • CHAN, Yuk-Shing; et al. A review of the pharmacological effects of Arctium lappa (burdock). Inflammopharmacol. 19. 245-254, 2011
  • LIN, Song-Chow; et al. Hepatoprotective Effects of Arctium lappa Linne on Liver Injuries Induced by Chronic Ethanol Consumption and Potentiated by Carbon Tetrachloride. Journal of Biomedical Science. 9. 5; 401-409, 2002
  • SCHUTZ, Katrin; et al. Taraxacum—A review on its phytochemical and pharmacological profile. Journal of Ethnopharmacology. 107. 313–323, 2006
  • AMARAL, Francesca Guzzetti . Efeito de extractos aquosos de Plectranthus barbatus e de Peumus boldus na acção do etanol e na absorção conjunta de colesterol em linhas celulares. Dissertação de mestrado em bioquímica, 2011. Universidade de Lisboa.
  • Lopes, A. S. N.; et al. Composição Química e Atividades Biológicas do Óleo Essencial de Peumus boldus Molina (Monimiaceae). Rev. Virtual Quim. 12. 2; 1-14, 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem